Browsing Category

Autoestima

0 em Autoconhecimento no dia 11.12.2019

Você tem algum segredo para lavar roupa?

Esses dias fiz um desabafo no insta que vou transformar em post para o blog. Eu recebi tantas mensagens incríveis das nossas seguidoras que me sentiria uma pessoa nada generosa se não compartilhasse todas as dicas que recebi. Vou colocar várias em prática, mas mais do que isso, vou abrir um diálogo para que novas e velhas donas de casa se ajudem na busca por cuidar da própria casa, das próprias roupas e da própria vida.

Estou aqui falando no feminino porque 98% do nosso público é de mulheres, mas homens não só podem como devem participar e se interessar mais por esse assunto. Afinal, acho importantíssimo a gente cuidar do que é nosso com amor, cuidado e, principalmente, autonomia.

A foto do Lucas de Oliveira reflete os dilemas relacionados ao “lavar roupa” que passei no primeiro mês vivendo na nossa casa nova. O Rodrigo (aka o noivo) quis comprar essa máquina porque era um sucesso de audiência na casa da mãe dele. Por isso, fizemos esse, que foi o maior investimento de todo o apartamento. Em busca de cuidar das roupas no longo prazo e sozinhos, compramos uma máquina lava e seca excelente. Só que essa experiência não depende só da máquina para ser muito boa.

E o que eu postei no insta?

“Desde que mudei de casa noto que a lógica “do barato que sai caro” se repetiu em alguns momentos pontuais, quase todos relacionados a material de limpeza. Não acredito que isso seja um pensamento lógico ou uma regra universal, mas por aqui, essa teoria se fez verdade em alguns momentos específicos. Ficou claro que na prática eu ainda não sei comprar produtos de limpar as coisas. 🤭 Dito isso, quero trocar figurinhas com vocês. Afinal algumas das coisas que mais estão funcionando pra nós vieram da participação ativa de nossas seguidoras por mensagem. ❤️🙏🏼👍🏻 (pausa para o agradecimento, principalmente por esse lencinho que ajuda a lavar roupa colorida com branca). 😂🙌🏼 Nós investimos bastante numa máquina de lavar e secar, com várias funções, visando TER AUTONOMIA e agilidade. Nossa intenção desde o início é cuidar da nossa casa sozinhos o máximo que conseguirmos. Nesse contexto, todos os nossos planos e compras tinham a intenção de FACILITAR NOSSA ROTINA. Evitando ao máximo o retrabalho, coisa que tive tentando economizar no sabão de lavar roupa. 🤦🏻‍♀️ A máquina é um sucesso, mas por sua vez os primeiros produtos que comprei pra usar nela não foram! Depois de uma série de tentativas de usar sabão pra lavar roupa Qualitá, da marca do mercado, me vi meio perdida. Camisetas recém lavadas com cheirinho de usadas fizeram com que eu reconhecesse que preciso de ajuda pra fazer compras pra casa. Transpiro muito e cheiro é uma questão, pausa para o força guerreira, mas com cê-cê ninguém quer ficar e a depender do tecido é um drama. No automático, corri no mercado e comprei as marcas que são as primeiras que vem na nossa cabeça. Investi no sabão OMO, amaciante DOWNY e alvejante VANISH. 🙌🏼 pronto! Deu tudo certo, mas por mais inexperiente que eu seja nos cuidados com a casa ou na compra dos materiais, sou muito boa no controle de orçamento. Na casa dos meus pais usava o que eles tinham e dava certo, mas agora quero saber de vocês!”

Foi assim que pedi para as seguidoras dividirem comigo seus segredos de casa!

Perguntei quais os produtos de limpeza para roupa e casa elas mais gostavam. Quis saber quais produtos tinham bom CUSTO BENEFÍCIO. E de forma bem objetiva, perguntei no que valia investir e no que valia economizar? Vamos as respostas?

Com vocês, algumas das dicas maravilhosas que recebemos no post do insta:

Na foto os comentários foram bem diferentes das mensagens diretas, por isso trouxe um pouco dos dois pra vocês. Por aqui to com a mente aberta para toda e qualquer dica. Desde que seja o correto pra minha máquina.

Se você se interessa por esse tema, para um pouquinho e vem no feed ler os mais de 215 comentários abertos da publicação. Amei ver o quanto, juntas, podemos ser mais do que generosas, podemos construir uma rede de apoio e inspiração que nos auxilia na busca por autonomia daquilo que não sabíamos fazer. Assim, vamos aos poucos valorizando essas tarefas que são também uma extensão de cuidar da gente.

Conta pra mim se você também tiver experiências e dicas sobre lavar a roupa?

E ai, quer mais posts como esse aqui?

Beijos

Para quem perguntou, compramos na Fast Shop a máquina Lava & Seca 11 Kg LG Prime Touch. Ela tem 14 Programas de Lavagem e seu número de série é WD11EP6. A máquina e os produtos mencionados no post não tem nenhuma parceria com o blog. Foram apenas as marcas que compramos inicialmente.

0 em Autoconhecimento/ Sem categoria no dia 10.12.2019

Balança o ano que agora vai…

Já é natal na famosa loja cuja música gruda nos ouvidos. E nestes tempos já iniciamos aqueles balanços do ano. O que fizemos, o que não fizemos, o que foi bom, o que poderia ter sido melhor. Como afinal 2019 foi desembrulhado por nós. Este ano, então, acho que foi desembrulhado por um bebê de meses que sai rasgando a bagaceira toda. 

A realidade é quanto mais vamos amadurecendo e nos conhecendo mais algumas coisas vão perdendo a importância. O que era novo parece apenas aquela velha calça desbotada que não nos serve mais. Vamos descobrindo o prazer de estar em nossa própria companhia, mesmo adorando estar entre amigos. Como é bom entrar em um bar legal, pedir um chopp e não pensar em mais nada. Como às vezes é libertador não precisar conciliar agendas de ninguém, porque a única agenda é a sua. 

Pensar o que fiz no ano, para mim, está além do peso que ganhei ou perdi, do estilo de roupa que mudei, da cor da parede que investi. Também não está em estar solteira ou em um relacionamento, com poucos ou muitos amigos. O balanço do ano está em perceber a mudança. Perceber o tanto que nos transformamos em apenas um ano. Como é bom ver que pessoas estamos expandindo e como somos um universo inteiro, apenas dentro de nós. 

O que realmente podemos fazer agora que este ano termina? O compromisso a ser renovado a cada ano é o compromisso com você mesmo.

fonte: iphone2lovely.com/

Pensar grandes metas, grandes compromissos pode nos impedir de dar o primeiro passo. Então, apenas pense pequeno, comece com pequenas coisas, pequenos desafios. Que compromissos com você são inadiáveis esse ano? O que de fato da sua companhia você não abre mão? O que está nas suas mãos para realizar no próximo ano? 

No mais: pule as ondas, coma as uvas, faça seus rituais e seja feliz. 

0 em Autoestima/ Destaque/ Relacionamento no dia 03.12.2019

O crush do supermercado

Eu estava no mercado, como tem sido a rotina de todos os meus finais de tarde. Faz parte dessa rotina: re-aprender matéria do ensino fundamental, freqüentar farmácias e encher carrinhos virtuais de coisas que nunca vou comprar. Mas voltando ao supermercado, lá estava eu na fila do caixa. A caixa bem humorada fala que a esteira está quebrada, sendo que nunca houve esteira. E segue conversando. 

Um homem bem bonito está atrás de mim. Dou aquela olhada. Afinal, além dos aplicativos de relacionamento, quê outros espaços tem uma mãe solo para flertar? O Supermercado! Ele já virou crush, é claro. O Crush me ajuda com as compras sempre com um sorriso no rosto e conversamos sobre como povo anda alienado sobre o que anda acontecendo ao redor.

ilustra: @anneliesdraws

O crush vai ficando ainda mais bonito, afinal, além de charmoso, ainda entende de política e justiça social. Claro que ele nem faz ideia de que é meu crush. Nos despedimos com um troca de sorrisos, quase dei beijos no rosto, porque sou assim. Segui pensativa.

Além de todas as demandas que temos, ainda nos cobramos por um par. As frases mais ouvidas por uma mulher solteira e empoderada são: “você é independente demais”. “Mulher bem resolvida assusta”. “Você não quer compromisso”. E fiquei pensando o que seriam todas essas questões.

Realmente como posso eu ser mulher, trabalhadora, mãe, solteira e não ser independente ou buscar independência? Como não ser bem resolvida? E o que seria querer compromisso? Porque certos comportamentos assustam ? E por que deveríamos nos comportar de forma diferente de quem somos?

A resposta vem a cavalo e sem biscoito: porque socialmente crescemos a nos comportar de uma determinada forma. “Uma mulher não pode fazer isso, não fala palavrão, não bebe desse jeito, não escreve essas coisas”.

A conclusão, à beira de 2020, é que podemos ser sim o que quisermos. Encontramos a felicidade sozinhas, acompanhadas, com as amigas, com filhos, e quem sabe com o crush do supermercado. O importante é sentir que somos inteiras para transbordar em qualquer relação que seja.