Browsing Category

Make-up

0 em Beleza/ Destaque/ Make-up no dia 11.02.2019

5 dicas pra escolher a maquiagem de carnaval!

Esse post não será um tutorial convencional de maquiagem de carnaval. Não acho que posso ensinar o que ainda estou aprendendo. No entanto, posso falar de algo que tenho aprendido na prática! Por isso, hoje vim contar quais produtos eu acho que são ótimas escolhas pra uma maquiagem de Carnaval. Seja bloco, festa ou camarote.

A maquiagem de carnaval tem uma licença poética que permite uma dose redobrada de ousadia sem julgamento. É hora de colocar o lúdico pra fora e fazer isso curtindo todo o processo. O único problema é que na hora que você chega no lugar da festa, tudo muda! Calor, sol e suor fazem parte da folia. Por isso, escolher os produtos certos pra sua maquiagem durar ajuda muito.

Aproveitei que queria falar disso e recorri à Mandy – do Starving – para pedir ajuda com o olho de glitter. Queria aprender a por muito brilho na maquiagem, ela me ensinou!

Pelas minhas experiências carnavalescas, acho que o principal é acertar na textura e acabamento dos produtos da pele & caprichar no olho.

1 – Primer Fix – um primer para glitter

Para ser sincera, a primeira vez que usei esse primer fixador de glitter foi agora, com a Mandy. Ela falou tão bem sobre ele, dizendo que usa sempre para ir nos blocos, e me convenci imediatamente.

Ela passou em mim e, além de ser fácil de passar, fixou super bem. Por ser transparente, ele deixou a cor do glitter bem fiel, ou seja, com um efeito prata.

Eu usei o dela, mas saí decidida que vou comprar um pra mim urgente! Antes do carnaval, é claro, pois o glitter é mais certo do que eu sair pra curtir!

2 – Base fluída – para uma maquiagem de carnaval com cobertura leve e natural!

Eu já detalhei aqui o que penso sobre essa base fluída! Apesar de ser apaixonada pela base HD, eu acredito que para enfrentar o calor dessa época do ano é preciso escolher a base com muita cautela. Vejo dois possíveis problemas que essa base ajuda a contornar: suor e transferência.

Se você vai curtir carnaval de rua, você vai suar. Assim sendo, uma base que não acumula e pesa pode ser muito mais confortável e esteticamente agradável. Uma pele suando com essa base transfere menos.

A cobertura dela pode ser bem leve se você aplicar poucas gotas, mas pode aumentar se você quiser dosar. Ela faz um resultado super natural que apesar de não ser o que eu uso na vida, é a opção perfeita para um evento como o carnaval.

1 – Primer Fix | 2 – Base Fluida | 3 – Blush Stick em bastão (cor 04)
4 – Iluminador stick (cor 01) | 5 – Batom líquido com glitter (cor Like a Moon)

3 – Stick para blush e contorno!

Se você está precisando de um blush ou contorno para usar no carnaval, mais uma vez, evite produtos que possam acumular ou pesar. Se eu vou suar prefiro usar o Stick 04 como blush ou contorno. Não importa se eu aplico direto na pele, no pincel ou na esponja. Sinto que esse produto aparece bem na maquiagem sem pesar. Ele não evidencia minhas espinhas e nem faz aquele reboco inevitável que acontece com uma make com várias camadas de produtos mais pesados.

Pra mim, dia de festança e calor é dia de blush mais cremoso. Ou seja, não deixa de ser perfeito para uma maquiagem de carnaval.

4 – Iluminador em Stick

Essa dica eu roubei da Carla. Ela é rainha das maquiagens mais naturais e não dispensa um iluminador. Tudo bem que eu também não, mas quis experimentar esse para ver o efeito e a durabilidade.

O motivo de eu ter gostado dele é o mesmo que eu citei quando falei do blush e do contorno em bastão. Ele não acumula nem pesa, o efeito é leve e natural, mas o brilho é super expressivo.

5 – O item mais versátil para uma maquiagem de carnaval? Um batom líquido com glitter!

Eu poderia botar esse batom com glitter na lista só porque ele é um batom com glitter. Mas acabei descobrindo que ele é tão versátil, tão versátil, que merece ser indicado em várias categorias.

A primeira vez que descobri que ele poderia ser usado de outras formas além de batom foi no Stories da @glamourbrasil. A maquiadora Vanessa Rozan fez uma maquiagem de carnaval e usou ele como sombra, e eu amei. Daí que Mandy resolveu testá-lo como base para o glitter, no lugar do fixador que eu usei lá no começo do post. Ela fez esse truque com o pincel nº 25 que é específico pra isso (ele é de silicone, perfeito para colocar pó solto ou glitter). Nós duas usamos o glitter 01 da Vult.

Ele grudou perfeitamente e, de quebra, ainda deu um tom rosado para o glitter. Diferente do meuu, que ficou bem prateado.

Esse produto é um perfeito 3 em 1 pro carnaval. Existem outras cores do batom metalizado, eu tenho duas e gosto muito.

As dicas para as maquiagens de glitter são realmente bem valiosas para o carnaval. Já as de pele valem para o ano todo. A maquiagem mais leve, natural e fluída ajuda quando nossos compromissos envolvem dias ensolarados ou de muito calor. Uma forma de fazer um visual bonito e mais leve, é apostar em produtos como esses que falei aqui. O verão sempre me lembra do porquê de também gostar dos efeitos de uma pele mais natural.

Quem tiver mais dica pra maquiagem de carnaval, pode chegar. Ainda dá tempo de providenciar o que falta para deixar a maquiagem de todos os dias mais confortável possível.

Beijos

2 em Beleza/ Make-up/ Patrocinador/ pele no dia 25.01.2019

Pó compacto: Maquiagem, pele, durabilidade e oleosidade

Se você tem pele oleosa e briga com brilho e durabilidade de maquiagem, já deve ter pensado em usar pó translúcido, certo? Se esse item é uma demanda pra você, chega aí!

Como vocês sabem, eu vivo em paz com minha pele oleosa e acne eventual. Sempre cuido de pertinho do que passo no rosto e busco alguns produtos pra me ajudar a conter a oleosidade da testa. Eu sei que apesar de ser normal e inerente de muitos seres humanos, é algo que me incomoda um pouco. Por isso, acabo tendo uma demanda por produtos que me ajudem a deixar a pele mais opaca. Não só para ficar com o mínimo de oleosidade possível, mas pra não acumular mais sujeira e ter mais espinhas.

Você está nesse mesmo barco do brilho e oleosidade? Ou apenas deseja selar bem o corretivo ou apenas curte produtos pra finalizar maquiagem? Acho que o post de hoje vai conversar com você.

Tudo começou há uns dois anos, quando uma amiga me apresentou o pó compacto translúcido da Vult. Até aquele dia não lembro se já havia usado algum produto da marca, creio que não. Como essa minha amiga é minha guru de maquiagem, eu sabia que seria coisa boa. E não só amei, como troquei com ela. Dei meu Lip Gloss da Dior em troca do pó compacto translúcido. 

Ele é tão bom, mas tão bom, que é o líder de mercado do país.

Vocês podem imaginar que nesse país enorme, esse é o pó compacto mais vendido segundo a pesquisa da Nielsen?  

Acho que esse dado deixa claro que eu não sou a única a ser apaixonada por esse produto. Ele tem uma textura bem fininha, que deixa o acabamento da maquiagem bem natural, sem pesar. Eu uso pra selar a maquiagem na zona T (da testa e nariz, que são bem oleosas) e no corretivo. Ele também é super fina e não ressalta as linhas da pele.

Quando o assunto é pó compacto translúcido, esse é uma opção SENSACIONAL pra cuidar da maquiagem, do brilho e da durabilidade da pele. Ele não é o preferido à toa.

No release enviado pela marca, ele é definido assim:

“O Pó Compacto Vult é ideal para finalizar a maquiagem da pele, promove acabamento aveludado e remove o brilho do rosto. Possui pigmentos minerais micronizados que proporcionam efeito naturalmente bonito. Enriquecido com Vitamina E, é livre de fragrância.
Sua embalagem exclusiva possui duplo compartimento para guardar a esponja e que oferece espelho embutido para retoques.”

Joana, mas o que você procura num pó translúcido?

Eu procuro isso tudo que o release promete (e cumpre!). Mas uma outra coisa que eu faço com ele é o retoque. Normalmente os únicos produtos que eu uso pra retocar maquiagem na rua são: pó translúcido e batom. No mais não costumo retocar nada. Ele vem com uma esponjinha que é perfeito para isso. Eu, inclusive, conheço gente que tem esse produto em casa e na bolsa, pra não correr o risco de ficar sem.

Quando eu começo a suar ou já estou muito tempo de maquiagem, eu só tiro ele da bolsa. Pressiono a esponja levemente sobre o rosto com movimentos suaves, até obter o efeito desejado. Sem arrastar, sempre com batidinhas pra não desfazer nada na maquiagem. Em casa eu prefiro finalizar com pincel, o que confere um efeito mais leve e natural.

Antes e depois de um exemplo comum onde aplico com batidinhas na zona T.

Esse é um produto que eu não me imagino sem no verão. Em dias que quero o resultado mais leve do mundo, costumo passar bem pouco ou apenas levo pra retocar. Mas de uma forma geral, usar um pouquinho desse pó compacto é um hábito de rotina. Seja para selar o corretivo ou diminuir o brilho. Em casa, na rua ou viajando, esse é um dos poucos produtos que não acho que pesam demais a pele ao longo dos retoques.

O pó compacto da Vult é barato (na internet tem entre R$20 e R$28), vem com esponja e espelho. No meu caso, o translúcido funciona super bem, mas existem outras cores disponíveis.

A Vult está conosco no #paposobreautoestima, mas a gente escolhe a dedo quais produtos aparecerão por aqui.

Optamos por falar daqueles que já estamos usando há um tempo, amando muito e notando que vale a pena cada real investido. A Vult e seu slogan “você do seu jeito” tem tudo a ver com o que a gente conversa por aqui. Ninguém quer que nenhuma mulher se torne refém de maquiagem, mas se a gente começar a ter um olhar mais livre sobre ela, iremos poder nos expressar cada vez com mais alegria, cores e ousadia. Externando de acordo com a nossa vontade, um pouco mais da nossa personalidade.

Liberdade não é você ser obrigada a parar de usar algo, é você poder escolher como e quando vai usar. Para atender suas demandas cada vez mais pessoais. Tem sido libertador usar a maquiagem de forma mais livre, acolhendo cada vez mais quem nós somos, do jeito que somos!

Se você procura por base para pele oleosa, primer fluído, ou por nossos produtos preferidos, também vale ler esses outros posts aqui:

Pele oleosa, maquiagem & minhas bases!

Melhores do ano: Primer fluido da Vult!

10 produtos de beleza da Vult que valem a pena experimentar!

1 em Beleza/ Make-up/ Patrocinador no dia 16.01.2019

Batom vermelho, como é a sua relação com esse item de maquiagem?

Em novembro eu dividi uma questão com as meninas lá no insta do Futi: meu bloqueio em usar batom vermelho durante o dia. Batom escuro, na verdade. Eu já imaginava que esse poderia ser um assunto que daria pano para manga, só não imaginei o quanto daria. Por isso resolvi trazer ele para cá.

Vale dizer que eu não sou uma pessoa que tem a boca colorida como marca registrada. No quesito maquiagem sou um pouco preguiçosa, especialmente durante o dia. Tenho vários batons escuros, já falei sobre meus batons vinho, mas a verdade é que dificilmente uso eles durante o dia. Misto de preguiça com não ter onde ir que justifique usá-los. Aliás, dificilmente vocês irão me ver com uma maquiagem muito elaborada durante o dia.

tipo essa. no dia a dia eu sou quase sempre sem maquiagem. Ou protetor solar com cor, corretivo e blush, no máximo.

Até que Joana trouxe algumas maquiagens da Vult, e entre elas estava um batom vermelho. É da linha liquido matte, bem aberto, cor No. 05. É uma cor que eu dificilmente escolheria se estivesse na minha frente em uma loja. Sempre achei que tons mais fechados são mais fáceis de usar, então sempre busquei essa gama. Na minha crença, batom vermelhão assim chama muita atenção. Saio de casa já na neura que tá todo mundo olhando para a minha cara, e fico desconfortável antes mesmo de passá-lo na boca. Acho lindo nos outros, mas em mim….

Só que essa sensação estranha não aconteceu com esse. Ao contrário, eu passei e achei lindo. Ele é muito pigmentado, seca bem rápido e o aplicador permite fazer o desenho nos lábios sem grandes dificuldades e borrões. A durabilidade também é maravilhosa, até mesmo quando estou comendo, ele dá uma apagadinha mas continua uns 70% intacto, eu diria.

Passando o batom (às 10:30 da manhã)

Depois de seco

Logo depois do almoço, por volta de 12:30

16:30, sem ter retocado nenhuma vez. Depois do almoço e de um lanchinho da tarde.

Aliás, achei que a cor funcionou tanto para mim (seja com meu tom de pele ou meu tom de cabelo), que quando vi, não estava querendo usá-lo apenas durante a noite. Passei a usá-lo também durante o dia. Não sempre, mas as vezes. E, como na maior parte dos casos, a neura de chamar a atenção estava apenas na minha cabeça.

Dividi isso no instagram e achei engraçado perceber a relação de muitas mulheres com esse item específico. Muitas encararam como uma forma de libertação. Outras testaram por causa do incentivo de outras mulheres. Tem quem se sente mais segura. Deixo aqui alguns dos relatos que recebemos:

“Sabe como eu comecei a usar batom escuro de dia? Com roupa branca e básica! Daí acostumei! Meu primeiro namorado disse que eu jamais deveria usar batom vermelho, que batom vermelho era ruim. Quando terminamos a sensação mais libertadora foi usar o batom vermelho e me sentir a pessoa mais linda do mundo! Uma que vez que começa, fica difícil desapegar. E olha que eu era daquelas que nem cor de boca usava…”

“Eu tive uma chefe de estágio que amava batons e me botava para testar vários. Aos poucos fui arriscando. Passei de sair só de gloss para usar tons claros, depois de algum tempo tomei a coragem dos vermelhos e daí para frente foi ladeira abaixo. Hoje sou a louca do batom. O que me ajudou foi o incentivo dela na época e ir testando em casa. Quando tinha tempo sentava em casa e testava batons de dia até que passei a me sentir bonita. É um processo que só funciona com testes mesmo. Minha dica é ir testante dentro de casa que é seu ambiente seguro. Com pouquinha maquiagem. Até que um dia cê se vê saindo de batom trevoso 3h da tarde.”

Nunca usei batom vermelho e estava me perguntando isso agora. Acho que por chamar a atenção demais!”

Só consigo usar no inverno e em viagens! Aqui no Rio acho que nunca usei durante o dia. Mas eu sei porque…Sou muito branca e de cabelos claros. Acho que eles pulam de mim quando uso com roupas mais claras – as que uso mais durante o dia. No frio de verdade acabo usando roupas mais escuras e fechadas, aí orna super bem. Ou à noite, para uma festa, com make bem elaborada.”

“Batom colorido dá um up na gente…me sinto até mais segura

“Eu amo batom vermelho, mas só consigo usar durante o dia se for para sair com amigas/sozinha. Para o trabalho não consigo…acho que fiquei meio bloqueada por conta de alguns comentários que já surgiram do tipo “nossa, tem date hoje” ou “estava em entrevista”? 

“Não usava nada vermelho. Quando era criança minha madrasta disse que vermelho não combinava com meu tom de pele. Sou negra. Lá pelos 25 anos usei um batom vermelho pela primeira e não parei nunca mais”.

(mais…)