2 em Beleza/ Convidadas no dia 05.10.2016

#futiconvida: Representatividade, Raissa Santana e o concurso Miss Brasil 2016

O assunto de hoje? Raissa Santana, a miss Brasil 2016, por Maraisa Fidelis.

Raissa Santana foi a segunda negra a vencer o concurso de Miss Brasil. A primeira foi Deise Nunes, lá em 1986, quando eu ainda não era nascida. Justo no BRASIL! Irônico, não? Um país onde mais da metade da população é negra. Mas, eu vivi pra ver isso!

Ser representada aos poucos, não apenas em comerciais, novelas e em profissões que admiro (<3 Dra Katleen Conceição), até mesmo em concurso de beleza.

UMA NEGRA GANHOU UM CONCURSO DE BELEZA!

raissa-santana-miss-brasil2016

 

 

Você pode me perguntar: “Mas Maraisa, por que tamanha alegria?” Fora o que mencionei no início, quem ganhou este concurso não foi o padrão. Foi a cor negligenciada por marcas que trazem e fazem bases pro Brasil, negligenciada por empresas ao escolher meninas para suas campanhas, negligenciada no mercado de trabalho, negligenciada todos os dias na rua.

Trabalho com beleza há exatos seis anos e posso contar nos dedos quantas meninas negras foram estrelas de campanhas, capas de revistas e chamadas para editoriais. Quando acontece, sempre optam por aquelas de pele mais clara, o chamado colorismo; onde a cor mais clara, mais próxima da considerada padrão, é melhor tolerada. Negras com a cor da Lupita Nyong’o pouco são consideradas para trabalhos neste mercado, e quando acontece é porque batalharam o dobro ou o triplo para tal.

Comemorar um fato deste é necessário para que as empresas, que as pessoas, que o mundo acorde e entenda que REPRESENTATIVIDADE IMPORTA! Negro consome, acreditam? Pois é! Eu consumo bases de 10 a 270 reais, eu quero me ver naquela ação de produtos para pele, eu consumo roupas de todos os valores, eu existo! Queremos ver modelos negras, atrizes, cantoras, apresentadoras, blogueiras fazendo campanhas. É Brasil, minha gente!

E voltando para Raissa: Obrigada, eu vivi pra me ver representada em uma MISS BRASIL NEGRA.

Hoje, diversas meninas podem pensar o que eu não pude: “Sim, mãe, tem miss negra e eu me vejo lá.”

Desculpem o palavrão, mas isso é foda demais!

Parabéns Raissa, você carrega milhares de mulheres com essa vitória, você nos representa! ❤️

Você quer ler o outro texto da Maraísa aqui no blog? Ele fala de cabelo e autoestima, é imperdível! Vem aqui!

banner-maraisa

 

Gostou? Você pode gostar também desses!

2 Comentários

  • RESPONDER
    Larissa
    06.10.2016 às 15:28

    MARAVILHOOOOOSAAA!!!!! <3

  • RESPONDER
    Taise
    09.10.2016 às 22:29

    Muito legal o post! E só engrossando o coro, a maioria das negras que conseguem se destacar nesse mercado da beleza, além da mais pele mais clara, sempre tem os chamados “traços finos”, são moças com traços negróides mais suaves (o nariz menor, mais afinado, os lábios não tão grossos, etc). A Raissa é linda e tão importante quando sua vitória foi a quantidade de misses negras no concurso (6 se não engano). Isso sim é representatividade.

  • Deixe uma resposta