Browsing Category

Inspire-se!

1 em Inspire-se!/ Moda no dia 04.05.2016

Musas de estilo: Mica Kodama

O (f)uti existe há pouco mais de 6 anos e durante esse tempo eu fiz algumas amigas blogueiras e conheci muita gente do meio, por isso, é meio que natural para mim conviver com pessoas estilosas e que não têm medo de experimentar as tendências e se jogar de cabeça nas novidades que a moda propõe. Perto da maioria, eu sou um tédio! haha

Uma dessas pessoas que gosta de ousar e de abusar das possibilidades é a Mica Kodama. Hoje ela é minha amiga pessoal, mas eu já ficava de olho no seu estilo muito antes de me aproximar dela. Ela sempre me passou essa impressão de ser uma pessoa que gosta de brincar com as novidades sem medo de errar e que usa toda a informação de moda que chega até ela para transformar tudo em algo autêntico. E ela é exatamente assim, autêntica, moderna e…sexy! A Mica quase sempre usa roupas que estão ali para favorecer cada curva que ela tem, seja em um vestido bandage, seja numa calça jeans com camiseta branca.

mica1O mais engraçado é que ela é o tipo de musa de estilo que eu amo vários looks mas eu não me vejo neles. Não é que nem várias outras meninas que apareceram nessa categoria anteriormente que eu tenho vontade de assaltar o armário e ter absolutamente tudo, do tênis aos óculos de sol. O que faz da Mica uma dessas meninas que eu considero musa vem da atitude, da ousadia e da segurança que ela passa. Eu acho isso o máximo e confesso que queria me inspirar mais nela para sair da minha zona de conforto sem aquele medo de não conseguir segurar o look.

mica2Para quem quiser ver mais looks dessa japa Kardashian, o blog dela é o Segura o Picumã e o instagram é /micakodama. Vale a pena dar uma olhada!

Beijos!

banner-SNAP-ca

3 em Inspire-se!/ Looks/ Moda no dia 29.03.2016

Musas de estilo: Tash Sefton

Eu conheci a Tash porque uma amiga me indicou assim: “você precisa seguir AGORA essa mulher, ela é totalmente seu estilo!”. Como recusar uma sugestão dessas? Foi só uma pequena fuçada no insta alheio (@tashsefton) para eu cair de amores e começar a segui-la.

Ela é australiana e uma das donas do blog They All Hate Us. Para ser muito sincera, eu não sou muito fã do blog, acho que ele poderia facilmente ser um perfil no Pinterest já que é foto inspiracional de mais para palavras de menos, mas eu passei a gostar muito quando ela e a Elle, sua dupla bloguística, botaram uma loja virtual no meio. Não sei se a loja dá algum lucro, mas só sei que elas são boas em transformar qualquer trapinho que estejam vestindo em desejo absoluto. Pelo menos para mim! haha

Aliás, que atire a primeira pedra quem nunca viu no Pinterest alguma dessas imagens:

tahu tahu2

Elas vendem! :)

Até pensei em falar das duas em um só post. O estilo de ambas é bem coeso e complementar, mas pensando bem, acho que as duas me inspiram de formas diferentes. Enquanto a Elle faz mais a linha do jeans, com acessórios incríveis e peças larguinhas estilo Adriane Galisteu, a Tash faz a linha do básico chic, cheia de marcas de luxo.

O que eu mais amo na Tash é que tudo que ela posta me parece muito fácil de ser achado em qualquer loja por aqui, inclusive quando ela está vestida dos pés à cabeça com peças caras. Outra coisa que ajuda bastante é o clima australiano, um pouco parecido com o clima carioca e bem fácil de se identificar.

Enquanto separava as imagens para ilustrar esse post, quase me vi printando o instagram inteiro dela! Fazer o que, né? Ela realmente tem todo o estilo que eu queria ter naturalmente, mas preciso me inspirar bastante e pesquisar muito para fazer funcionar comigo.

Para começar, ela tem uns looks com uma vibe balneário rico que me atrai bastante. Queria muito ter essa paciência de me vestir assim em lugares praianos, confesso!

tash-praia tash-praia3 tash-praia4 tash-praia5tash-praia7

Os looks de short gritam Carla, morro de amores!

Mas Tash também consegue ser bem chic. O único problema desses looks mais arrumados é que eu procuro peças parecidas em fast fashion e quase sempre chego à triste conclusão que por mais que encontre peças parecidas, o caimento faz toda a diferença nesse básico chic. Infelizmente, tirando as vezes a Zara e a H&M, nem sempre as peças têm um caimento adequado nessas lojas mais baratas e sempre saio convencida de que deveria começar a pensar nisso. Acho que no fim das contas também ajuda em um consumo mais consciente, né? Melhor ter poucas peças boas, duráveis e que vestirão muitíssimo bem do que várias mais questionáveis. Já tem um tempinho que estou tentando me policiar mais nesse quesito, mas as vezes não resisto a um achado baratinho com modelagem (e muitas vezes qualidade) questionável.

tash-chic tash-chic2 tash-chic3 tash-chic4 tash-chic6 tash-chic7 tash-chic8 tash-chic9 tash-chic10

Outra coisa que faz com que eu me identifique demais com a Tash Sefton se chama: jeans rasgado. Já falei que ela é a rainha do jeans rasgado? Pois é, a coleção é interminável e invejável!

tash-jeans tash-jeans5 tash-jeans3 tash-jeans2

Em relação a acessórios, também babo em todas as fotos! Além de amar as combinações e obviamente as bolsas e os sapatos, sempre que eu vejo essas imagens me dá vontade de postar mais fotos do tipo!

tash-acessorios tash-acessorios2 tash-acessorios3 tash-acessorios4 tash-acessorios5 tash-acessorios6

E aí? Fiz mais alguém virar fã dela? rs

Beijos!

4 em Inspire-se!/ Moda no dia 16.03.2016

Jeans aparecido

Ainda na vibe “os anos 90 estão de volta”, já tem umas duas temporadas que estou reparando que o jeans tá ficando cada vez mais metido e elaborado.

Bordados, com pedrarias, paetês ou canutilhos, pintados ou até mesmo com aqueles patches que você passa o ferro em cima para colar na roupa, as jaquetas, calças e shorts jeans agora são tudo, menos básicos. Meu único pensamento quando vejo essas peças é que quem comprava na Rosana Bernardes do Fashion Mall e guardou tudo hoje em dia se daria muito bem. Eu tinha algumas calças e não guardei nenhuma, mas mesmo se tivesse guardado, não ia caber em mim, então me sinto até menos mal. rs

Estou achando bem interessante essa cara nova que estão dando aos jeans, mas tem coisa que eu não tenho muita vontade de tentar, como os bordados de flores ou as jaquetas bordadas (eu já não gosto de jaqueta jeans normal!!). Adoro os anos 90 e to adorando esse revival, mas tem coisas que eu prefiro que fiquem no passado mesmo.

JEANS1

Ainda nos bordados, também vi algumas peças bem curiosas: com frases bordadas escritas como se a pessoa tivesse feito aquilo à mão com canetinha. Já tinha visto algumas camisetas com esse tipo de bordado mas no jeans foi uma surpresa!

JEANS2

Em compensação, os patches são totalmente anos 90 e eu tenho mais simpatia. Acho que podem dar um toque divertido e interessante, e ainda têm a vantagem de poder fazer em casa, reutilizando alguma peça jeans que estava encostada. Só comprar os patches que grudam com ferro quente e customizar com os desenhos que você mais gostar! Mesmo achando simpático, confesso que eu experimentei e me achei meio velha para isso. rsrs

JEANS3

Também tenho visto várias opções pintadas. Quem tiver tinta e algum talento, também pode tentar se jogar e revitalizar aquele jeans tristonho e encostado no fundo do armário. Blake Lively usou há algum tempo atrás um com flores de cerejeira bem fofo e usável que rapidamente ganhou vários DIY’s pela internet. Se você não tiver nenhum talento com tinta, dá para brincar de Pollock e sair respingando suas roupas por aí.

JEANS4

Meu ponto fraco são as pedrarias e paetês. Tenho certeza que tenho um lado drag queen, porque essa minha atração por brilhos realmente não pode ser normal. Isso porque sou básica, mas se posso dar um jeito de incluir coisas brilhantes no look, eu não dispenso mesmo. Quer prova maior que isso, isso e isso??

JEANS5

Até então só tinha visto algumas peças na Zara, mas acabei descobrindo uma marca super nova que resolveu aproveitar o timing perfeito para lançar seus jeans cheios de detalhes. O nome é auto explicativo, Not Your Basic Denim, e volta e meia me pego louca por alguma coisa! Tem jaqueta, camiseta, calça, tudo com bordados, pedrarias, pérolas, tachas, pintados e bordados. Adorei a proposta da marca!

E aí? Vocês curtem esse tipo de jeans diferentão? Ou preferem ficar nos mais básicos mesmo?

Beijos!