7 em Comportamento/ desafio de peso/ Experiência/ Parceria/ Variadas (f)utilidades no dia 11.06.2012

Desafio de peso: Todo mundo tem momentos de altos e baixos

O desafio de peso anda uma montanha russa, sei que minha ótima perda de peso animou muita gente e me fez ver o mundo de outra forma, agora penso no benefício dos alimentos e viso a saúde antes de tudo. Estou orgulhosa das conquistas internas e externas que fiz nesses 2 meses, nem tenho palavras para definir a competência da Patricia e sua equipe, ainda sim nem tudo são flores na minha balança nos últimos dias.

Infelizmente como estamos falando de uma pessoa com relação fortemente emocional com a comida é quase impossível não rolarem os tais altos e baixos, boicotes e coisas do tipo. Infelizmente essa semana que passou foi recheada de momentos de sabote e eu não me orgulho nem um pouco disso. Vale ressaltar que os momentos de sabote não foram uma escapadinha aqui e outra ali, afinal isso não prejudicaria tanto. 

E o pior? Eu pude confirmar que certos alimentos me embrulham, me dão pesadelo e não caem bem. No detox eu havia notado como a ausência de certos tipos de comida interferiam diretamente na minha saúde, após “provar” alguns deles em quantidades mais pesadas eu confirmei minhas suspeitas, eu não nasci para pesar a mão em alimentos com lactose e glúten. Vale deixar para come-los em dias especiais, comendo fora ou fazendo exceções, ou seja, fora da rotina.

Eu estou fugindo OFICIALMENTE da balança pois sei que ganhei mais de um quilo, agora tenho que focar, fazer tudo certo e me dar poucos momentos livres aqui na terra da garoa, alias a Ca está me dando todo o suporte paulistano.  Só para constar aqui é um dos lugares em que mais amo sair para comer em todo o mundo! #aff

Ontem a caminho aqui de São Paulo eu pensei sobre como dar a volta por cima, não deixar a mente pensar errado e controlar meus pensamentos, focando apenas nos positivos. Acho que me dei um gás novo e me animei muito para não desistir! Com isso e todo aprendizado e suporte que tenho da galera da Clínica da Patricia eu vou continuar firme e forte. Não vão ser 4 dias super errados que vão anular essa nova etapa e esse desafio.

Entre os dias 20 e 25 de junho vou ter minha consulta com a própria Patricia Davidson e quero desfazer os meus erros até lá. Para voltar para a zona de perda (e manutenção) de peso. Super feliz e realizada, prontinha para aí sim dar uma escapadinha aqui e outra ali, que não são os reais causadores dos grandes danos.

Estou passando um momento negativo na balança, mas com determinação, força de vontade e foco no objetivo eu pretendo resolver tudo isso. 

É isso, sigo e agradecendo o apoio de todas as leitoras fofas, que estão por todos os lugares me apoiando neste #desafiodepeso! Tem sido uma surpresa muito boa ver a quantidade de gente que vem acompanhando esse momento. Espero contar pontos positivos na balança na semana que vem!

Beijos

Gostou? Você pode gostar também desses!

7 Comentários

  • RESPONDER
    Tamara
    11.06.2012 às 15:45

    Jô,

    acho muito bacana essa sua determinação e esse jeito honesto de ser com seus leitores, mas mais do que isso é uma honestidade incrível consigo mesma. Bacana vc expor isso pra gente de um jeito tão leve!
    Mesmo assim, acho que vc pode se dar um desconto… 6,5 nesse períodozinho tão curto foi um conto épico!!! E mais, tá frio e tá chovendo: não tá fácil pra ninguém! As condições de temperatura e pressão influenciam mesmo!!!

    Beijos!!!

    • RESPONDER
      Joana
      12.06.2012 às 12:03

      As CNTP não me ajudaram NADA nesse feriado que passou Tamara, você nem imagina o quanto foi complicado, mas vou dar um jeito. O importante é não desanimar mesmo! :)
      Obrigada pelo carinho

  • RESPONDER
    Fernanda Bruno
    11.06.2012 às 18:26

    Jo,
    Sei que vc desanimou e sei bem o quanto é meio desesperador quando a gente fez um esforço do caramba e de repente come mais e tcharam: os quilos perdidos em semanas são ganhos em dias…Agora, ENFIOU MUITOS PÉS NA JACA ESSES DIAS: PÁRA! Não cai na autopiedade, nao entra no ciclo comi-engordei-fiquei triste pq engordei- agora que ta feito vou comer mais pra ficar menos triste. Isso é boicote! Vamos supor que vc pesasse hj e tivesse engordado 3 quilos! Vc perdeu 6! Pro que vc era, vc nao volta mais! Ta com 3 a menos. Pra princípio de conversa isso não é só gordura. Quando a pessoa enfia o pé na jaca ela dá uma inchada, água, essas coisas que perde rápido e além do mais, a vida real é assim. Todo mundo oscila de peso uns dois quilos. Vc vai emagrecer, vai viajar, vai engordar um pouco, aí vai vai voltar, vai perder..A luta é essa: pra vida toda! Como te contei no outro post, ja emagreci 10 quilos 3 vezes e todas as vezes que emagreci eu cismei que era magra, pq eu estava visivelmente magra, então achava q podia comer que nem uma magrela com o metabolismo a 500km/h, aí engordava de novo. Só que as céulas de gordura não vão embora, elas murcham. Quem tem tendência, tem tendência. Comida é bom pra caramba, tem hora que chocolate é melhor que qualquer psicanalista, mas quem disse que esse é o único prazer? Vc vai sair de vez em quando, mas tem que trocar esse hábito por outro. Brincar de montar mil looks em si mesma, poder usar o que quer, sem contar a auto confiança de saber que corrreu atrás e conseguiu. Escorregou? Levanta. Vai em frente. Todas as vezes. Engordou, é a vida, vai voltar! Não fica pensando que tem consulta com a nutricionista dia 25, ainda estamos no dia 11. É claro que existem milhões de descobertas da ciência e que elas nos ajudam a comer melhor, mas emagrecer é consumir menos calorias do que gastou. Ela vai te ajudar, mas a fórmula todos nós sabemos. Não seja tão dura consigo mesma, vc tá tão bonita, aliás,sempre foi! Vai ficar mais. Não torne isso num martírio, curta cuidar de vc, passe cremes cheirosos, é por vc, não é por mais ninguém. Se em algum momento vc se estimulou a começar a fazer dieta é pq essa comida que te faz tão feliz não estava te completando ao ponto de te tornar realizada. Se nada tivesse incomodando, vc não tinha começado. As vezes a trajetória é tão difícil que esquecemos disso ( tô te escrevendo essas coisas pq eu somatizo demais, pra mim é muito dificil), do que nós fez começar e de que não éramos felizes quando a comida que nos dói abandonar era tão farta. Faça que nem os alcóolicos anônimos: um dia de cada vez e não olha pra trás!Se não conseguir pensar em dia, pensa em refeição : na próxima refeição eu vou me controlar e assim sempre. Bjão e estou com vc!Torcendo muito. Menos dois pra mim, menos uns 4-5 pravc! Estamos super no lucro!

    • RESPONDER
      Joana
      12.06.2012 às 12:02

      Obrigada Fernanda,
      Você me lembrou de muitas coisas que eu preciso mesmo pensar!
      Sem falar que não posso esquecer que as células apenas MURCHAM ou seja é fácil ganhar novamente.
      Tenho pensado muito em tudo isso, não posso ser tão dura comigo mesma e nem posso sofrer por ter vacilado, vou resolver tudo e dar a volta por cima. Ainda sim tentando curtir as coisas, acho que é super importante me curtir durante o processo e não sei se tenho feito isso nos últimos dias.
      Obrigada por todos os seus comentários.
      O (f)uti agradece muito.

      Beijos

  • RESPONDER
    Rafaella Sousa
    11.06.2012 às 23:43

    Oi, Jô! Estou adorando seus posts sobre o detox! Eu perdi 17 quilos entre 2009 e 2010, por questões de saúde, claro, mas também estéticas. Em 2011, eu descontei o estresse da pós graduação na comida, então ganhei uns 3 quilos, mas voltei pro foco e perdi 4 quilos, ou seja, fiquei ainda mais magra. Vc já teve um resultado fantástico até agora e a gente sabe que fazer dieta é se privar de algumas coisas e às vezes cansa. O que importa é que vc sabe onde quer chegar e sua saúde agradece. Seus posts têm me inspirado muito a ficar firme na dieta e variar o meu cardápio! Obrigada!

    • RESPONDER
      Joana
      12.06.2012 às 11:53

      Super obrigada pela força Rafaella!
      Obrigada também por compartilhar a sua história, fico feliz de ver o quanto essas coisas são complexas e normais, ao mesmo tempo.
      Beijos

  • RESPONDER
    Carolina Leonardi
    24.06.2012 às 21:08

    Te entendo suuuper bem pq eu ganhei quase 20 kilos nos ultimos 3, 4 anos e sempre nessa de tentar emagrecer e desisitir (minhas dietas nunca duravam mais q uns 3 ou 3 dias) mas agora eu engrenei, jah vi o ponteiro da balança descer e to bem animada, quase uma de de dieta! Escrevi um pouco sobre o q tenho feito aqui:
    http://asodapop.blogspot.com.br/2012/06/dieta-no-inverno-pode-sim.html?spref=tw

    Bjos e boa sorte!

  • Deixe uma resposta