4 em Deu o Que Falar no dia 02.06.2014

Deu o que falar…

1 – O que você faria?

Muita, mas muitaaaa gente compartilhou esse vídeo na última semana, que já ultrapassa 3 milhões de views. É o caso de um casal que teve uma filha e conforme ela foi crescendo, viu que a cada dia que passava, a menina se enxergava mais como menino.

Eles resolveram contar o processo que foi até eles aceitarem que a filha é transgênero e passar a tratá-la como menino.

Ficamos com lágrimas nos olhos ao ver esse vídeo. Achamos muito bacana a forma que os pais estão lidando com esse fato, e achamos a atitude de expor a situação bem corajosa. Ao mesmo tempo, ficamos com um aperto gigante no coração pelo Ryland, porque aos 6 anos e apoio completo dos pais, a vida é bem simples. Mas é claro que já imaginamos à frente, quando ele for pré adolescente e passar por tudo que uma menina passa (não sabemos se dá para tomar hormônio tão cedo, será?)

A pergunta que não quer calar é: será que esse video vai ajudar a mudar a mentalidade de quem acha que mudança de sexo é falta de vergonha na cara? Esperamos que sim!

2 – Netflix, a gente te ama!

Vocês sabem que a Fifa detém os direitos comerciais de termos como “Copa do Mundo”, “Copa 2014”, “Copa”, né? Isso acabou sendo uma pedra no sapato de várias marcas que querem aproveitar o evento para lucrar em cima dele e, por isso, a maioria teve que se virar na criatividade para falar sobre a Copa sem mencionar nenhum dos termos da Fifa.

Por isso, a gente morreu de rir com o comercial da Netflix, que simplesmente conseguiu dar um jeito de falar 512292100299202 vezes a palavra “copa”, de um jeito que não desse problemas legais com a Fifa.

Se nós fôssemos os chat…opa, os advogados da Fifa, estaríamos espumando de raiva nesse momento! ahahaha

3 – E os eventos engraçadinhos do Facebook, hein???

Ahhhh, a internet…esse espaço onde a zuera never ends MESMO!

Para descontrair, resolvemos falar desse fenômeno curioso que vem acontecendo no Facebook e que nos faz concluir que o povo do Face realmente não tem nada melhor pra fazer. A moda da vez é criar e se confirmar em eventos falsos e engraçadinhos. Algumas delas são:

dqf1 dqf2 dqf3 dqf4 dqf5tadinha da Lily, ela é fofa
(e a gente chorou junto quando ela descobriu que ia para a Disney!)! ;(

Gostou da brincadeira? O Youpix fez uma coletânea com as 100 mais legais!

Gostou? Você pode gostar também desses!

4 Comentários

  • RESPONDER
    Aninha
    02.06.2014 às 20:16

    Linda história essa do Ryland! Que bom que ele tem esses pais maravilhosos! Se para um adulto a sensação de não se “encaixar”, não se sentir adequado é horrível, imagina para uma criança que simplesmente não consegue entender o que há de “errado” nela! É possível fazer tratamento hormonal desde cedo, antes da puberdade, mas é uma questão a ser seriamente pensada pelos pais.
    Genial a propaganda da Netflix, adorei!
    Sobre os eventos do face, muito sem graça….
    bjinhos meninas!

  • RESPONDER
    Mariana
    02.06.2014 às 23:47

    Arrasaram no ‘Deu o que falar’ desta semana! A forma como os pais de Ryland conduziram a situação foi muito legal e madura! Imagino que não deve ter sido nada fácil para eles, pois lidar com o sofrimento da filha(o), com a opinião pública e com o preconceito é barra!!! Batalhas diárias ainda deverão ser enfrentadas, infelizmente. Um barato a propaganda da Netflix… ah eu com uma criatividade dessas!!! Ô povo criativo!!! ;-)

  • RESPONDER
    Gabriela
    03.06.2014 às 8:19

    “Deu o que falar” dessa semana está sensacional. EU RI DEMAISSSSS, posso comentar o post do blog na copa agora graças ao Netflix.

  • Deixe uma resposta