4 em Book do dia/ Comportamento no dia 26.02.2015

Book do dia: Eu só queria ser uma mulher normal, de Débora Rubin

Esse livro eu ganhei da Rosana, amiga e leitora que sabe o quanto eu amo ter pauta nova aqui no BDD! Um dia ela me chamou no whatsapp e disse que tinha um livro de uma amiga dela para indicar, já que ela tinha certeza que eu ia curtir a leitura.

Desculpa, Ro, eu não curti. Eu AMEI!

resenha-livro-eu-so-queria-ser-uma-mulher-normal-debora-rubin

A sinopse, para quem quiser saber mais um pouco é a seguinte: Ao completar trinta anos, Cecília percebe que sua vida está bem longe de ser tudo o que imaginava que seria. Separada, desempregada, morando com a mãe e sofrendo com a paixão não correspondida, ela começa a acreditar que definitivamente, não é uma mulher normal.
À procura de uma justificativa para esse carma que a persegue, Cecília faz uma viagem à cidade natal da mãe para descobrir mais sobre as histórias de amor das mulheres de sua família e acaba convencida de que inegavelmente, a “anormalidade” está em seu DNA. É em meio a uma avalanche de segredos tirados do fundo do baú que Cecília acaba descobrindo a si mesma e, aos poucos, coloca em xeque o que significa, afinal, ser uma mulher normal.

Quem está querendo uma leitura super rápida, leve e descontraída, esse livro é a pedida certeira. Ele tem 136 páginas e é uma delícia, as páginas vão passando e você nem sente. Foi tão rápido que eu passei na frente o livro que eu achei que seria o BDD dessa semana, porque terminei em 1 dia e meio.

Na verdade, eu só peguei esse livro e “atropelei” minha leitura (não gosto de ler dois ou mais livros ao mesmo tempo) porque ontem acordei sem luz e fiquei nessa situação por aproximadamente 6h (!). Estava crente que ia terminar meu livro do Ibook e começar outro, mas quando fui pegar meu Ipad, surpresa! 8% de bateria e mais de 100 páginas para ler. Definitivamente, não ia dar. Peguei o próximo da fila, que não precisava de tomada para funcionar, e acabei terminando, me empolgando e querendo contar logo! :)

Cecília é o tipo de personagem carismático que é impossível se identificar. Mesmo que você não esteja passando pelas mesmas coisas que ela, você se pega pensando em diversos trechos que você teria a mesma reação, que você faria igualzinho. Eu fiquei apegada, juro. Terminei o livro querendo saber mais, querendo uma série, querendo que Cecília virasse minha nova Becky Bloom (no sentido de querer outros livros para acompanhar o resto de sua vida, não no sentido de serem personagens parecidos).

Em uma parte da história, quando ela começa a caçar as histórias de sua família, senti uma vibe Jojo Moyers em A Última Carta de Amor e caí de amores completamente. Tanto que fiquei chateada que essa parte da história não se desenrolou tanto quanto eu queria. Mas dá para entender, o foco do livro não era bem esse, era a auto descoberta de Cecília.

Enfim, não quero falar mais porque estou me empolgando e acho que posso acabar contando mais do que deveria. Por isso, só digo: quem gosta de livros de chick lit fofos, leves e com uma pegada de comédia romântica, nem precisa pensar duas vezes.

Esse foi o primeiro romance de Débora Rubin e confesso que já estou esperando novos títulos dela! Ou que, pelo menos, Cecília ganhe novas histórias!

Quem ler, me conta o que achou!

Beijos

Carla

 

Gostou? Você pode gostar também desses!

4 Comentários

  • RESPONDER
    Paola Alves
    27.02.2015 às 13:23

    Nova Becky <3333 Fiquei tentada a ler após essa info! http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

  • RESPONDER
    Gabriela
    03.03.2015 às 10:02

    Depois dos comentários sobre o livro, comprei e devorei em 2 dias, adorei, muito fofo.

    Dê mais susgestões, gostei das suas dicas :)

    beijos

    • RESPONDER
      Carla
      03.03.2015 às 10:45

      Oi, Gabriela! Esse livro é mesmo uma delícia, né?
      Se quiser ver mais, dá uma passeada pela tag book do dia aqui no blog que tem mais de 1 ano e meio de dicas de livro! :)
      E fica de olho aqui no blog que sempre estou atualizando ela. Essa semana tem mais um!
      Ah, se quiser sugerir algum título, eu adoro receber sugestões também!
      Beijoss

  • RESPONDER
    Adriana
    22.09.2015 às 14:23

    Comprei o livro, li em dois dias… Acabei agora e estou suspirando.
    Ele é fofo, leve, traz paz para o coração, muito bom. Adorei!!

  • Deixe uma resposta