Browsing Tag

clogs

14 em Moda no dia 22.09.2010

Eu nunca!! Será? Clogs

A moda pode ser muito traiçoeira! Volta e meia sempre surgem releituras de coisas que considerávamos abomináveis e quando vemos, não conseguimos mais viver sem.

Só do ano passado pra cá, podemos lembrar rapidamente das ombreiras, do jeans com jeans e, é claro, dos clogs. E pelo visto, a próxima na linha é a pochete! E aí? MEDO! Quem encara? rss

Essa breve introdução é apenas pra contar dessa nova tag que resolvemos criar. E aqui é o espaço para pagarmos a língua de tudo aquilo que juramos de pés juntos que nunca usaríamos e, no final, tchanam! Pois é! E pra não ficarmos sozinhas nessa, vocês estão convidadíssimas a participar, contar suas experiências e, de quebra, aparecerem por aqui (acham que só a gente vai ficar dando cara a tapa, é? rsrs)

Quem segue a gente no Twitter  (@f_utilidades, podem seguir!) ou já leu alguns posts antigos aqui no blog, com certeza se deparou em algum momento com alguma frase minha falando do ódio que eu tenho dos clogs e como eles são horríveis, e etc.

Pois bem, eu continuo achando a mesma coisa dos clogs normais – aqueles fechados na frente e abertos atrás – mas de tanto que eu já vi por aí, passei a achar ok. NOS OUTROS.

E aí, um belo dia, passando pela Arezzo, me deparei com um sapato lindo, que claramente fazia parte da família Clogus Altissimus (há! muito engraçada eu!). Com um pouco de resistência do lado racional do meu cérebro, acabei entrando pra experimentar. E desde então ele não sai mais do meu pé!

Ignorem a cara de cansada, o look padrão para dias sem inspiração e a foto muito mal tirada com o timer da câmera (não tenho tripé, não tinha ninguém pra me ajudar além do meu cachorro e minha casa não tem ângulos favoráveis pra encostar a câmera para auto fotos!) e foquem no objeto de interesse!

Pra aliviar a minha consciência (e resgatar o pouco de credibilidade que me resta depois disso!) eu fico dizendo pra mim que isso não é um clog. Tá mais pra um semi clog-peep toe-fechado no calcanhar ou então uma ankle boot peep toe com recortes estratégicos! Mas a vendedora falou que são vendidos como clogs, então tá, quem sou eu pra discordar dela?

E aí, meninas? Paguei a língua ou só metade dela?

E vocês, hein? Tenho certeza que eu não sou a única a passar por isso!! Podem já contar suas relações de ódio/amor!

Beijos

Carla

PS: Tenho uma certa impressão que a Jo não irá aparecer muitas vezes por aqui. Eu sou mestre em dizer “Eu nunca” enfaticamente e depois bater o olho e me apaixonar pelo meu antigo objeto de repúdia! hehehe

Ps da Jô: Amei a nova categoria, amei em dobro o look da Cah por aqui e adorei mesmo o clog dela! Apesar de eu achar que nunca não vou usar um, eu adorei esse e o da Carol Lanceslloti! Só não usaria um por questões de conforto!

2 em Colaboradores no dia 04.09.2010

(f)utilidades e a História da Moda

Para quem não sabe esse novo espaço: (f)utilidades e a História da Moda foi criado semana passada e veio dar asas à imaginação da nossa colunista e web amiga Bel Sant’Anna do Louboutin Girl . Nós ❤ o sucesso que foi!

Semana passada o asssunto foi a história do Militarismo se quiser conferir sinta-se convidada.

Eles eram tamancos agora são clogs!

Esse nem de longe figura numa lista dos sapatos mais desejados ou queridos pela mulherada e se rolasse um banco de apostas na blogosfera ganharia muito dinheiro quem tivesse apostado que os tamancos teriam destaque na moda novamente.

Também chamados de clogs já tiveram diversas fases de glória ao longo das décadas de 70 e 80. E você deve ter ainda na memória aqueles tamanquinhos que foram a sensação dos anos 90 para as menininhas e adolescentes.

Se hoje existe toda essa balança de opiniões em torno dos tamancos o maior responsável tem nome e sobrenome: Karl Lagerfeld. A Chanel se inspirou completamente no clima bucólico do campo e o sapato escolhido pela maison para estrelar o fashion show da coleção primavera/verão 2010 foram os clogs (outro nome para os tamancos). Nessa mesma época eles apareceram nas passarelas da Louis Vuitton e nos pés de Alexa Chung. Esses 3 acontecimentos juntos já são o bastante para determinada peça chamar a atenção, não acham?

Mas os tamancos são bem mais antigo do que parece! Na Bélgica, existem pinturas deles datadas do século XIV. E é por ali, nos Países Baixos, onde sua fama é maior chegando a ser considerado como um traje típico dos holandeses. Porém como existem diversas versões do próprio, ele também tem uma versão que é clássica no Japão e as babuchas são típicas no mundo árabe.

Então, eu acho que ele pode até não ter muita beleza e design mas tem uma looonga história.

Na próxima semana, a primavera será destaque na nossa coluna. Mais só aguardando pra conferir!