Search results for

pipa

5 em afiliado/ Destaque/ Inspire-se!/ Moda no dia 27.01.2017

Influenciada digitalmente por…maiôs!

A última vez que eu usei um maiô eu deveria ter mais ou menos uns 7 anos. E só usava porque eu gostava de fazer bodyboard e essa peça era perfeita para não ralar a barriga na prancha e não ter uma das partes do biquini arrancadas pela onda. Motivos práticos, só isso.

A adolescência chegou e com ela meu desejo por biquinis de lacinho, que durou bastante, até meio do ano passado mais ou menos. Ou melhor, ainda amo, é meu modelo preferido, mas desde que o verão começou no Brasil eu to sendo influenciada digitalmente por algumas amigas que estão arrasando com modelos lindos de maiôs (e postando tudo nas redes sociais, amo mais ainda <3 #paposobreautoestima).

Engraçado que o motivo de eu não usar maiôs era puro preconceito mesmo. Além de achar que muitos modelos têm uma pegada mais senhoril, o que sobrava eu jurava que não funcionaria pra mim porque fariam gordurinhas não desejadas pularem. Sem contar que eu não tenho muita cintura e achava que não valorizaria. Bem, estou sendo convencida a reavaliar!

Começando pela linda e poderosa Joyce do Gostei e Agora?, que é uma das principais responsáveis por me influenciar já que ultimamente é tiro atrás de tiro no seu instagram. Esse é da Cia Marítima e eu fiquei doida para experimentar um igual ou parecido.

Depois veio a Mandy, do Starving, que também me convenceu a tentar novamente! Aliás, eu amei esse maiô da Salinas!

Mica sereia Kodama do Segura o Picumã. Esse com decotão lateral eu acho que não me arrisco apesar de achar lindo e sexy, mas creio que meu peito é meio grande para um sideboob. Será que eu experimento? Esse dela é da Farm!

Outro com decotão lateral foi esse da Bruna Vieira do Depois dos Quinze. Achei ela diva #plena nessa foto com esse maiô da Vou de Pipa.

A Dani é minha musa de estilo, já falei. Além de babar nas roupa da Melon Melon, sua marca, ultimamente eu tenho babado também nos maiôs. Aliás, o preço deles está maravilhoso, um dos melhores que eu tenho visto por aí nas minhas pesquisas!

Comecei a seguir a Alice Dote (@alicedote) recentemente por uma indicação lá do nosso grupo no Facebook e eu amei o estilo dela, inclusive na praia! Esse maiô é de uma marca chamada All Day Beach, que faz moda praia sob medida e ele combina sideboob e tiras laterais. Achei sexy, achei incrível.

A Silvia Braz é uma dessas mulheres que inspiram todo santo dia, muitas vezes por dia. Eu sempre amo vê-la na praia porque ela consegue ser muito chic e natural, usa roupas lindas que dão muita vontade de ser diva elegante na praia. Esse maiô dela é da Melon Melon, marca da Dani que eu falei aqui em cima.

A Cecilia, mais conhecida como Cix, é uma menina que eu AMO seguir (@cixcixcix). Cada foto de morrer, cada praia, cada biquini, cada maiô, socorro.  Esse é da Rush e tem sido meu namoro à distância – tem em branco, preto e estampado.

Alguma dúvida que depois dessa chuva de prints eu não estou convencida que vou sair procurando maiôs assim que eu pisar no Brasil? Pois eu vou, apesar de ainda estar com um pouco de medinho. E eu sei que é muita idiotice estar com medo de não ficar bem de maiô, mas acredito que será um desafio deixar de me enxergar como a menina de 7 anos. Veremos, né? Não vou sofrer por antecedência!

Quem se interessou, achei alguns maiôs bem legais em lojas afiliadas (além dessas que eu citei, claro!):

[show_shopthepost_widget id=”2368988″]

16 em Brasil/ Viagem no dia 20.10.2016

Será que ainda existe aquele preconceito em viajar pelo Brasil?

Eu costumo brincar que toda crise tem um lado bom. No post sobre consumo consciente contei um pouco do que penso sobre isso, hoje vou levar a discussão pra outro lado. Filosoficamente é até um questionamento parecido: gastar menos e aproveitar mais , só que nas férias.

Com o dólar nas alturas, as passagens aéreas internacionais, refeições e até mesmo o cafézinho acaba ficando puxado fora do Brasil. Férias internacionais acabam custando mais do que antes pra nós que ganhamos em reais. Claro que com uma organização legal ainda é possível conhecer o mundo, eu mesma continuo pretendendo fazer isso com frequência, mas está na hora de pararmos de preconceito e começarmos a olhar mais para o nosso país, que tem um dos maiores potenciais turísticos do mundo.

Quanto mais eu converso com as pessoas, mais eu sinto que ainda existe um preconceito, quase que velado, sobre desbravar o Brasil como destino de férias. Como se fosse demérito gastar uma grana legal para descansar e se entreter no seu próprio país.

“Ah, é tão caro que compensa ir pra Miami “. 

Cara, depende! Se você já foi à Miami e não foi para a Amazônia pode não compensar! 

Sim, eu penso realmente assim.

Vale do Matutu - MG

Vale do Matutu – MG

Eu amo viajar o mundo, devo conhecer mais de 20 países fácil e pretendo aumentar esse número. Eu amo viajar, é minha “coisa” preferida do mundo. Só que quanto mais eu conheço o Brasil, mais eu quero viajar por aqui também. 

Em tempos de crise econômica nacional eu acredito que é importante que todas as partes da equação se preocupem em fomentar o turismo nacional. Tem tanta, mas tanta coisa legal pra gente conhecer nesse país mágico de dimensões continentais. O Brasil tem uma versatilidade turística que a gente não tem ideia.

Quantos estados você conhece? Eu só conheço 10 dos 26.

sonho

Talvez meu caso seja um defeito de fábrica, mas faz pouquíssimo tempo que tomei gosto por viajar pelo meu próprio país. Eu achava que o problema era eu, mas aí parei para olhar à minha volta e me dei conta que as pessoas com quem convivo conhecem menos lugares do que eu no Brasil, tirando raras e admiráveis excessões.

Por que uma pessoa com poder aquisitivo alto quase sempre nem cogita um destino nacional? Não tem resposta exata, só sei que quero ajudar a desconstruir esse muro de ignorância e preconceito que separa um monte de viajante legal de um monte de destino incrível que tem no Brasil.

Tem muita furada? Tem. No entanto também tem destino pra todos os gostos. Milhas para os mais variados lugares. Hotéis para todos os bolsos, dos mais rústicos, de luxo, albergue e até mesmo casa de família. Viajar pelo Brasil demanda pesquisa bem feita e ajuste de expectativas. Se no quesito serviço e hospedagem não for mágico? A beleza natural compensa. A cidade é lotada? Mas o hotel é incrível.

Vamos valorizar o nosso gramado, nem sempre o do vizinho é mais verde!

Japaratinga-AL

Japaratinga-AL

Quando rodei os 1.000 km pelo estado de Alagoas em janeiro eu já sabia que a maioria dos hotéis da minha viagem seria simples. Janeiro, destino de praia e viagem comprada em cima da hora? Claro que paguei uma passagem cara, com certeza o custo benefício do hotel não era maravilhoso e muito menos posso dizer que foi uma viagem barata. No entanto valeu a pena. Os lugares que visitei eram simples, não fui a restaurantes famosos, indicados e recomendados pela internet. Mesmo assim foi lindo. O lugar era paradisíaco e se eu tivesse feito essa viagem “rústica” na Tailândia seria muito descolado. Por que aqui não é? Pra mim foi.

joana-cannabrava-foz-do-sao-francisco

foz do rio São Francisco no sul de Alagoas

Maragogi e seu mar mágico

Maragogi e seu mar mágico no Norte de Alagoas

Quando fui pro Rio Grande do Norte em 2014 aconteceu o oposto. Os hotéis foram os melhores possíveis, os restaurantes maravilhosos e os lugares não tão paradisíacos. Foi muito gostoso, maravilhoso. Comi bem, descansei, curti os amigos e aproveitei. Com menos visuais caribenhos e mais glamour. Foram viagens bem diferentes, ambas igualmente inesquecíveis.

look-gatabakana

curtindo o  hotel em Pipa – Rio Grande do Norte

Tem de tudo, na própria Região Nordeste é possível fazer diferentes viagens nos mais variados estados. Tudo depende do que você, como viajante, está procurando.

colosso-lake-lounge-3

Colosso Lake House | Fortaleza – CE

Uma boa forma de viajar pelo Brasil é ficar de olho nas promoções de passagens aéreas e nas milhas, ou melhor ainda: milhas em promoção! Já viajei MUITO de milhas no Brasil, muito mesmo.

Tem Brasil pra todos os gostos. Tem hotéis fuleiros com preço de hotel boutique, tem hotel rico com preço de bangalô em Bora Bora, tem hotel simples com preço justo e hotel lindo com preço amigo. Não tem regra, demanda pesquisa, como em qualquer outro lugar do mundo.

Outra frase comum é “O serviço aqui é muito ruim”. E o que podemos fazer a respeito? Reclamar, no lugar, no tripadvisor ou onde for. Só assim vamos começar a ajudar os empregadores a entender o que acontece na sua mão de obra, incentivando assim o investimento em treinamento. Estamos querendo aprender a cobrar dos políticos, podemos aprender a cobrar como consumidores também. Reclamar (na medida certa) faz parte e ajuda a mudar. 

Continuo sonhando em ir ao Atacama ou pensando em meditar na Índia em 2017, mas nada disso me impede de colecionar destinos no Brasil também.

O Brasil tem a disputa entre o Caprichoso e o Garantido, tem as praias de rio do Alter do Chão, tem o deserto do Jalapão, tem os lençóis do Maranhão, as cidades históricas de Minas Gerais, os cânions do São Francisco, as trilhas da Chapada dos Veadeiros, o maior São João do mundo em Campina Grande, os mergulhos de Noronha, os visuais da Chapada Diamantina e os passeios da Floresta Amazônica. Isso sem falar nas praias lindas do Nordeste, na sombra e água fresca de Jeri, deixando de mencionar Pedra Azul no Espírito Santo, Pirenópolis lá pelo meio do país e a rota de vinhos de Bento Gonçalves. O Brasil é tão mais do que o carnaval de salvador ou o ano novo do Rio de Janeiro, muito mais.

Meditando na Chapada Diamantina

Meditando na Chapada Diamantina

pratinha

Pratinha – Chapada Diamantina – BA

praia do porto das dunas ceara

tirando foto no porto das dunas – Ceará

Eu demorei para começar a viajar pelo Brasil, mas depois que eu comecei, dei meu melhor para não parar. Se eu não tivesse amigas por todo o território nacional eu talvez não conhecesse metade do que conheço, que sorte é ter um coração querido te esperando em cada cantinho do país.

Acho que por mais que exista alguma resistência muita coisa vem melhorando, acredito que advento da rede social resgatou um certo toque de glamour e permitiu que as paisagens Brasileiras fossem perpetuadas por ai.  Entre um post no instagram e outro no facebook volta e meia ficamos encantados com destinos que estão tão perto e nem conhecíamos. Assim a rede social age positivamente influenciando viajantes de todo país, até mesmo de todo mundo. 

Então acho que cabe a nós ficarmos mais atentos aos destinos Brasileiros, às matérias de turismo nacional pelos jornais e revistas, além dos blogs e instas de viagem.

Espero que nessa de aquecer o turismo os hotéis e representantes dos destinos também criem mais press trips para influenciadores digitais. Confesso que gosto muito de ver gente que acompanho viajando, imagino que vocês também. No cenário internacional destinos muito fortes de turismo investem bastante em divulgação, não é a toa que o futi já fez várias viagens internacionais com grandes parceiros de viagem.

Se vocês repararem os hotéis queridinhos do Brasil são os que fazem um trabalho legal de divulgação, então espero que isso melhore para ajudar a todos nós nas nossas pesquisas de viagem.

Amazonia-5

Encontro das Águas – Manaus

hotel-ariau

Hotel na Selva Amazônica

boto-1

O Brasil é cheio de diversidade, a gente tem que aproveitar ao máximo nossas origens tão misturadas e ricas!

Istambul é linda, única e mágica, a Amazônia também.
Playa Del Carmen é uma cidade de verão sensacional no México, Jericoacora também.
Tulum tem uma pegada bem rústica, mas cheia de passeios lindos em volta, Barra de São Miguel também.
Cancun é aquela coisa de praia meio turistona, mas vale pela pegada de Caribe, que Maragogi também tem.
Eu sou apaixonada por Capri, mas também acho que me apaixonaria facilmente por Trancoso.
Punta Del Este é bem legal, mas eu gosto mais de Pipa.
As belezas naturais do México são lindas, mesmo, mas a Chapada Diamantina também.

Entre uma viagem de férias e outra acho legal incentivarmos todos à nossa volta a conhecer mais do Brasil. Pode ser no recesso de fim de ano, num feriado extendido ou num fim de semana numa cidade à 200km de casa, o que importa é começarmos a valorizar o que nós temos também.

Assim fica fácil encantar os que vem de fora. Todo dinheiro gringo é bem vindo para ajudar nossa economia nesse momento, então vamos falar desse país, vamos glamourizar o que a gente tem pertinho! <3

listas

Por hora vou contando os dias pra ir pra Foz do Iguaçu (meu próximo destino).
Enquanto isso fico aqui com minha lista de desejos nacionais pensando qual será o próximo destino a ser cortado.

Como vocês se sentem com relação a viajar no Brasil? Alguém quer acrescentar algo?

Beijos

banner-snap

4 em Brasil/ Viagem no dia 29.05.2015

Trip tips: hotel Canto das Águas na Chapada Diamantina

Como muita gente viu no Instagram, enquanto a Carla estava curtindo suas aventuras em Londres eu passei 5 dias num paraíso aqui mesmo no Brasil, em uma viagem de Trekking e Meditação para a Chapada Diamantina.

Vou falar mais dos passeios e do tipo da viagem no próximo post, mas como muita gente pediu essa informação, resolvi adiantar o post do hotel onde nós ficamos. Nossa base foi a cidade de Lençóis, na Bahia e as responsáveis pelo grupo escolheram o Canto das Águas para ser o nosso hotel.

foto-

A piscina do hotel.

O que falar do hotel? Bom, ele faz parte da lista do Roteiros do Charme, o que para mim já conta alguma coisa desde que conheci e me apaixonei pelo Toca da Coruja em Pipa. É um selo de hotéis bem legal no Brasil, quem não conhece precisa passear pelo site.

Fora isso, ele é extremamente central na cidade, tem um café da manhã maravilhoso e um restaurante ok. Se comparado aos da cidade, acho que ok vira ótimo, pois se teve uma coisa que eu não amei foi restaurante. Todos que nos indicaram estavam ou fechados ou não eram tão bons, por fim, acho que o restaurante do hotel entra para a lista dos que valem a pena visitar.

meio-quarto

Que tipo de pessoa fotografa MEIO quarto para o blog? Nenhuma né? Essa foto foi pra mandar por What’sapp e no fim foi o que me restou para poder mostrar como era simples, mas bom.

O meu quarto era o mais simples, não era luxuoso e de fato tinha um banheiro pequeno, mas não posso negar que estava tudo limpo e atendendo totalmente as minhas expectativas. Tinha toda a estrutura que um viajante aventureiro – ou não – precisa.

canto-das-aguas-2

vista do restaurante

 

cafe-

O café era INCRIVEL, como postei no snapchat esqueci de fazer fotos da mesa para o post.

canto-das-aguas-3

parte da área comum

O rio ao lado do hotel foi um diferencial enorme pra mim, ouvir a água correr e ter essa vista no café da manhã foi uma delicia.

A piscina era ótima, o salão de jogos super tranquilo e mais uma vez, o aconchego máximo ficou por conta das camas para relaxamento e massagem que tinham no jardim. Para mim, esse espaço fez toda a diferença.

canto-das-aguas-

Falando em massagem, fiz uma massagem com pedras vulcânicas maravilhosa. Quem fez foi uma profissional argentina chamada Maria José. Valeu a pena a experiência, fiz antes do último passeio, quando tivemos a manhã livre.

canto-das-aguas-1

lugar das massagens

canto-das-aguas-6

espaço para relaxar

Fizemos muitas coisas à pé e para os passeios mais distantes fomos com o guia + motorista do grupo, aliás, essa é uma viagem que me parece muito improvável sem um guia para explorar a natureza. Eu fui com a turma da Trilha dos Lobos, escola onde estudo na Barra e ela montou a viagem junto com a Claudia Ribeiro, da Pisa Trekking, agência especializada em viagens de Trekking pelo mundo afora. Quem gosta desse tipo de aventura pode ficar atenta aos próximos pacotes, tanto os da Trilha (que têm essa pegada de meditação) quanto os da Pisa, que são muito variados.

O hotel não poderia ter sido mais bem escolhido, acho que ele atendeu a todas as necessidades que tivemos. Não tinha como não recomendar, ainda mais com o resultado da pesquisa do blog em que vocês falaram que queriam mais hotéis dentro do Brasil.

Só não saberia falar de preço pois paguei pelo pacote completo, com viagem, guias, transfers, passeios e afins. Só paguei lá os extras de frigobar, restaurante e massagem.

Quem segue a gente no Snapchat viu o hotel ao vivo e a cores junto comigo :) É só procurar “blogfutilidades” por lá! :)

Beijos