24 em Comportamento/ Reflexões/ Relacionamento no dia 06.07.2015

10 coisas que nem eu sabia sobre mim…

Há aproximadamente uns 50 dias eu entrei num período diferente da minha vida, fiz uma viagem de meditação, foquei na minha espiritualidade e encarei o que me pareceu ser um tempo sabático. Claro que sem cortar totalmente o trabalho, até mesmo por motivos de “por hora, isso não é possível”. A verdade é que me senti no meu próprio momento do livro “comer, rezar e amar” só que em menos tempo – e amor em questão, sendo o amor próprio.

Sei que esse período ainda não acabou, mas muitas coisas já mudaram internamente e chega ser engraçado constatar algumas que eu não notava antes. Ou mesmo outras que eu realmente não sabia sobre mim mesma, ou pelo menos sobre essa parte de mim.

Como está difícil falar sobre algo que não seja sobre mim…Vamos lá!
Pausa para um comentário: sim, essa frase foi muito egocêntrica! 

1. EGOÍSMO:  Eu estou gostando de viver uma fase focada em mim, esse “egoísmo” faz com que eu esteja curtindo minha companhia mais do que nunca. Seja ouvindo uma música que eu goste, viajando em minha companhia, passeando sozinha, jantando sozinha, bebendo um drink comigo mesma ou apreciando a vista ao som da minha música. Ui! Nem eu estou me suportando. rs Brincadeiras à parte, coisas como caminhar sozinha (sem me preocupar com mais ninguém) têm tido seu valor.

sem make & sem facetune rs

sem make & sem facetune rs

2. CARÊNCIA: Ao mesmo tempo que eu estou super querendo viver várias coisas sozinha eu fico carente em alguns momentos e quero ter alguém com quem dividir o momento. Por sorte tenho amigas e amigos que estão super disponíveis pra tal. De certa forma, eu NUNCA soube que eu era uma pessoa carente, aliás, continuo achando que não sou, acredito que isso é só uma fase.

3. QUANDO AS MELHORES COISAS DA VIDA SÃO COISAS: quem me conhece sabe que eu JAMAIS falaria uma frase dessas! No entanto, tenho descoberto que algumas coisas materiais têm MUITO valor pra mim, e por mais irônico que possa parecer, não estou falando de bolsas ou sapatos de marca, estou falando de coisas que mudam a minha vida prática, como por exemplo: minha cama enorme e confortável ou as rolagens fantásticas das minhas malas super poderosas.

malas-1

Malas de viagem com as rolagens do amor | Roncato

Tenho viajado tanto que ambas as “coisas” me fazem lembrar que dinheiro pode sim comprar itens que melhoram nossa qualidade de vida. Claro que não preciso nem de uma coisa, nem de outra, para ser feliz, mas ambas me ajudam a ter uma vida mais leve.

4. PREPARADA PARA AS PORTAS EM AUTOMÁTICO: Eu me encontro pronta para a próxima aventura em tempo integral. Sem muito planejamento, sem muita organização prévia. Minhas necessáires estão sempre preparadas e já não gasto mais tempo separando nada, nenhuma miudeza. Eu agora monto mala mais rápido e com menos preocupação. Assim como mudo planos durante o processo, coisa que quem me conhece há mais tempo sabe que seria IMPENSÁVEL.

Quem diria que eu ia nadar no Mar Mediterrâneo, adorar e resolver cancelar o resto da minha viagem pela Itália. Eu fui para Capri passar dois dias e meio e resolvi ficar cinco. Só porque deu vontade. Isso nunca, NUNCA, nunca aconteceria com a Joana de antes.

Nota da blogueira: claro que se for uma viagem de trabalho ainda vou queimar a mufa montando os looks uns dias antes, mudar isso seria algo impossível. Só que agora edito e altero os looks sem muito medo ou ansiedade. ;)

5. PRATICANDO A ENTREGA: Quem me conhece sabe que eu confio de olhos fechados e com os pés na brasa no Cara lá de cima. Sempre confiei e falo com toda verdade que há no meu coração quando digo que “o que tiver que ser vai ser” ou frases feitas desse tipo. Eu entrego pro Universo e confio que o que é certo para mim vai vir. Eu já fazia isso antes, já faço há mais de 10 anos, mas agora está demais.

2015 é o ano que está testando minha capacidade de entrega. Não gosto nem de falar para não atrair mais nenhum desafio. O primeiro semestre já foi e eu estou confiando plenamente que esse é o ano de relaxar e se entregar para o processo.

Eu não consigo explicar muito, só sei que vai acontecer o que tiver que acontecer.

6. REPETINDO COM ORGULHO: Outra parte fútil das minhas mudanças é a seguinte: Eu repito a mesma peça 200 vezes se ela estiver limpa e eu estiver com vontade de usar. As vezes lavo ontem e uso hoje de novo, se deu vontade, tá tudo certo.

O sapato que mais usei na viagem, mas repeti muita roupa tb! | Qix

O sapato que mais usei na viagem, mas repeti muita roupa tb! | tem no site da Qix

Qual o problema nisso? Nenhum, só minhas seguidoras do Snapchat devem estar achando que eu tenho no máximo 10 peças de roupa no meu armário. O que felizmente não é verdade, tenho muita coisa, ainda que eu doe a maioria daquilo que julgo não precisar.

7. PACIÊNCIA, VOLTA PRA MIM! Sempre fui a campeã em ser amorosa, compreensiva, fofa e as vezes paciente (às vezes). Isso é meu, sempre fui assim, não é fazer tipo, nunca foi. Também sempre fui naturalmente política, aquela que coloca panos quentes nas mais variáveis situações constrangedoras. Muitas vezes parava de ver uma coisa pra mim para ver para o outro, acho isso ótimo (dado que é algo natural), mas agora parece impossível.

Eu estou uma chata, impaciente e irritadiça, confesso que isso é o que eu não quero levar para a vida da nova Joana! Quando isso acontece eu tenho tratado de colocar meu fone de ouvido e ignorar qualquer ímpeto de dar um fora em alguma pessoa amada.

8. EU PRECISO DE SILÊNCIO! Qualquer amiga minha que ler esse post vai começar a rir agora. O que? Joana fazendo silêncio? Impossível.

Pois bem, minha mãe é a prova viva de que eu pratiquei muito silêncio interno na minha viagem. Em inúmeros momentos me calei, em alguns ouvi música, em outros ouvi a natureza, mas sem dúvida nenhuma fazia muito tempo que eu não ficava tão introspectiva assim.

Obrigada Apple pelo fone de ouvido que vem com o celular.

Obrigada Apple pelo fone de ouvido que vem com o celular.

Coitada da minha mãe, ela ficou danada comigo. De acordo com ela eu nunca fiquei quieta na minha existência, fui tratar de ficar praticando o silêncio no meio das nossas férias? rs

9. SAUDADES DO QUE NUNCA VIVI! Eu nunca entendi tão bem a música Índios da banca Legião Urbana. Eu não tenho ninguém que seja a cura para o meu vício de insistir na saudade que eu sinto de tudo que ainda não vi, mas eu sei que sinto essa saudade que é difícil de ser explicada de forma clara. Ou seja, quero viver tudo que há para viver e me permitir (agora já num momento Lulu Santos/Claudinho e Buchecha porque sou dessas).

10. MEU DEUS, DÁ PAUSE NO MEU SPOTIFY! Se tinha uma coisa que eu notei nos últimos 8 anos é que eu parei de escutar música. Quase não escutava música no avião, no ônibus, trabalhando, para me arrumar para sair e outras coisas mais. A primeira necessidade que eu tive quando me vi nesse período sabático foi de baixar o spotify e começar a separar minhas músicas.

Captura de Tela 2015-07-03 às 13.13.41Eu acredito que escutei mais música nos últimos 35 dias do que nos últimos 6 anos. Escutei para chorar, escutei para rir, escutei para lembrar, escutei para esquecer, escutei para dançar e escutei para relaxar. Ufa! Escutei todo tipo de música (umas muito cafonas inclusive) e não quero parar nunca mais.

Não quero nunca mais esquecer que músicas me inspiram e tudo isso teria sido um caos se a Carla não tivesse me apresentado esse app, que me toma 8 obamas por mês (na versão premium), mas faz cada dia que passa minha vida mais feliz.

Ufa! Que post aleatório, né? Acho que ele vai fazer muito sentido para quem acompanhou as minhas férias pelo Snapchat, no mais ele vai ser apenas uma lista de devaneios de uma garota maluca que está se adaptando à vida de solteira…

Beijos

Gostou? Você pode gostar também desses!

24 Comentários

  • RESPONDER
    Paola Alves
    06.07.2015 às 15:12

    A gente vai mudando com o tempo sem nem perceber né? E ai quando alguma coisa nos faz perceber isso e se dar conta é que paramos para ver o quanto mudamos e quanto a parte de nós que a gente amava tbm está lá atrás. Senti isso um tempo atrás vendo postagens antigas no Facebook, acredita? Eu era tão mais divertida e leve.. fiquei me perguntando o que tinha acontecido e só tenho tentado voltar a ser a pessoa que me fazia bem <3 Me identifiquei total com o post HEHEH :D http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

  • RESPONDER
    Bella
    06.07.2015 às 15:13

    Jô sua querida!
    Que delícia de post. Quem nunca passou por uma fase de auto conhecimento assim, que atire a primeira pedra.
    Essas fases são boas, por meio delas nos conhecemos melhor, conseguimos trabalhar nos nossos defeitos e qualidades e o melhor e mais importante: amadurecemos demais!!
    Que essa nova Joana, te traga muitas alegrias e sucesso.

    Beijo, Bella (sou a Bella do periscope =) )

    • RESPONDER
      Joana
      06.07.2015 às 15:33

      Que delicia, quase morro de amores quando vejo a galera do Periscope por aqui! <3

  • RESPONDER
    Lígia
    06.07.2015 às 15:21

    Nossa Jô super me identifiquei com você agora!!! Estou passando por tudo isso e sei como que é.

  • RESPONDER
    Sonia
    06.07.2015 às 15:26

    Oi Jô, amei seu post e sua força de vontade para colocar todas essas coisas em prática. Há mais de um ano, estou tentando me reerguer e me amar mais….mas como é difícil…fácil pra mim, é chorar. A vida continua no automático e não é está nada legal…
    Parabéns!!! Beijos :)

  • RESPONDER
    May
    06.07.2015 às 15:39

    Que post lindo! Não conheci muito a Jo “de antes”, mas to vendo você brilhar mais nesses últimos 50 dias! Brilhar de todas as formas! Now keep swimming!

    • RESPONDER
      Joana
      06.07.2015 às 15:41

      Sua linda! :) <3 Obrigada pela cia virtual de sempre!
      Quero te ver logo! :)

    • RESPONDER
      May
      06.07.2015 às 18:20

      Também quero te ver logo! Compra essas passagens assim que o cartão virar!!! Hahahahaha

  • RESPONDER
    Julia
    06.07.2015 às 16:00

    Amiga linda.

    Em primeiro lugar, vc nunca está sozinha, estamos ( suas amigas) sempre aqui para você !!!!

    Em segundo lugar, acho que pessoas que nem nós ( independente do caminho e as escolhas da vida) nunca estivemos sozinhas por muito tempo, nos sentimos PERDIDAS ( sim, palavra que odiamos admitir, falar em voz alta ou sequer pensar que possa ser verdade, já que sempre ((mesmo acompanhadas)) sempre fomos as responsáveis por todas as decisões, sendo mãe, estudante, esposa, profissional, e desde cedo sempre muito donas dos nossos próprios nariz em pé !!! Mas a verdade é que nós vemos perdidas simmmm !!! Em oportunidades que deixamos passar e nem achávamos que era assim algo que pudesse mudar a vida e hoje veríamos e aceitaríamos com outro olhar, a forma de lidar com as coisas e a crença em todos a sua volta que começa a ficar vista mais cautelosamente depois de algumas decepcoes com amigos que tomam lados … Por não saber por onde começar ( apesar de nunca estarmos paradas, sem programas, sem amigos, sem festas, sem eventos, sem atividades), mesmo assim não sabemos de que ponto de partida sair, afinal … Aquele onde nós encontrávamos era por muitos anos o que já achávamos ser o caminho … Então qual caminho agora ? O da direita ou o da esquerda ? O das pedras amarelas de Doroty ou a porta de Alice no país das maravilhas ????
    Entre um caminho e outro, uma porta e outra nos vemos tomando asas para uma liberdade maravilhosa onde pessoas que nem nós duas ( bicho solto) vê a oportunidade de fazer mais e mais o que nos dá mais prazer … ( malas prontas !!!! Mas e destino que antes era pre-meditado e detalhado ???? Pra que ???? Se joga no mundo e vai !!!! É nesse mundo vivemos e achamos cada rua das esmeraldas …. Cada porta a ser aberta … Cada momento com nós mesmas e o cantar alto e dançar como se ninguém tivesse olhando … O se apaixonar por cada lugar e as vzs por cada pessoa ou cada história que tira seu fôlego ….)
    Meu conselho amiga amada …. É vai !!!! E quando bater o medo, vai assim mesmo !!!!
    Num primeiro momento a solidão quase não é sentida, pois estamos nos descobrindo (sim, não é redescobrindo PQ agora somos adultas, é descobrindo mesmo) e pela primeira vez na vida !
    A euforia vem e bate forte então estamos suuuuuuper ligadas nos 220V …. Ao mesmo tempo que as vzs vem um domingo chuvoso que os amigos estão entocados e bate aquela deprê danada !!!! Pode sentir a deprê também … Ela não mata não ! Só nos dá um pouco mais de perspectiva das nossas escolhas TB ….
    Depois vem a fase seletiva ( se permita ser seletiva !!!!) seja nos amores, roupas, trabalhos, pessoas, AMIGOS !!!!! Fique de fato só com quem te faz bem e quem te quer bem …
    E não sei se por último … Mas a que eu me encontro hoje …. Mas em paz com quem somos … Sim, nosso humor é bipolar, sim já sofremos Mto por ajudar mais aos outos do que a si mesmo ( pare de tentar se mudar, isso está dentro de vc, como é comigo … Por mais esforço que vc faça … Vc sempre vai acreditar nas pessoas e tomar conta delas e colocá-las em primeiro lugar muitas das vezes (( vezes que nem deveria ! Desiste de lutar … Vc é assim e ponto)) então se aceite mais, martirize-se menos pelo o que poderia ter feito diferente, melhor ou não feito e aceite que você é a pessoa que cresce, que melhora, que amadurece e que se torna cada vez mais você, graças a tudo que você foi, fez, escolheu, perdeu (até mesmo pelas escolhas), foi atrás, deixou passar .,, enfim … VIVEU !!!!
    E acredite amiga linda …. TEM MUITO AINDA POR VIR !!!!!

    Bjkas milllllll

    Ju

  • RESPONDER
    Monique Gouveia
    06.07.2015 às 16:17

    Que post maravilhoso, Joana. Eu estou precisando de um momento assim, só pra mim, mas o momento infelizmente não é esse, preciso trabalhar pra não deixar a casa cair.

    Fiz um blog justamente pra tentar falar de viver bem sem deixar a moda, beleza e maquiagem de lado. Justamente procurar o equilíbrio que as vezes perdemos.

    Se estiver tudo bem, gostaria de divulgá-lo, acabei de criar:

    http://www.moniquegouveia.com

    Boa sorte nesse seu momento, um beijo!

  • RESPONDER
    Jú Aguiar
    06.07.2015 às 16:24

    Joana,

    Que delícia de post! Me identifiquei completamente porque passei por um período muito parecido no ano passado. Me identifiquei até com a falta de paciência porque estava tão focada em mim que não tinha muita paciência para “mimimi” dos outros ou nada que não me agragasse. Acho que é assim mesmo. E pelo menos comigo passou! Vai passar o seu também!!
    É uma fase deliciosa e que eu gostei muito de ter vivido! É um amadurecimento maravilhoso! Aproveita ao máximo.
    Eu já mudei de fase mas estou super aproveitando a minha atual também. Acho que o segredo da vida é este mesmo né? Aproveitar ao máximo e de coração aberto o que a vida te dá neste momento!
    Beijo grande,

  • RESPONDER
    Monica Amorim
    06.07.2015 às 18:12

    Jo, amei o post!!! Queria a tecla de curtir em cada item!! Acompanhei parte das suas mudanças por aqui, pelo snapchat e pelo periscope. E fico feliz de ver como vc está encarando esse momento na sua vida! Isso aí, não se preocupe em se amar demais, vai valer a pena. Bjs

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:40

      Sua fofa, obrigada por estar sempre por perto quando eu entro ao vivo! ;)
      Obrigada pelo carinho de sempre

  • RESPONDER
    Rafa
    06.07.2015 às 19:12

    Jô, amei esse post. Já comentei isso antes por aqui, mas preciso falar de novo: você está arrasando com esses posts mais reflexivos! A sua capacidade de colocar em palavras um sentimento, uma emoção, é incrível!! E o melhor é que Vc parece estar curtindo muito essa sua fase! Aproveita!! Beijos

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:39

      Que bom que estou conseguindo passar as coisas pra vocês Rafa, fico FELIZ de verdade!

  • RESPONDER
    Caju
    06.07.2015 às 22:06

    É tão bom notar que pra solteiros ou separados isso tudo é muito válido e muito importante pra ficar de olho, porque a gente precisa sempre se reinventar e ler coisas assim e se identificar é um grande presente.
    Adoro textos que me fazem refletir e nem sempre aqueles que vem com 5 itens que vão resolver qualquer coisa.
    Super beijo Jô!

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:38

      Caju,
      Obrigada por ter sempre tão querida comigo e tão participativa nos nossos periscopes! :) Fico REALIZADA quando conseguimos fazer um super periencontro!

  • RESPONDER
    Marina Ferreira
    06.07.2015 às 22:18

    Jô, como falei lá no Periscope, adorei esse post. E acho é muito importante estar sempre nos redescobrindo. Admiro muito essa sua coragem e o seu jeito de lidar consigo mesma. Você é muito autêntica! Adoro os Periencontros!!!!

    Beijos,
    Marina (No periscope sou merisofe)

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:38

      Mais gente linda do Periscope! <3 <3 <3

      Obrigada pelo carinho e vida longa aos nossos Periencontros!

  • RESPONDER
    Joanna Fernandes
    07.07.2015 às 9:02

    Adorei seu post!!!
    As vezes precisamos sair da zona, que se torna nossa vida, e repensar muitas coisas.

    Muitos beijos de sua xará, porém com 2 N’s :D

  • RESPONDER
    Mari
    07.07.2015 às 11:15

    Não sei se vc lembra de mim, mas fui eu quem dise no instagram (mari_martins_) que acompanhei sua viagem pelo snap e que Capri e Bodrum estavam nos meus planos.
    Adorei o post!!
    Já passei por um momento parecido (na verdade, ainda estou passando) e queria te dar uma dica: escreve um diário!!! Não pra publicar, mas só pra vc mesmo. Vc vai reler daqui a alguns anos e vai ver a riqueza que é reviver seus sentimentos.

    Beijo!

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:37

      Dica anotada, vou tentar! :)

      Fico sempre feliz de saber quem foram as pessoas que acompanharam minhas férias comigo! :)

  • RESPONDER
    Lyanna
    07.07.2015 às 13:42

    Preciso te conhecer novamente ;-)

    • RESPONDER
      Joana
      07.07.2015 às 15:37

      ah, mas você vai continuar gostando de mim, eu juro! :)

    Deixe uma resposta