1 em #paposobremulheres/ Comportamento/ Sem categoria no dia 23.09.2019

Pop Plus, pertencimento e uma troca sobre roupas plus size!

Olá! Me chamo Renata Brasil e fui convidada pelas meninas para dar dicas de lojas plus size aqui no blog. De início, fiquei pensando o que eu tinha de especial para fazer isso. Sim, sempre com aquela tendência de achar que não somos boas o suficiente, não é mesmo? E concluí que meu “credenciamento” vinha exatamente do que eu não tenho de especial. 

Assim como muitas de vocês, sou gorda desde a puberdade. Trabalho com contracheque mensal e sempre amei moda. Sei como é sair de lojas chorando porque nada entra. Sei como é se sentir obrigada a comprar a roupa que cabe por falta de opção. Como é querer uma peça específica e não encontrar.

Por isso, eu vim hoje trazer uma boa notícia. Estive na última edição do Pop Plus, o maior bazar de moda plus size da América Latina. E fiquei completamente surpresa com o tamanho do evento e a variedade de opções.

foto: insta @popplusbr

A intenção aqui não é indicar o Pop Plus em si, porque sei que muita gente não tem a possibilidade de frequentar por mil motivos. Mas se você tiver essa oportunidade, vá a algum, esse ou outro, sendo gorda ou sendo magra. Nada substitui a sensação de ver mulheres empoderadas e fora do padrão por todos os lados! Todas lindas, simpáticas, bem vestidas. Um clima gostoso de amizade e, principalmente, de PERTENCIMENTO! Quantas amizades eu já fiz, quanto conhecimento já troquei. 

Os eventos no Pop Plus são tão legais que, entre compras e conversas, dessa vez eu passei um total de oito horas do final de semana lá dentro. Fui sábado, não aguentei, e voltei no domingo. Esses bazares não contam só com moda; contam também com atrações. Pessoas gordas dançando, fazendo pole dance, apresentando rodas de conversa sobre situações que você e eu passamos.

Além dos debates, tem shows de dança, DJ, exposições e muito mais!

Voltando à variedade, no Pop Plus eu vi coisas difíceis de encontrar até mesmo em tamanho regular. Pijamas fofos que parecem diretamente saídos de fotos do Pinterest. Meias ¾ de lurex ou oncinha. Marca que trabalha somente com materiais biodegradáveis e consegue produzir todo tipo de peça. Enfim, uma infinidade de novidades. Fora aqueles itens difíceis para nós gordas especificamente, como anéis para dedos mais grossos, sapatos mais largos, cintos de tamanho maior, lingeries sensuais, biquinis, moda fitness. Tudo de muito bom gosto e com preços acessíveis. 

Aliás, encontrei desde tecidos nobres e recortes inusitados, até roupas mais básicas e baratas.

Muita coisa masculina também. Streetwear, acompanhando tendências como o tie dye, que está por todos os lados nas coleções de primavera-verão. Fiquei pensando no início desses bazares, que eu frequento há anos. Lembro quando, mesmo diante de várias marcas reunidas, tudo me parecia muito igual. Tecidos baratos, como viscolycra e poliéster. Peças mal modeladas, estampas com uma temática muito infantil ou senhoril. Tudo que fugia um pouco dessas tendências já se tornava muito mais caro. Que mudança! E sabem qual é a melhor parte? Muitas dessas marcas têm todos os tamanhos, para todas as pessoas. Claro, naturalmente esse é o ideal, que cheguemos ao ponto de não precisar mais discriminar nichos de moda.

Eu não pretendo afirmar aqui que está fácil.

Que agora qualquer hora que a gente quiser um mero short jeans basta correr no shopping mais próximo. Estamos muito distantes dessa realidade, mas a boa notícia é que a evolução da moda plus size é um caminho sem volta. Felizmente, esse é um ramo que vem em constante crescimento já há alguns anos, ignorando crises econômicas. Como disse uma amiga muito querida, atura ou surta!

Então eu vim trazer dicas, porque sei que, apesar do crescimento, às vezes é difícil saber procurar. Quais peças vocês têm dificuldades de encontrar? O que vocês gostariam de saber?

Gostou? Você pode gostar também desses!

1 Comentário

  • RESPONDER
    Julia
    23.09.2019 às 15:46

    Muito interessante mesmo a ideia de desmitificar nichos de moda. Texto interessante, leve, mirando no pertencimento e no futuro da moda! Maravilhosa! 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

  • Deixe uma resposta