Browsing Tag

maiô

0 em Destaque/ Looks/ Moda no dia 18.01.2018

Look da Cá: Maiô no dia a dia

Faz tempo que eu não posto um look aqui, eu sei. Confesso que minha criatividade fica meio impactada quando o frio chega, eu fico um pouco sem paciência de escolher algo para vestir e acabo sempre botando as mesmas coisas coisas que eu sei que me aquecerão. Se as cores ficarem harmoniosas já é um grande avanço, acreditem, porque nem nisso eu penso direito.

Ao mesmo tempo, fico meio frustrada com essa minha inércia quando o frio chega, então me comprometi mentalmente a tentar achar soluções com o que eu tenho para essa época do ano, agora estou me comprometendo publicamente. Veremos como vou me sair.

Só que o look de hoje não é de inverno. É bem verão, verão até demais. Tão verão que a regata deu lugar a um maiô.

Na verdade eu não consegui usar esse look na prática porque o maiô só chegou no dia que eu estava voltando para NY. Só que eu imaginei ele no momento que eu vi essa peça no site da Marcyn e não iria esperar chegar o verão aqui para ver se ele funcionava. Por isso, antes de fechar a mala, dei um jeito de vestir exatamente o que eu tinha imaginado para ver se dava tão certo na prática quanto tinha dado na minha teoria.

Modéstia à parte, achei que ficou até melhor do que eu tinha visualizado na minha cabeça.

maio-pantacourt

maio-pantacourt-3 maio-pantacourt-2

maiô Marcyn | calça Karamello | espadrille Cavage

Ele é azul marinho com uma tira branca nas costas, e desde que essa coleção foi lançada, foi uma das peças que eu achei mais chiques. Aquele chique minimalista, um tom de azul marinho bonito, linhas limpas e simples. Só tinha uma dúvida: putz,  o decote é bem embaixo, vai marcar as minhas gordurinhas nas costas.

Por muito tempo – mas muito tempo mesmo, quase toda a minha vida – eu usei pouquíssimos decotes nas costas porque 1) a maioria deles não permitem sutiãs, que até eu fazer redução era algo que eu considerava impensável de usar 2) eu achava que a gordurinha marcando estragaria a peça.

A quantidade de roupa que eu deixei de usar por um desses motivos não dá nem pra contar. Eu deixo passar o número 1 porque ter diminuído os seios foi uma das decisões mais certeiras que eu tomei na vida. Mas recentemente entendi a agressividade que é pensar que alguma parte do seu corpo pode estragar alguma coisa. Então, venho tentando achar um equilíbrio aqui e acolá, como nesse look, por exemplo.

Estamos falando de um maiô, estamos falando de verão, estamos falando de Brasil, um país tropical onde o verão é escaldante na maior parte do país e está tudo bem usar peças mais frescas. Por que vou passar calor ou vou ficar me cobrindo? Por que eu acho que uma peça não me valoriza sendo que ela vestiu perfeitamente 99% do meu corpo? 

Não vou dizer que eu amo elas, que eu estou feliz e satisfeita em tê-las comigo, porque eu ainda não cheguei nesse ponto de desconstrução do que a sociedade acha do corpo perfeito. Sei que vocês vêm o processo de libertação da Jô e acham inspirador e queria dizer que eu acho também. Eu ainda não cheguei nem perto de onde ela está, e tá tudo bem. O que quis dizer aqui é que acredito que, para mim, o primeiro passo que eu posso me dar é não deixar que esse detalhe me impeça de fazer ou usar algo que eu realmente quero. 

Obrigada a todas vocês que me abrem a cabeça diariamente com o #paposobreautoestima e obrigada também ao movimento que a Fabi Saba me apresentou, o #libertemasdobrinhas. Acho que mudar o olhar faz toda a diferença, e saber para onde olhar é essencial nessas horas.

Voltando ao look, aproveitei que ele é justo para usar uma calça mais larga, uma pantacourt também bem fresquinha da Karamello. Eu amo essa modelagem com amarração na frente, me dá uma cintura que eu não costumo ter.

E assim foi construído um look que valoriza o que eu quero valorizar, que não esconde o que eu tinha medo de mostrar e que fez essa combinação super fresquinha e gostosa para os dias quentes. Agora eu só preciso esperar mais alguns meses para conseguir usá-lo aqui. :D

Beijos!

Carla

 

0 em Destaque/ Moda/ Patrocinador no dia 07.09.2017

Eu ouvi alguém dizer pool party??

É oficial, já estamos em contagem regressiva por 2 motivos bem especiais e que agora podemos contar! O primeiro, sem nenhuma modéstia mas com muita ansiedade, é que falta pouco para eu chegar no Brasil! Se no ano passado eu estava contando os segundos para o inverno, neve e decorações de Natal, esse ano eu queria mesmo é que o calor durasse mais um pouco (um muito para ser sincera). Talvez por isso mesmo eu tenha dado um jeito estratégico de sair daqui quando o frio estiver começando a aparecer de verdade (tudo bem que voltarei quando as temperaturas dignas de pelo menos duas camadas já estarão presentes, mas isso é uma questão para a Carla do futuro).

O segundo motivo é mais especial ainda: no final de Setembro o Futi fará o segundo #paponapiscina! Lembram da pool party que rolou em Fevereiro? Demos um jeito de aproveitar minha estadia em solos cariocas para organizarmos uma outra edição, e não é que tudo se encaixou perfeitamente?

O encaixe foi tão perfeito que a festa vai acontecer um pouquinho depois do lançamento da coleção de verão da moda praia 2018 da Marcyn, nossa patrocinadora aqui no blog! É claro que nossos looks da pool party já estão escolhidos, mas nós resolvemos mostrar para vocês o que já está no ar. Para dar um gostinho, algumas fotos do catálogo:

As estampas estão bem lindas, tanto que a gente teve um pouco de dificuldade em escolher, e as modelagens também merecem destaque! Nossas preferidas foram as opções de hot pants, e enquanto o modelo de sutiã preferido da Jô foi o meia taça sem bojo o meu foi o frente única com bojo (logo eu, que detesto bojo, fiquei apegada nessa modelagem mas é claro que também fiquei balançada com o que a Jô escolheu). Também experimentei o modelo de calcinha empina bumbum e não é que fui surpreendida? Veste super bem!

sutiã sem bojo vermelho | sutiã tomara que caia preto | hot pant preta | calcinha plus estampa | sutiã estampado | calcinha empina bumbum

Além desses modelos, tem vários estilos de maiôs, mais de 6 tipos de sutiãs e 6 tipos de calcinhas de biquini, em muitas estampas coloridas e a cara do verão. Selecionamos alguns modelos e cores para vocês se prepararem para qualquer evento que possa surgir daqui pra frente, seja a pool party, seja uma praia com as amigas, um churrasco no fim de semana ou uma viagem com o namorado. :)

biquini florido | biquini matiz | maiô peruana | maiô vitral
maiô preto | maiô ladrilho | biquini bamboo | biquini pirâmide

Com tantas opções de modelos e tamanhos (a linha plus size vai até o 52, o G da linha normal veste 42/44), com certeza tem como achar aquele biquini ou maiô que vai te vestir maravilhosamente bem. Nossa experiência com as peças da Marcyn têm sido as melhores possíveis e só temos ouvido elogios das meninas que resolveram experimentar também. Um verdadeiro papo sobre autoestima dentro do #paposobreautoestima rs.

E sim, deixamos o melhor para o final! Quem já está confirmada na lista da pool party e quiser aproveitar para ir de biquini ou maiô novos, a Marcyn está dando frete grátis para quem estiver lendo esse post! E quem não puder ir dessa vez, pode aproveitar o frete também! É só digitar o código FRETEPRAIA no final da compra para o frete grátis ser aplicado.

Vamos aproveitar o verão juntas com modelos lindos e que nos valorizem??

5 em afiliado/ Destaque/ Inspire-se!/ Moda no dia 27.01.2017

Influenciada digitalmente por…maiôs!

A última vez que eu usei um maiô eu deveria ter mais ou menos uns 7 anos. E só usava porque eu gostava de fazer bodyboard e essa peça era perfeita para não ralar a barriga na prancha e não ter uma das partes do biquini arrancadas pela onda. Motivos práticos, só isso.

A adolescência chegou e com ela meu desejo por biquinis de lacinho, que durou bastante, até meio do ano passado mais ou menos. Ou melhor, ainda amo, é meu modelo preferido, mas desde que o verão começou no Brasil eu to sendo influenciada digitalmente por algumas amigas que estão arrasando com modelos lindos de maiôs (e postando tudo nas redes sociais, amo mais ainda <3 #paposobreautoestima).

Engraçado que o motivo de eu não usar maiôs era puro preconceito mesmo. Além de achar que muitos modelos têm uma pegada mais senhoril, o que sobrava eu jurava que não funcionaria pra mim porque fariam gordurinhas não desejadas pularem. Sem contar que eu não tenho muita cintura e achava que não valorizaria. Bem, estou sendo convencida a reavaliar!

Começando pela linda e poderosa Joyce do Gostei e Agora?, que é uma das principais responsáveis por me influenciar já que ultimamente é tiro atrás de tiro no seu instagram. Esse é da Cia Marítima e eu fiquei doida para experimentar um igual ou parecido.

Depois veio a Mandy, do Starving, que também me convenceu a tentar novamente! Aliás, eu amei esse maiô da Salinas!

Mica sereia Kodama do Segura o Picumã. Esse com decotão lateral eu acho que não me arrisco apesar de achar lindo e sexy, mas creio que meu peito é meio grande para um sideboob. Será que eu experimento? Esse dela é da Farm!

Outro com decotão lateral foi esse da Bruna Vieira do Depois dos Quinze. Achei ela diva #plena nessa foto com esse maiô da Vou de Pipa.

A Dani é minha musa de estilo, já falei. Além de babar nas roupa da Melon Melon, sua marca, ultimamente eu tenho babado também nos maiôs. Aliás, o preço deles está maravilhoso, um dos melhores que eu tenho visto por aí nas minhas pesquisas!

Comecei a seguir a Alice Dote (@alicedote) recentemente por uma indicação lá do nosso grupo no Facebook e eu amei o estilo dela, inclusive na praia! Esse maiô é de uma marca chamada All Day Beach, que faz moda praia sob medida e ele combina sideboob e tiras laterais. Achei sexy, achei incrível.

A Silvia Braz é uma dessas mulheres que inspiram todo santo dia, muitas vezes por dia. Eu sempre amo vê-la na praia porque ela consegue ser muito chic e natural, usa roupas lindas que dão muita vontade de ser diva elegante na praia. Esse maiô dela é da Melon Melon, marca da Dani que eu falei aqui em cima.

A Cecilia, mais conhecida como Cix, é uma menina que eu AMO seguir (@cixcixcix). Cada foto de morrer, cada praia, cada biquini, cada maiô, socorro.  Esse é da Rush e tem sido meu namoro à distância – tem em branco, preto e estampado.

Alguma dúvida que depois dessa chuva de prints eu não estou convencida que vou sair procurando maiôs assim que eu pisar no Brasil? Pois eu vou, apesar de ainda estar com um pouco de medinho. E eu sei que é muita idiotice estar com medo de não ficar bem de maiô, mas acredito que será um desafio deixar de me enxergar como a menina de 7 anos. Veremos, né? Não vou sofrer por antecedência!

Quem se interessou, achei alguns maiôs bem legais em lojas afiliadas (além dessas que eu citei, claro!):