18 em Comportamento/ entretenimento no dia 05.07.2015

Filmes da Sil: Divertidamente

Esse filme foi ‘polêmico’ aqui em casa, risos! Nós corremos e conseguimos pegar a sessão
legendada – vitória!!! Aliás eu não tive tempo de comentar essa semana pois tive um monte
de provas, mas li cada comentário do post anterior e amei saber que não estou sozinha.

Sabe aquele filme que você vê e não dá nada, até que alguém posta alguma coisa no seu Facebook que te chama a atenção e aí você quer ver o filme “ontem”? Foi o meu caso com “Divertidamente” da Pixar. Uma das minhas melhores amigas postou um texto e eu fiquei me ‘coçando’ para ver o filme e para ler o texto – eu não leio NADA sobre nenhum filme que pretendo escrever para não interferir na minha opinião.

divertidamente

Mas bem, por que polêmico? Bem, nesse post, duas pessoas conversavam sobre a capacidade das crianças de entenderem o filme. Honestamente, eu não vou entrar nesse mérito. O que aconteceu é que fiquei meio na dúvida se o filme é tão infantil assim – não tem nada de pornográfico, ok? Erick acha que sim, crianças irão gostar desse filme, já eu vi o filme sobre uma outra ótica – e talvez isso gere o famoso texto sobre depressão que até hoje eu não consegui escrever.

Divertidamente conta a história de Riley desde o seu nascimento, até o começo de sua
adolescência. Os primeiros passos, o primeiro jogo de hockey, a primeira melhor amiga,
enfim, as coisas normais que acontecem na vida de uma pessoa normal. Só que ao invés de mostrar o filme do ponto de vista da Riley, o filme mostra o cérebro de Riley. Ou melhor, suas emoções. Quando uma criança nasce, junto com ela nasceria 5 emoções primárias: Alegria, Tristeza, Nojinho, Raiva e Medo. Cada um desses ‘seres’ assume o comando de Riley para que ela viva da melhor maneira possível.

Inside-OutNojinho evita que Riley se exponha a coisas “perigosíssimas” como brócolis, por exemplo; Medo protege de acidentes, e assim por diante. Mas é a Alegria quem se acha, e de certa forma é, a chefe de todos eles. E a Alegria gostaria obviamente de que a Tristeza não existisse. Mas como tudo na vida, por força do destino as duas emoções são obrigadas a trabalhar juntas. E é aí, que na minha opinião, começa a parte interessante e mais aberta à diferentes interpretações da história.

Eu amei o filme! Vale a pena falar que o filme não é só da Pixar; Amy Poehler de Parks and Recreations, Mindy Kaling de The Mindy Project e The Office, além de grande parte da turma de Saturday Night Live, participaram da produção. Ou seja, é uma equipe que muito filme de adulto gostaria de ter!

Dizem os boatos que chegaram a cogitar 47 emoções diferentes e que teriam material para umas 8 horas de filme! Mas ainda bem que existem as ilhas de edição e “Divertidamente” ficou do jeito que está. As vezes o mais simples é o mais interessante, assim como um filme de criança pode ser melhor que um filme de adulto! ;)

PS: E se alguém quer saber, acho que no meu cérebro é a Nojinho quem toma conta, afinal além de mega alérgica sou uma chata para comer, risos!!! ;)

Beijos enormes e bom começo de semana para vocês!

Sil

Gostou? Você pode gostar também desses!

18 Comentários

  • RESPONDER
    Leticia
    05.07.2015 às 12:34

    Também consegui assistir a versão legendada! Dublado não dá! E amei muito esse filme. Não sabia nada sobre a história, fui sem expectativas e surpresa.. achei demais. Acho que crianças vão curtir pq ele é colorido e tem cenas fofinhas, mas não achei nada infantil. Inclusive gerou altas reflexões. Não tem como não ver esse filme e se colocar dentro da história. Também fiquei refletindo sobre qual personagem domina a minha cabeça :P bjs

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 15:05

      *Pulinhos de comemoração juntas!*

      Então, eu li uma chamada MUITO louca, risos, mas não sabia nada também. Fui cansada, sem expectativa, com fome (como a minha raiva não se manifestou? =D) E também amei o filme!

      Bem, eu realmente não sei quanto as crianças… Por isso nem me atrevo muito. Posso dizer que gerou altas discussões filosóficas aqui em casa, risos!

      Mas depois eu falo mais pq a minha gata resolveu entrar no modo Caos total e ela não para! Daqui a pouco tá no móvel derrubando tudo. Sim, ela é terrorista…

      Beijos!

  • RESPONDER
    arnaldo
    05.07.2015 às 15:01

    Gosto de seus comentarios porque parecem com o que penso…e,como sempre gostei dos desenhos[aliviam minhas tensoes] principalmente os da Pixar [agora Disney\Pixar ] tratei de ir vê-lo como voce recomenda…Mande mais…Obrigado.

  • RESPONDER
    mary
    05.07.2015 às 16:34

    o me tambem sou alergica a tudo e super chata pra comer,kkkkkkkkkkkkkk

  • RESPONDER
    Dani
    05.07.2015 às 21:03

    Fui assistir esse filme num momento emotivo feminino haha e acabei chorando e rindo ao mesmo tempo durante todo o filme!
    Beijos.
    http://bluescombrisa.blogspot.com.br/

  • RESPONDER
    Fran Morais
    06.07.2015 às 10:40

    Eu fiquei tão empolgada com o trailer, e criei tanta expectativa que acabei não gostando muito do filme … :( Achei que seria como no trailer, onde ocorre a interação de outras mentes também (mãe, pai), achei que ficou muito cansativo e muito superficial mostrar apenas a mente da garota. Achei a alegria uma chata ! kkkkk acho que quem toma conta da minha é o nojinho também !

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 19:43

      Ih Fran, que chato! Eu não vi o trailer, então mal sabia onde estava me metendo. Mas olha, eu acho que entendo o que “deu errado” na falta de interação: como eu falei, eles tinham MUITO material, e tiveram que editar. aí nem sempre o que sobra é o que está no trailer. Tem pessoas que acham alguns trailers melhores que os filmes até!

      A Alegria é um pouco mandona pro meu gosto, risos! E estou feliz de não ser a única que tem a “Nojinho” tomando conta! =)

      Beijos!

  • RESPONDER
    Paola Alves
    06.07.2015 às 10:42

    Olha, do jeito que as crianças andam inteligentes, espertas e rápidas hoje em dia, eu duvido muito que elas não entendam viu? HAHAHAHAH Podemos nos surpreender! =) http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 20:06

      Verdade Paola, se bobear eles daqui a pouco entendem filme do Godard e eu não!!! Risos! Mas minha questão não é só entender o filme, é um pouco mais funda que isso e é um assunto complicadinho de falar – não é a toa que eu estou com trava para escrever…

      Mas acho que a Pixar é BEM esperta é não dá ponto sem nó, as crianças vão gostar do filme sim, só não terão a minha interpretação maluca! Ou assim eu espero! =)

      Beijos!

  • RESPONDER
    Ana
    06.07.2015 às 12:51

    Achei um dos melhores filmes dos últimos tempos… Extremamente inteligente, achei genial… essa é a palavra!!! Aqui quem toma conta é a alegria e ela não tem nadaaaaa de chata ;)

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 20:14

      Oi Ana,

      A Alegria não é chata, ela só é um pouco “mandona” para o meu gosto, risos! Mas é normal, qualquer emoção que fosse dominante seria mandona, né? Aliás apesar de rir, eu achei a Tristeza a mais chatinha. Aliás eu não me incomodava que a Dona Alegria aparecesse mais aqui no meu centro de comando… =D

      Mas sim, o filme é genial! Fazia tempo que eu não via algo tão inteligente mesmo. Quem teve essa sacada… Só espero que não saiam fazendo uma enorme franquia e estragando a história…

      Beijos!

  • RESPONDER
    May
    06.07.2015 às 15:42

    Ta, de novo eu li o texto e quero sair correndo pro cinema!!!!!!!!! <3

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 20:07

      Own May!!!!! Nada me faz mais feliz! <3

      Espero que você goste do filme!

      Beijos!!!

      PS: Se precisar de cia, pode me chamar viu?

    • RESPONDER
      Silvia
      06.07.2015 às 20:08

      Aliás se quiser minha cia tb! =) Terças e quintas eu fico abandonada em casa, risos!

      Beijos!

    • RESPONDER
      May
      08.07.2015 às 13:35

      hahaha a gente precisa combinar mesmo, Sil! terça e quinta eu normalmente vou pra yoga, mas posso dar uma faltadinha!! <3

  • RESPONDER
    Achei ótimo bjo
    07.07.2015 às 20:52

    Comenta aí!

  • RESPONDER
    Anair
    07.07.2015 às 21:02

    Adoro desenhos Faz parte de infância adolescência e velhice Sempre tem encantos para todas as idades

  • RESPONDER
    Neneca
    09.07.2015 às 15:30

    Difícil não ter nojinho influenciando
    Mas como boa jogadora do jogo do contente, viva a alegria e xô com a tristeza. Mas a alegria é meio Metidinha , não?

  • Deixe uma resposta