Browsing Tag

máquina fotográfica

0 em Comportamento/ Publieditorial/ Variadas (f)utilidades no dia 18.11.2014

Desafio Galaxy K Zoom Clicks: O Rio do Futilidades!

Lembram do Galaxy K Zoom, o celular que experimentamos durante a NYFW e contamos tudo aqui no blog? Então, a Samsung criou uma brincadeira super legal com esse aparelho! O Galaxy K Zoom Clicks é um desafio super legal onde bloggers do Rio vão enfrentar bloggers de SP, buscando as melhores fotos possíveis.

Nessa história tem 6 blogs envolvidos, no Rio somos nós, Starving e Fashionismo. Em SP, temos Lalá, Cris Tamer e Mari Saad. Nós adoramos as meninas, mas não vamos negar que queremos ver o Rio campeão nessa! Até a Carla, que mora em SP e ama, acha que a Cidade Maravilhosa tem que ganhar da Terra da Garoa (que não tem garoado muito, mas isso é assunto para outra hora). Sim, somos bairristas apaixonadas mesmo!

rio-de-janeiro

Para caprichar muito nesse primeiro post, eu e a Gabi resolvemos dividir com vocês um perfeito dia de folga no Rio de Janeiro.

Assim, passamos o dia 13 de outubro nas ruas curtindo um monte de coisa que a gente ama nessa cidade. Tudo nas lentes desse celular que mais parece uma câmera, e que registra fotos como nenhum outro faz.

Eu busquei a Gabi em casa e juntas resolvemos começar nosso dia de folga no Mirante do Leblon, perfeito para tomar uma água de coco e ver o Rio de Janeiro de uma vista linda!

E a brincadeira de fotos começou assim:

mirante-do-leblon-2 Mirante-leblon-HDR

Depois de encarar um modo paisagem, resolvi ver como funcionava o modo panorâmico. Fiquei encantada com o 360º e mais ainda com os recortes de tal foto, que é super rica em detalhes e, mesmo com um super zoom, não perdeu qualidade!

Separei o recorte para vocês:

uma-foto-e-seus-recortes

Conversa vai, conversa vem, a gente sentou para tomar um coco e lá fomos nós encarar o modo de auto retrato (que a gente apelidou carinhosamente de modo Selfie).

Nele, você é avisado pelo selfie alarm quando os rostos estão reconhecidos e o foco está pronto e daí, 3 fotos seguidas são tiradas. Parece que até que o celular faz milagre, as fotos abaixo não tem NENHUM tratamento, elas saíram assim do celular.

selfie-2 selfie-1

Depois eu e a Gabi colocamos a câmera no modo de “embelezar” e saiu essa foto super legal minha, que reflete a alegria de estar passeando nessa minha cidade que eu amo:

modo-embelezar

Após o mirante fomos para a praia de Ipanema, acompanhamos uns jogos de altinha contra a luz, ficamos namorando o visual do Morro Dois Irmãos na paisagem e por fim, comemos biscoito Globo, tomei mate e fiquei curtindo a paisagem, como todo carioca deveria fazer…

Quando você liga a câmera, aparecem umas dicas para você explorar ao máximo todos os recursos disponíveis (quando você já estiver craque, pode desmarcar essa opção). Na NYFW eu não dei muita bola para isso, mas dessa vez resolvi prestar atenção e brincar mais um pouquinho. Fiz uns testes com o quadradinho do foco e da exposição para conseguir diferentes tipos de fundo.

calçadão praia-altinha-1 praia-2

E quem achou que parou por aí, se engana. Ainda subimos o Horto, fomos na Vista Chinesa (que com a névoa de segunda não estava tão linda), fizemos muitas fotos, testamos vários filtros e depois descemos.

vista-chinesa-0 vista-chinesa

A vista com um filtro do celular!

vista-panoramica-2

Para fechar as fotos com luz natural, fomos ver o pôr do sol na Lagoa, um dos meus lugares favoritos da cidade. Achei o fim do dia abençoado e uma delicia poder dividir aqui com vocês.

lagoa-por-do-sol

Depois que o sol “caiu” fomos para a Cobal do Humaitá fazer uma horinha, ver a feira e as flores e esperar para jantar… Lá, resolvemos brincar com a função macro, para capturar detalhes com a câmera.

lirio-macro bromelia feira-2 alho-foto-macro

Por fim, fomos jantar num restaurante que a gente ama, o Irajá Gastrô. Aproveitamos para fotografar a entrada com pouca luz (o pão de queijo de tapioca) e o meu prato – uma massa de baroa com funghi – com flash. No próximo post vou por mais fotos com flash, mas já gostaria de deixar claro minha súbita preferência pelo flash desse aparelho. E isso que eu nem sou a mais fã de flash.

pao-de-queijo

Foto em ambiente fechado sem flash, com a luz de lá

prato

Foto com Flash para mostrar a função.

Assim terminou nosso perfeito dia de folga que nós preparamos para dividir um pouco do nosso Rio com vocês! Amamos esse desafio, foi das coisas mais legais que já fiz com o blog.

Para quem ama uma boa câmera em um smartphone, eu recomendo estudar o Samsung Galaxy K Zoom com muito carinho. Com uma conta do Google eu baixei todos os apps que adoro (eles foram usados nesse post) e assim ficou fácil brincar de fotografa por um dia.

A câmera dele é indiscutivelmente a melhor que já usei em um celular, com 10x de zoom óptico e 20.7 Megapixels. As fotos são de altíssima resolução, o foco é mesmo um diferencial e as funções são tão boas – ou melhores – do que muita câmera de bolso. Vale a pena explorar todos os modos que ele sugere, aos poucos você começa a se sentir um Mario Testino no celular.

Gostaram do nosso Rio nessas lentes? A gente amou!

Beijos

publipost

 

1 em Comportamento/ Fhits/ NYFW com Fhits/ patrocinador Fhits/ Variadas (f)utilidades no dia 14.09.2014

Samsung K Zoom e a NYFW

Sempre gostei de fotografia, comprei minha primeira câmera digital em 2004, criei um fotolog e comecei a dividir minhas fotos na internet, no entanto, foi durante a faculdade que eu virei uma apaixonada pelo assunto. Fiz eletivas, aulas por fora, comprei minha câmera e levei ela para tudo quanto era canto, de viagens a eventos.

Quando o instagram apareceu, eu comecei a me interessar nas fotos feitas por celular. É prático, leve, fácil de levar e manusear, quando me vi já estava tirando a máquina da bolsa e a deixando apenas para programações muito específicas, e substituindo-a pelo meu celular, como aconteceu em todos os dias dessa viagem. Desde então, eu venho dando mais importância para os aparelhos que têm essa função mais avantajada, que focam em uma boa câmera.

Durante essa viagem para NY, nós experimentamos o Galaxy K-Zoom da Samsung, um smartphone com câmera de 20.7 megapixels e zoom ótico de 10x (o único no mercado com esse recurso, alias). Para quem não sabe, o zoom ótico é o melhor zoom.

samsung-galaxy-kzoom-1
Achei a ideia fantástica, afinal, quer gente melhor do que blogueira para fazer esse teste? É juntar a fome com a vontade de comer, afinal, a câmera é o aplicativo mais usado de nossos telefones e estamos sempre à procura de fotos com qualidade.

Quando peguei o aparelho pela primeira vez, vi que realmente a história de smartphone/câmera não era brincadeira. Olhando apenas a parte de trás dele, realmente dá para achar que é uma daquelas point and shoot super práticas, inclusive algumas me perguntaram na rua se essa câmera também era celular, afinal com o zoom aberto é isso que o aparelho parece.

samsung-galaxy-kzoom-2– à noite, na Times Square! –

Ao testar a primeira foto, mais uma surpresa: inúmeros recursos! Além do modo automático, existem mais de 20 opções de configurações de ajustes. E claro, tem também o modo manual, para quem já tem alguma familiaridade ou gosta de explorar possibilidades. Eu amei brincar com o foco e a exposição. O aparelho também conta com um estabilizador óptico, que deixa as fotos mais nítidas e detalhadas, além de quebrar um galho em lugares mais escuros.

samsung-galaxy-kzoom-3– de dia, no Bryant Park –

Falando em lugares escuros, uma das minhas maiores surpresas foi a qualidade da imagem de videos e fotos que fiz com zoom no show Fashion Rocks, nunca na vida imaginei que faria imagens tão boas de tão longe, vou colocar aqui para vocês verem:

samsung-galaxy-kzoom-4

Apesar da falta de som (que foi totalmente falha minha), acabei escolhendo esse video para mostrar para vocês, já que esse foi o melhor teste ao qual eu poderia submeter o K Zoom!

O video é simplesmente filmado em Full HD com uma ótima resolução, mesmo em ambientes com pouca luz. Incrível é pouco para esse quesito.

Além de tudo isso, o aparelho também foi pensado para todo mundo que ama uma selfie bem feita. A função selfie alarm reconhece o rosto assim que ele é enquadrado, trava o foco e então tira 3 fotos seguidas. Com certeza uma delas vai dar certo! Quem preferir fazer uma selfie “se vendo” na tela, a lente frontal não é potente como a principal, mas tem 2 MP, que eu acho bem razoável!

Como vocês podem ver as fotos ao longo do post, esse celular que é câmera (ou câmera que é celular) cumpre bem o que promete, foi bem fácil aproveitar essa experiência.

Na próxima quero fazer um vlog com ele, tenho certeza que ele vai tirar de letra! Para quem está a procura de um novo smartphone, vale a pena experimentar.

Esse aparelho super funcional está a venda no Walmart.com :)

Beijos

barra-futi-viagens-nyfwA Samsung foi uma das patrocinadoras da semana de moda de NY.
9 em Comportamento/ Experiência/ Variadas (f)utilidades no dia 16.07.2014

Minha experiência com a GoPro Hero3+ Black edition!

Em fevereiro eu comprei uma câmera nova para minha vida de blogueira, a Gopro Hero3+ Black Edition. Eu a usei bastante, testei muito, fiz vídeos, fotos, posts no instagram e, por fim, já posso dar minha opinião super franca do que eu achei dessa experiência.

Se você notou meu tom de pretérito perfeito, eu explico: durante a Copa eu fui ao Maracanã e furtaram minha câmera (com visor e a caixinha aberta para melhor gravação do som). Com ela, foi-se também o “vlog” do programa, mas tudo bem, a gente inventa novos motivos para fazer um vídeo ou coisa do tipo!

Eu já estava curiosa com essa câmera há um tempo, mas só depois desse post aqui da Lu do Chata de Galocha é que eu realmente fiquei mais animada para quebrar o cofrinho com minhas economias e comprar uma para mim.

Assim que ela chegou nas minhas mãos, fui usando todas as funções e logo resolvi construir minha lista de prós e contras dessa câmera. Sim, sou da geração Gilmore Girls e sempre faço essa lista, pra ponderar tudo.

O que pra mim foi verdade” | prós

– Ela filma esportes, trilhas e outros exercícios como nenhuma outra que eu tenha testado.
– Ela faz fotos “wide” muito lindas, efeito quase “olho de peixe” que ficam incríveis no instagram.
– Esse modelo grava som melhor do que os modelos anteriores da GoPro (principalmente com a caixa que é aberta atrás).
– Ela é bem pequenina, leve e compacta.
– O aplicativo de celular é melhor que o controle remoto wifi que eles vendem, nunca usei e está encostado aqui em casa.

O que pra mim foi mito | contras

– Eu a achei menos útil do que eu imaginava. Adorava usar, mas usava menos do que planejei.
– O custo benefício dela não me parece os melhores do mundo. Existem câmeras com wifi nesse preço que servem para mais funções.
– Não achei que a câmera precisa do visor de LCD. Eu comprei e até usei bastante, mas achei pouco útil pra mim. Aproveitei mais o aplicativo do celular para escolher os enquadramentos das fotos e vídeos. Achei muito prático comandar a câmera pelo Iphone.
– Os vídeos subaquáticos são legais, mas eles acabam sendo muito parecidos quando você não pratica esportes na água ou mesmo não viaja para destinos quase “caribenhos”.

O que eu mais gostei na câmera foram as fotos de paisagens incríveis que fiz para postar no insta! Durante minha viagem para o Rio Grande do Norte eu aproveitei ela para fazer fotos muito especiais. Também curti os vídeos da câmera, achei leve, adorei para quem viaja e quer registrar tudo.

GO-PRO-2 GO-PRO

Para vídeos do blog eu achei legal, mas nada que uma outra legal não pudesse fazer. Existem várias blogueiras de make-up que usam esse modelo para fazer “tutoriais”, mas acho que outras câmeras mais versáteis nesse preço podem atender a isso.

Quanto a bateria, achei que ela dura bem sem o LCD ligado, o Wifi também consome mas esse é mais difícil de evitar. Eu indico comprar uma bateria extra, não é muito caro e ajuda. 

Na prática, eu estava adorando a GoPro, mas não acho que ela tenha o melhor custo beneficio do mundo por ser muito específica. Ela, em seu kit básico, custa U$400, mas como eu comprei visor, outros acessórios, e ainda por cima as taxas, acabei gastando por volta de U$600. Por esse valor, acredito que eu posso comprar uma câmera com wi-fi (ou então um memory card com wi-fi), leve, que dê para clicar looks, colocar fotos no insta e fazer vídeos.

Ainda não resolvi qual vai ser a substituta dessa GoPro que eu perdi. Não sei se vou comprar uma igual, tentar outro modelo (tipo a Sony da Cony que falei aqui) ou se vou pesquisar algo totalmente novo.

Na minha opinião, a câmera é muito útil para viajantes, para esportistas, para quem curte trilhas ou “movimentos radicais”. Ou então, para quem vive do mundo online como nós. Os registros do blog e do insta fazem parte do nosso trabalho, então, quanto maior a qualidade, melhor é nosso trabalho.

Recentemente fizemos um post com boas dicas de câmeras para blogueiras, quem tem interesse no assunto pode ler aqui.

É super importante pesquisar bastante para não comprar um material que fique obsoleto parado na gaveta, não é mesmo?

Assim que eu tomar a minha decisão eu conto aqui qual câmera vou comprar!

Beijos