2 em Book do dia/ Comportamento no dia 02.03.2016

Book do dia: A última carta de amor, de Jojo Moyes (versão Jô)

Hoje vou imitar a Carla e fazer algo raro por aqui: fazer um book do dia de um livro já resenhado no blog. O primeiro e único episódio em que isso aconteceu foi sobre o livro Extraordinário, que eu resenhei e depois a Carla fez o post dela. Hoje vou falar o que achei do livro “A última carta de amor” também da Jojo Moyes

A-ultima-carta-de-amor

Eu continuo gostando mais da história de “A garota que você deixou para trás“, que no final me arrancou algumas lágrimas, diferente desse. Contrariando a chamada na capa, ele não me fez chorar mas mexeu de verdade comigo em vários aspectos.

Se a A garota que você deixou para trás foi um livro cuja história foi entretenimento do início ao fim, “A última carta de amor” foi mais denso, mais difícil, cheio de pequenas lições e “re” aprendizados.

No outro livro que li de Jojo, as personagens Liv e Sophie me conquistaram de cara – a Sophie foi mais de cara que a Liv – neste não foi assim. A personagem Jenny, que viveu sua juventude nos anos 60, me ganhou, mas Ellie, cuja história se passa no início dos anos 2000,não. Nossa, como achei o universo da Ellie chato.

Achei tão chato que entendi que aquilo dizia algo sobre mim, sobre algumas coisas que penso e acredito. Quando vi estava fazendo fotos de trechos da história que falam de aprendizados que eu tive e quero levar comigo. 

Ellie, cujo namorado é casado, me lembrou da importância do amor próprio, da autoestima e de ter consciência sobre as nossas relações. As vezes a gente cria histórias coloridas com lápis de cor, adereçadas com características que não são verdade para nos manter em situações que no fundo já sabemos que são nocivas. Todo processo da Ellie me ensinou sobre isso.

Ao mesmo tempo que a história da Jenny me lembrava da importância de ser verdadeira, de “bancar” o que sente e viver na prática aquilo que acredita. A história que começou nos anos 60 e segue durante as décadas subsequentes me lembrou da importância do ROMANTISMO, coisa que ultimamente não tenho visto e nem vivido, não de uma forma tão clara e inspiradora. Por isso achei uma delícia ler o livro, lembrar que existe esse tipo de amor, ainda que também existam as relações doentes e fantasiosas.

No fim, nós podemos escolher aquilo que desejamos viver, aquilo que estamos dispostas a passar. Esse livro, mesmo com personagens demais e alguns momentos menos incríveis que outros, me trouxe muitas coisas boas. Foi uma boa experiência e solidificou esse meu novo amor por Jojo Moyes.

trecho-de-ultimas-cartas-de-amor

cada capítulo vinha com uma última mensagem de amor, seja essa carta, sms, email ou  telegrama!

Esse livro não me fez chorar como o outro, não foi tão gostoso de ler como o outro, mas me trouxe sensações muito boas também. Li, absorvi e recomendei. Aqui em casa minha mãe está lendo todos que eu li, as impressões seguem bastante parecidas. Só meu pai que ainda está implicado com a Liv, personagem do outro livro (rs) – ele ainda não chegou na parte em que ela fica legal. :)

trecho-2

algumas cartas e bilhetes de fins bem ilustres inclusive!

“A última carta de amor” me balançou, levei comigo muitas coisas e vou tentar transformar algumas dessas inspirações em posts de comportamento.

book-do-dia

Essa resenha é mais uma “impressão pessoal” do que um bom argumento para alguém ler o livro, mas como já disse, a versão da Carlinha está aqui e ela fala tudo que vocês podem querer saber.

Beijos

Jô 

Obs: Será que vou conseguir manter a leitura de um livro por mês? 
Será um super desafio pra mim! :) 

Gostou? Você pode gostar também desses!

2 Comentários

  • RESPONDER
    Rafa
    03.03.2016 às 14:55

    Adoro esse livro, li logo depois que a Cá fez o Book do Dia! Fiquei com vontade de reler, pra relembrar alguns detalhes. Jô, tenho uma sugestão de livro pra vc: toda luz que não podemos ver! Vi que vc gosta de livros históricos, esse se passa na 2 guerra, na França ocupada! Ainda não terminei, mas ja recomendo a leitura. Os personagens são bem interessantes, a leitura é rápida e vc sempre e a curiosa pra seguir lendo! Bjs

  • RESPONDER
    Carol
    07.03.2016 às 16:16

    Gente, acabei de leer esse final de semana… Jojo como sempre surpreendendo!!!
    Vamos de “Depois de você” agora

  • Deixe uma resposta