Browsing Category

Brasil

1 em Brasil/ Destaque/ rio de janeiro/ Viagem no dia 06.11.2017

Hotel Grand Mercure Rio & nosso amor por ele!

Quem acompanhou a primeira e a segunda pool party do #paposobreautoestima sabe que o Grand Mercure é nossa segunda casa no Rio de Janeiro. Uma espécie de recanto moderno, chique e bonito onde é possível estar na Cidade Maravilhosa, mas curtindo de uma forma diferente, apreciando a vista linda, seja de uma das piscinas mais bacanas de toda a cidade ou dos quartos aconchegantes que o hotel oferece.

Se você precisa ficar na Barra, ele é uma das melhores opções que você terá. O hotel é ao lado do Parque Olímpico (onde foi o Rock in Rio, o Festeja e outros grandes eventos) e igualmente perto da Jeunesse Arena (onde acontecem alguns dos melhores shows que a gente respeita). Outro ponto de referência é o RioCentro, que recebe a Bienal e uma série de outros eventos. Ou seja, precisou ficar desse lado da cidade, o Grand Mercure Rio Centro é uma opção de luxo, qualidade e com direito à estrutura pra você curtir o Rio.

Nossa motivação preferida para ficar no hotel é escapar da rotina. Se você quer fugir de casa por um dia ou um fim de semana, o hotel oferece a piscina mais legal, um por do sol de tirar o fôlego e um room service pra lá de aprovado.

Nós duas já levamos muitas e muitas leitoras para dormir lá na primeira festa e quase todo mundo (mesmo) voltou na segunda vez! Tá na cara que essa experiência com o GRAND MERCURE RIOCENTRO não é aprovada apenas pelo futi, mas também por quem vive conosco o #paposobreautoestima.

Talvez o lugar preferido dessa turma seja a maravilhosa piscina no rooftop do hotel. A gente entende porque também somos apaixonadas por ela. O melhor é que para aproveitá-la não precisa necessariamente estar hospedado no hotel e o day use que dá direito à piscina, sauna e academia sai em torno de R$99 o casal.

No entanto toda essa experiência com eles envolve mais. O prédio é lindo, com uma entrada de pé direito enorme e os quartos falam por si só. Sejam no quesito vista ou no quesito conforto. O banheiro é espaçoso, com chuveiro forte e produtos L’Occitane.

A gente falou que tinha vista, não é mesmo?

Apesar das lindas fotos da Gabriela Isaias, não podemos negar que quem acompanhou os stories sabe o quanto os quartos são grandes, bonitos e modernos (coisa não tão comum no Rio de Janeiro). Alguns dos quartos contam com uma varanda com mesa e cadeiras, perfeito para quem quiser relaxar no final do dia tomando alguma coisa.

No 1o. andar fica o restaurante, com um café da manhã variado e delicioso. O omelete e o pão de queijo, que chega na mesa fresquinho, são nossos pontos altos.

No 14o. andar fica a  piscina e o salão. Eles são uma super alternativa para casamentos, festas e eventos. Quem nos conhece sabe que fizemos o máximo possível pra repetir a dose da segunda festa por lá justamente por acharmos que o espaço é bem ímpar no Rio de Janeiro. E realmente foi a melhor opção, pois acabamos nem nos importando com a chuva que caiu no dia da pool party. Não usamos muito a piscina, mas pudemos fazer a festa dentro do salão – que conta com a mesmíssima vista. Isso porque não falamos do serviço, que foi super elogiado pela atenção e simpatia que os garçons tiveram com as convidadas.

Já gravamos, fotografamos e vivemos muitas coisas nesse hotel justamente porque acreditamos que ele tem um custo benefício muito legal. Eles fizeram parte dos maiores sonhos do #paposobreautoestima duas vezes esse ano e por isso nós duas não poderíamos estar mais agradecidas.

Ah! vale falar que o hotel tem uma estacão de BRT em frente, estacionamento incluso e um serviço atencioso e impecável.

Obrigada Grand Mercure RioCentro, a gente ama estar pertinho com vocês nessa parceria.

Vou fugir por muito mais vezes, para aproveitar o verão e essa piscina em grande estilo.

Beijos

 

Para saber tudo sobre as nossas duas festas na piscina do hotel clique aqui:

Primeira edição

Segunda edição

0 em Brasil/ Destaque/ Parceria/ Viagem no dia 23.10.2017

Salvador: passeios turísticos & o hotel MERCURE RIO VERMELHO

Esse fim de semana que passou eu embarquei pela primeira vez na vida para Salvador. Eu já havia ido à Bahia duas vezes, uma para Itacaré muitos anos atrás e outra para Chapada Diamantina. Jurava que conheceria a capital por motivos de Carnaval, mas dessa vez, minha motivação inicial para o embarque foi trabalho! Eu fui convidada pela distribuidora local de Bio Extratus para fazer o #PICNICDOPAPO na cidade, uma honra e um desafio. Seria atender a uma das cidades mais pedidas, mas ao mesmo tempo seria fazer em um local que eu ainda não conheço.

Sobre o evento eu vou falar em outro post, só adianto que fiquei surpresa por ter sido lá o MAIOR PIQUENIQUE DO FUTI DE TODO BRASIL. E como todos os outros, é claro que vai merecer uma matéria sobre ele e sobre um pouco do que eu vi e senti com as baianas mais arretadas que eu já conheci. <3

No instante em que eu soube que precisaria voar para Salvador já tinha em mente que queria ficar num hotel bom, com boa piscina, bem localizado e bem prático e funcional. Durante minha pesquisa virtual dei de cara com dois que funcionariam para mim, sendo que um deles era um MERCURE. Se era para falar de #paposobreautoestima, eu achei que nada seria mais justo do que falar com eles, que tantas vezes apoiaram e continuam apoiando o futi. Dessa vez não foi diferente.

Escolhi o MERCURE RIO VERMELHO como minha “casa” na Bahia e me hospedei lá de sexta a segunda. O bairro é boêmio e está todo renovado, contendo alguns dos bares e lugares mais descolados da vida noturna na cidade. Não posso mentir que boa parte do que me fez escolher o hotel foi a piscina, que tem uma borda infinita linda e de frente para o mar, ali tinha tudo que eu estava procurando… Inclusive uma MOQUECA GOSTOSA no cardápio. A outra parte é que esse foi o hotel que a Carla ficou quando passou o Carnaval em Salvador e ela tinha me falado super bem dele, principalmente quanto à localização, que é perfeita para quem vai curtir a folia.

Meu quarto foi muito espaçoso e com vista pro mar (o melhor era o som das ondas batendo nas pedras, mais relaxante impossível). 

Eu cheguei e não quis nem ir almoçar, parti diretamente para a piscina e fiquei curtindo o meu fim de sexta-feira lá.

Na primeira noite saí para jantar com minhas amigas no Lafayete, um restaurante de frutos do mar muito gostoso, com uma vista linda (que você nota mais no almoço)

No sábado eu fiquei 100% por conta do meu evento, aproveitando apenas o maravilhoso café da manhã do hotel, que é muito sortido, cheio de opções regionais e diversas opções de tapiocas e omeletes feitos na hora.

Como acontece em todo piquenique, voltei morta para o hotel e com isso não tive condições de sair, por isso a salvação da minha noite foi o restaurante do hotel. Pedimos uma moqueca de camarão para duas pessoas e estava muito gostosa, o preço foi bem honesto. Não foi nem barato, nem caro, mas valeu cada centavo

No domingo eu tirei o dia livre para fazer um pouco de turismo em Salvador. Foi pouco, foi o básico, mas deixou bem claro o quanto Salvador é super cheia de cultura e história, levando em conta que ela foi a primeira capital do Brasil, vocês podem imaginar que muito da história do nosso país se passou ali.

Comecei pela Igreja do Bonfim, pois eu precisava agradecer, amarrar minha fitinha e viver um momento de fé. Em seguida fui para o Elevador Lacerda e subi para a versão baiana do “bairro alto” de Lisboa, a caminho do Pelourinho eu já notei que as construções me levariam numa viagem do tempo e assim foi. Fiquei arrepiada pensando que gostaria de ter conhecido esse lugar durante as aulas da escola. Contratamos um guia bem legal (ele se chama Jorge) e foi a MELHOR ideia de todas, pois todo o passeio foi além de fotos e contemplação básica, tudo tinha uma explicação, um contexto e uma história. O que mais fiz foi andar e prestar atenção, afinal era muita coisa legal pra pensar. Foi uma volta no tempo in loco.

A igreja São Francisco de Assis foi o que mais me impressionou, a arte do prédio é linda, mas a igreja em si é uma coisa de LOUCO, foi a igreja mais linda que já vi no Brasil até hoje, competindo com muitas das maravilhosas que eu vi na Europa. Foi linda a visita, cheia de paradoxos com as madeiras com acabamento de pó de ouro.

A Salvador antiga da Cana de Açúcar foi muito mais culturalmente interessante do que achei que seria. 

De lá fui almoçar com minhas amigas no Velerio no Yatch Club, o que mais amei foi a vista e o fim de tarde. Foi uma experiência mais carinha, mas muito gostosa.

Depois fui acompanhando o pôr do sol e me impressionando como a Bahia tem uma vibração única e um mar lindo. Passeamos de carro e fomos até o Farol da Barra, que é tão icônico quanto imaginei. Queria ter ido mais cedo com calma, mas deu para ver o quanto é bonito mesmo super cheio no fim da tarde.

Tinha inúmeras dicas de turismo e restaurantes lindos para ir com vistas, mas infelizmente o tempo foi curto. De toda forma eu adorei que consegui fazer muita coisa, ainda que correndo para saber um pouco mais da capital desse estado que tem tantas praias e cidades que eu ainda quero desbravar..

Segunda ainda consegui tomar um café maravilhoso antes de seguir para São Paulo, masyggv só posso agradecer ao Mercure Rio Vermelho e a distribuidora da Bio Extratus na Bahia por terem me ajudado a realizar esse piquenique que foi emocionante, que juntou das leitoras mais novas com várias mais antigas, onde eu vivi alguns dos momentos mais especiais dos últimos tempos.

Meu coração está preenchido de amor com essa visita à Salvador, foi breve, mas marcante.

Vocês já foram? Tem mais dicas imperdíveis? Comentem aí para quando eu voltar!

Beijos

3 em Brasil/ convite/ Destaque/ Viagem no dia 07.08.2017

Yoo2 rio: o hotel mais carioca que eu já vi!

Quase sempre que falo de experiências em hotéis no Rio foco em presentes de aniversário de namoro, casamento ou oportunidades de se dar experiências que valem mais do que qualquer presente. Talvez por isso eu costumo sempre focar em opções mais luxuosas e não necessariamente tão práticas, mas hoje vim fazer algo bem diferente disso. Vim falar de um lugar que pode sim protagonizar uma experiência de presente pra casais, amigas ou pessoas que querem comemorar algo, mas mais do que isso, é uma oportunidade que julgo ter bom custo benefício para qualquer viajante, turista ou entusiasta do Rio de Janeiro. 

curtindo a vista, a piscina e a folga no Yoo2 Rio

O Yoo2 Rio tem uma localização central muito privilegiada, ele fica na Zona Sul, na Praia de Botafogo e tem a vista mais surreal que você pode imaginar. Ele é um camarote vip de frente para o Pão de Açúcar e a enseada de Botafogo, com vista lateral para o Cristo Redentor. O terraço do hotel abrange toda essa vista, com direito a uma piscina maravilhosa e cantinhos muito fofos pra tomar sol ou um drink. Eu já tinha ido almoçar la numa reunião e tinha adorado, gostei mais ainda de conhecer o hotel e a vista. Desde então fiquei com a experiência na cabeça de que era exatamente isso que eu queria fazer: ter uma folga com aquela piscina + a vista dupla (com ambos os pontos turísticos mais desejados do Rio de Janeiro). Dito e feito, foi exatamente isso que eu fiz nesse fim de semana.

Como eu queria ver os dois pontos turísticos no quarto escolhi a categoria “Bossa N’Sugar“, realmente não dava pra ter mais poesia ou Bossa Nova do que naquele quarto, tão descolado e bem decorado. Moderno, um lado carioca fashionista, muito ligado em decoração sabe? Outra vantagem? A banheira. Alias, eu amei o banheiro, queria fazer um igual na “minha casa do futuro”. Tudo com produtos da Granado, biscoito Globo, água de côco e até açaí no room service.

Eu diria que quem quer pegar um sol na piscina degustando um vinho branco e relaxando vai aprovar a experiência. A sensação é que não dava para ter uma vista mais icônica da cidade fora do eixo clichê da praia de Ipanema.

Eu considero a localização do hotel bem central. Não importa se você vai para um sambinha na Pedra do Sal ou jantar no Sushi Leblon. Não faz diferença se você vai na Marina da Glória almoçar no 348 ou no Formidable do Leblon, nem mesmo se o TT Burguer vai ser sua pedida “pós night”. Sem falar que Botafogo hoje é chamada de BotaSoho, afinal é tanto bar e restaurante legal, que ninguém consegue ignorar.

Eu sem dúvida alguma recomendo orçar o hotel, acho que o custo benefício é um dos mais bacanas que tem pela zona sul, principalmente se você levar em conta a vista. Os preços todos foram bem legais, só achei os drinks da piscina (seja no pré baladinha que tem a noite ou na piscina) um pouco mais caros. Nada que não seja uma espécie de padrão no Rio, mas achei que valeu muito a pena. Uma opção fantástica de aproveitar tudo que a cidade tem e estar fazendo turismo enquanto curte uma piscina ou uma música no roooftop. 

biquini estampa Mexicana Marcyn (parte de cima + parte de baixo mix and match)

Coisas que eu fiz na minha folga e recomendo: 

  • ter tempo pra ficar na cama apreciando a vista, jogar conversa fora e filosofar, as janelas são inspiradoras.
  • ter fome no café da manhã (curti o pão de queijo, coisa que no Rio não curto sempre)!
  • tomar um vinho branco na piscina e ter tempo para aproveitá-la.
  • subir pra o terraço de manhã, de tarde e de noite, contemplação é uma necessidade no Yoo2.
  • o buffet de almoço é MUITO bom, com um custo benefício bacana mesmo

Preciso contar pro pessoal do hotel que a piscina me ganhou tanto, mas tanto, que logo logo eu volto lá. Vai ter surra de descanso e de foto nesse rooftop ainda.

na entrada do hotel:
Jaqueta Naf Naf | camisa Zara | short Ateen | bolsa Coach |sapatilha Chanel

Na piscina: biquini Marcyn + jeans Renner

Biquini mix and match da Marcyn: parte de cima + parte de baixo hot pant

Cariocas e viajantes, estudem a possibilidade de experimentar o Yoo2 Rio!

Quem segue o Futi pode ter a certeza de que o hotel ainda vai dar muita pinta pelas nossas redes sociais.

Pra mim a experiência valeu MUITO a pena, mas muito mesmo, é uma excelente maneira de mostrar parte do que tem mais bonito da cidade sem nem pisar fora do hotel e tudo numa localização privilegiada, perto de tudo. :)

Beijos