Browsing Tag

bio extratus

0 em Beleza/ Cabelo/ Destaque/ Publieditorial no dia 11.08.2017

Mantendo a cor do cabelo tingido por mais tempo com a nova linha Pós Coloração da Bio Extratus

Talvez muita gente aqui não saiba, mas teve uma época na minha vida que eu não conseguia ficar satisfeita com a cor dos meus cabelos. Com medo de ficar loira e estranhar muito, a primeira grande mudança capilar que fiz na vida foi para um castanho avermelhado, isso lá em 2007.

essa cor, que eu amei, durou exatos 5 dias. eu só lembro com tanta certeza porque eu fiquei muito decepcionada na época rs

Em um primeiro momento eu amei, o único problema é que aquela cor discreta porém ousada durou exatamente 15 dias. Depois eu voltei a ser morena – mas com uns reflexos avermelhados zero emocionantes. Na época eu não tinha ideia de como cuidar do cabelo, só tinha um vidro de shampoo e outro de condicionador e fazia umas hidratações eventuais no salão.

Mas foi um pouco depois dessa época, no desespero de tirar o resto de avermelhado que eu ainda tinha no cabelo, que eu testei o loiro pela primeira vez. Amei, me achei e não mudo desde então. Ou melhor, mudo, o loiro foi saindo das pontas e indo cada vez mais para cima! Apesar do cabelo claro também ter seus cuidados especiais, ele não é tão difícil quanto uma cor tão intensa quanto o vermelho, principalmente quando são apenas luzes, e não tinta. Mas admito aqui bem baixinho e timidamente que eu adoraria tentar ser “morenuiva” novamente. Ou quem sabe “loiruiva”?

Eu não sei se vou ter coragem para isso, mas esse mês a Bio Extratus está lançando uma linha que talvez me faça ficar um passo mais perto de me convencer a fazer uma mudança temporária: a Pós Coloração. Ela veio para substituir a linha de Noni para cabelos tingidos.

A Jô já recebeu e está testando, eu estou louca para começar a usar!

Foto da campanha

Os produtos da linha Pós Coloração foram pensados em dados coletados de pesquisas que concluíram que 8 entre cada 10 mulheres já descoloriram os cabelos e 64% das mulheres procuram produtos que tratam danos químicos. Isso porque não estou falando do dado (que eu achei) impressionante, de que o Brasil ocupa o segundo lugar mundial na categoria tintura.

Pensando nisso e levando em conta que a coloração por si só abre as cutículas dos cabelos e os raios UV ajudam no desbotamento e na perda de brilho, a Bio Extratus resolveu apostar tudo nesse lançamento, que só pela descrição eu acho que já tem tudo para ser sucesso.

A linha conta com shampoo, condicionador, emulsão mágica (tratamento intensivo de 60 segundos com efeito desmaia cabelo), banho de creme e finalizador. Todos são livres de sulfatos, perolados e parabenos, o que deixa a linha inteira liberada para Low Poo– e que eu acho um belo de um diferencial de tudo que eu tenho visto por aí.

A fórmula é composta de goji berry, que tem antioxidante e vitamina C; aminoácidos de cereais, que repara danos externos e internos além de melhorar a textura dos fios e Lumicor, um ingrediente tecnológico novo, inovador (e aparentemente milagroso rs) que repara a fibra capilar de danos oxidativos, repõe massa capilar, hidrata e garante brilho. Esses três componentes garantem que a cor continue tão bonita quanto na semana que você pintou e seus cabelos se mantenham fortes e resistentes.

A linha Pós Coloração começa a ser vendida a partir desse mês. Para saber quando os produtos chegarão nas lojas mais próximas de você, é só entrar em contato com os distribuidores através desse link. :)

3 em Beleza/ Cabelo/ Destaque/ Patrocinador no dia 01.08.2017

Kit Cronograma Capilar, uma aula de autoconhecimento sobre seus fios

Já tem um tempo que ouço falar de cronograma capilar. Já li em blogs, vídeos no youtube, ouvi opiniões de conhecidas e amigas e todas, sem exceções, afirmavam que esse tipo de tratamento mudou a vida delas.

Para quem não sabe, cronograma capilar é um método para você repor nutrientes e massa para recuperar seus fios em um mês através de uma agenda de hidratação, nutrição e reconstrução.

Nunca tinha feito isso antes por pura preguiça. Eu sou prática até demais e com paciência de menos, inclusive na hora de cuidar dos meus cabelos (oi, manteigas e ampolas de 60 segundos). Por isso toda vez que me interessava sobre o assunto e ia pesquisar, acabava voltando atrás porque achava muito complicado. Além disso, o cronograma me obrigava a criar um compromisso pelo menos 3 vezes na semana e isso também me deixava com preguiça. Já tenho tanta coisa pra fazer que ficar 10 minutos esperando a máscara fazer efeito para voltar para o banho não me parecia uma opção tão sedutora assim.

Até que a Jô voltou de uma viagem com a Bio Extratus e me contou que o BB Kit, que eu adorei, ia sair de linha para dar lugar ao Kit Cronograma Capilar. Na hora fiquei triste, mas depois eu achei que seria uma ótima ideia de finalmente testar esse tipo de tratamento de forma pratica e sem precisar procurar 500 tipos de produtos diferentes. No começo de julho eu comecei meu tratamento, ou seja, já estou terminando a 4a. semana e sim, posso definitivamente entrar para o time das entusiastas do cronograma capilar.

O Kit Cronograma Capilar da Bio Extratus entra no time dos tratamentos práticos por uma característica: as ampolas de Vitaminas A+E (hidratação), Argan e Cártamo (nutrição) e queratina (reconstrução) podem ser usadas com qualquer máscara que você tiver. Ou seja, você não precisa comprar 3 produtos diferentes, é só usar sua máscara preferida, colocar 12 gotas da ampola que será usada no dia, deixar por 10 minutos, tirar o produto e pronto.

Quem estiver com os cabelos extremamente danificados, pode fazer uma combinação de 12 gotas de cada uma das 3 ampolas e seguir com a mesma proposta que o BB Kit tinha, isso é, dar um tratamento de choque nos cabelos.

A Bio Extratus também oferece duas opções de tabela, uma para danos intensos e outra para danos leves a moderados.

Parece fácil, e é, mas eu tive algumas questões no meio do caminho que achei que valia a pena dividir com vocês, para quem resolver começar agora saber que é normal.

Primeira semana

Na metade da primeira semana, ainda sem cortar.

Comecei usando as ampolas com a máscara da linha pós química e decidi seguir a tabela de danos intensos. Estava há muito tempo sem cortar e as pontas estavam pedindo arrego, como eu pretendia cortar ainda esse mês, achei que valia a pena testar a danos intensos para ver se dava um jeito na situação.

Primeiro dia, hidratação. Meu cabelo ficou macio, sedoso, amor à primeira ampola. Segunda vez da semana, nutrição. Uau, que brilho, que maciez, por que eu não fiz esse tratamento antes? Terceira vez, queratina. SO-COR-RO.

Eu não sabia que a queratina era a parte do tratamento que não traz os melhores resultados visíveis logo após o tratamento mas é essencial para deixar o cabelo bem tratado. Quando isso acontece é sinal que o cabelo está sendo realmente reconstruído, só que como eu não sabia dessa informação, levei um susto quando vi meu cabelo endurecido, estranho e totalmente diferente do que ele estava nos processos de hidratação e nutrição.

Segunda semana

Logo após a queratina, que é um passo super importante na recuperação dos fios, o cabelo ficou meio estranho e indefinido. Essa foto foi logo após eu ter feito a etapa de hidratação na segunda semana, que deixou ele um pouco melhor do que estava. Depois disso ele só foi melhorando.

Resolvi mudar o cronograma e passei a seguir a tabela de danos leves (que na verdade é igual ao de danos intensos nesse estágio).

Mesmo tendo bad hair days por dias seguidos – o que foi um exercicio para a minha paciência – eu resolvi encarar isso como um belo aprendizado. Inclusive, tenho que agradecer a todas as meninas que me deixaram mais tranquila quando falei sobre isso no stories. Elas me convenceram que só assim eu aprenderia as reais necessidades do meu cabelo e eu tive que concordar. Encarei como exercício de autoconhecimento capilar. :)

Também espacei mais os dias de tratamento. Se antes eu estava dando uma janela de 48 horas entre eles, resolvi espaçar mais. No final da segunda semana eu já estava virando melhor amiga do meu cabelo porque tinha certeza que sabia o que ele queria. haha

Terceira semana

Como sempre tem o arco íris depois da tempestade, a terceira semana foi um relax só. Como só tinha hidratação e nutrição, eu fui ser feliz sem preocupações. A única mudança que aconteceu foi na troca da máscara. A de pós química acabou e eu passei a usar da linha Cachos Perfeitos, e talvez por ser mais leve, notei que o brilho deu uma aumentada considerável, fiquei bem satisfeita.

Quarta semana

Assim que entrei na quarta semana eu cortei meu cabelo e pude comprovar que ele realmente não estava tão danificado quanto eu pensava que estava. Agora que as pontas secas de 6 meses sem corte foram embora, dá para sentir nitidamente como meu cabelo está gostoso e macio.

Enquanto escrevo esse post ainda não fiz a última etapa mensal do tratamento, a já tão temida por mim queratina. Na verdade, acho que vou ser ousada e não seguir a tabela. Ou melhor, vou mudar a tabela, pois como já reconstruí esse mês não acredito que precise de outra reconstrução por enquanto.

O que eu achei afinal?

Muito, muito incrível. Mais do que os benefícios que eu pude comprovar nos meus fios, o que eu mais gostei dessa experiência foi poder realmente conhecer meus cabelos. Entender por quê determinado produto deu certo enquanto outro não. Mesmo com a semana pavorosa pós queratina, o conjunto das 4 semanas foi essencial para eu entender como prosseguir daqui para a frente, e usar os produtos certos para o que eu estou buscando no momento.

Saí desse mês continuando o tratamento e tendo certeza que todo mundo que gosta de cuidar bem dos cabelos precisa fazer esse exercício de entender o que seus fios estão pedindo. Vale muito a pena mesmo! :)

Quem quiser conhecer o Kit Cronograma Capilar, é só entrar nesse link e descobrir onde tem mais perto de você! :)

0 em Beleza/ Cabelo/ Destaque/ Patrocinador no dia 18.05.2017

Pré shampoo ou peeling para deixar a raiz soltinha!

Mês que vem fará 3 anos que nós estamos trabalhando com a Bio Extratus. Com 7 anos e meio de blog, dá pra afirmar que nós temos a marca como um dos nossos mais fieis patrocinadores, apoiadores e parceiros. Curioso é que nossa relação se deu porque um dia, nós duas juntas, escolhemos uma máscara de camomila para o cabelo da Carla em Búzios. O motivo da escolha? Uma marca de ativos naturais com uma embalagem bem linda (agradecemos eternamente à linha embalagem de Botica).

De lá para cá a cada ano fomos usando mais e mais os produtos da marca. Até que depois dos lançamentos de 2015 e 2016 naturalmente passamos a usar só Bio Extratus. Pronto, atingimos o melhor ponto possível na relação blog x marca: que é quando a marca patrocinadora é a marca que a blogueira consome. Quando o produto mencionado é de fato o produto que está no banheiro dela, é o que ela usa direto.

Parece fácil e clichê, mas não é tão comum assim. Eu diria que em 2016 foi natural como beber água só usar Bio Extratus e foi assim que caminhamos pra essa relação onde a Bio se tornou uma das marcas apoiadoras da nossa mudança e é A marca de cabelo que caminha conosco, sempre nos dando 100% de liberdade para só resenharmos produtos que escolhemos e gostamos, sem mudar nada, uma virgula.

Nesse regime super franco da nossa relação eu comentei com as mulheres incríveis que trabalham conosco na marca que o único produto que eu sentia falta na marca era um pré shampoo. E é assim que chegamos na resenha, dica e post de hoje! <3 <3 <3

Por mais que eu use só essa marca no meu cabelo desde meados de 2016 eu sentia falta dessa categoria. Para ser bem honesta, antes de 2015 nunca me liguei muito em shampoo de limpeza profunda, a Carla sim, eu não. Em julho daquele ano eu fui apresentada a um que fez muita diferença pra mim e fui usando enquanto o produto durou, para tirar um pouco da oleosidade que minha química traz pra raiz.

A verdade é que o produto acabou e eu não comprei de novo. Não via muito sentido ou necessidade, já que meu cabelo responde tão bem à linha pós química de abacate + jojoba. No entanto, toda vez que vou usar outra linha tenho medo da raiz pesar e por isso eu perguntei pra elas sobre o pré shampoo.

A resposta – apesar de um pouco vergonhosa pra mim – foi maravilhosa! A marca tem um pré shampoo, que eles chamam de peeling, da linha DETOX de Spécialiste.

Joana, mas por que vergonhosa? Tudo bem, eu explico! :)

Quando eles falaram de DETOX eu lembrei: gente, mas eu testei essa linha!  Viajei no tempo e lembrei que essa foi a que usamos em primeira mão na viagem de Paris, na semana de moda de setembro de 2015. A marca foi uma das patrocinadoras da viagem. A Carla ficou apaixonada pelo pré shampoo, mas como eu ainda estava apreensiva com essa coisa da química (ainda que sutil) x pré shampoo, limpeza profunda ou peeling, acabei não ligando tanto e não me dei conta que era exatamente essa categoria que eu queria e precisava.

No meu caso, minha química deixa uns resíduos que eventualmente deixam a minha raiz mais pesada, esse pré shampoo é perfeito para isso.

Assim sendo, desde o dia 8 eu estou usando a linha DETOX de novo e caprichando no uso do pré shampoo, que naturalmente se tornou o objetivo desse post. Estou gostando da linha como um todo, tanto seco naturalmente quanto no secador (na escova ou na mão). Eu notei que o pré shampoo + secador faz minha raiz aguentar bem mais tempo, isso pra essa vida de correria e viagem é bem bacana.

Durante a minha viagem pro Pantanal, que postei aqui, o pessoal da distribuidora da Bio Extratus de Cuiabá nos recebeu na sua sede para uma experiência diferente. Nessa viagem eu resolvi re- experimentar a linha e posso dizer que está muito aprovada. No entanto, pra mim a estrela é mesmo o peeling, pelo menos pro meu cabelo. O cheiro, o brilho e a maciez ficaram incríveis, como várias linhas da marca, já o peeling fez uma diferença real na durabilidade do meu cabelo.

Informações importantes sobre o pré shampoo:

  • O produto é sem adição de sal (sulfate free)
  • Ele é para todo tipo de cabelo
  • Ele contém micro queratina & semente de damasco

Além de ser liberado pra Low Poo, ele traz uma sensação de limpeza maravilhosa, como se fosse uma esfoliação natural com uma textura diferente, como se esfoliasse e ao mesmo tempo refrescasse, parece que um vento fresco de limpeza entra no couro cabeludo.

Já to achando que esse produto vai ficar no meu banheiro pra usar com todas as linhas. Na prática minha raiz está menos oleosa, mais solta (mesmo um dia depois de lavar) e eu sinto uma refrescância sem igual quando uso.

Acredito piamente que esse é um daqueles produtos de BIO EXTRATUS que vai entrar na minha vida pra não sair mais, como a linha de abacate, o creme instantâneo da linha, o leave-in de Spécialiste Resgate e outros que eu já não vivo sem.

Alguém por aqui é viciada em pré shampoo? Usa com qual periodicidade? Já usou esse?

——— esse é um post do patrocinador, mas nós escolhemos falar do produto em questão <3 ———