Browsing Category

Gastronomia

5 em Gastronomia/ rio de janeiro/ Viagem no dia 03.11.2016

Rio de Janeiro: Pici Trattoria

Há alguns dias eu sai para jantar com uma amiga de Minas Gerais e ela me falou que queria ir na Pici Trattoria, um Italiano em Ipanema que tinha uma pegada que ela gosta (de produtos frescos, naturais e de qualidade). Eu disse que nunca tinha ouvido falar, mas como ela sempre tem boas dicas topei a ideia na hora. Na verdade eu só queria matar a saudade, mas gostei tanto do programa e do restaurante que resolvi que ele valia esse post.

Nossa trattoria é repleta de surpresas e detalhes! Estamos abertos #italiansdoitbetter #Pici

A photo posted by Pici Trattoria (@picitrattoria) on

O restaurante não me convidou, eu não degustei tudo que podia e muito menos pedi todas as entradas do que gostaria, mesmo assim, achei que já valia falar dele. O Rio é carente de restaurantes que te cativam pelo prato, esse me pegou pelo estômago, ainda bem!

Nós fomos jantar lá num sábado a noite. Marcamos de chegar as nove e meia, o que nos fez esperar mais de uma hora pra sentar, mesmo assim, como a saudade da amiga era muita, achei que estava tudo bem. Não fazia diferença, nesse dia não era importante sentar correndo.

A primeira entrada não teve tempo de ser fotografada, era um tipo de queijo com presunto de parma que roubou meu coração e ligou meu sinal de alerta. Em seguida a brusqueta pousou na mesa e eu resolvi fotografar, ali me ocorreu que a experiência poderia render algum post. Tudo superou toda e qualquer expectativa, por isso estou rezando para arrumar uma desculpa para voltar lá.

pici-trattoria-entrada

Minha tão amada Praça Nossa Senhora da Paz ganhou um novo empreendimento que terá muita da minha atenção, o restaurante fica na Barão da Torre, acho eu que no lugar do antigo Informal.

Depois que eu saquei que o restaurante não estava cheio a toa me dediquei muito a escolher bem meu prato principal, depois de trocar figurinha com nosso garçom, eu decidi.

Nossa mesa tinham 6 pessoas, podíamos ter provado 6 pratos diferentes, mas todo mundo escolheu entre 3 opções, a maioria foi de Carbonara, teve a massa da casa Pici e eu e a Bela escolhemos o nhoque. Todos os pratos arrancaram suspiros, ninguém pediu mal. Os elogios e sorrisos eram proporcionais a alegria da mesa.

O nhoque foi tão diferente do habitual, ao mesmo tempo perfeitamente gostoso. A massa dele é feita no restaurante, o molho é pesto de manjericão e vem com uma burrata no meio. Divino, de comer rezando.

pici-trattoria-2

Eu tenho feito o exercício de comer com calma para aproveitar cada garfada, mas não fui totalmente eficiente dessa vez. Me apaixonei pelo prato e nem percebi a velocidade em que comi.

pici-trattoria

Para finalizar eu e a Bela dividimos uma Palha Italiana “destroyed” que também valeu cada caloria. Ela era zero óbvia, mas maravilhosa, desde a textura aos sabores misturados.

Pici, obrigada por ter vindo se juntar a minha restrita lista de restaurantes italianos muito bons do Rio. <3 Espero voltar logo.

Para quem quiser seguir o instagram deles e acompanhar as novidades, é @PiciTrattoria

Vocês já conhecem? Se sim me contem caso recomendem algum prato!

Beijos

banner-snap

1 em Brasil/ convite/ Gastronomia/ rio de janeiro/ Viagem no dia 27.10.2016

Rio de Janeiro: Shiso, melhor restaurante japonês do momento!

Vocês lembram do post contando minha experiência no Grand Hyatt Rio? Então, quem acompanhou sabe que eu me apaixonei pelo hotel, pelo Tano (restaurante Italiano) e pelo Cantô (brasileiro que rendeu esse post exclusivo aqui). Depois de um hiato de tempo eu voltei no Grand Hyatt para conhecer o Shiso, melhor japonês do Rio, na minha humilde opinião.

shiso-4

Eu fiz aniversário no fim de setembro e antes de viajar resolvi comemorar essa data, meus 30 anos, no Shiso. Eu e o boy fomos experimentar o menu degustação do Shiso. Logo de cara a decoração e a forma como restaurante é disposto já te mostra que o padrão do restaurante é internacional, me lembrou o Zuma de Londres, um dos meus japoneses preferidos do mundo.

Achei a experiência mais para Hakkasan e Zuma do que para Sushi Leblon e Naga. Obviamente que eu amo todas as facetas da culinária japonesa, então é fácil me agradar quando a cozinha vem cheia de detalhes especiais e matéria prima de qualidade.

Não me arrependi por nenhum segundo de ter resolvido comemorar essa data tão especial pra mim, mesmo que adiantado, no Shiso.

shiso-2

entrada de polvo <3

shiso-1

melhor sashimi que já comi no Rio | salmão, atum, vieira e lagostini

s

makimono e sushi (com direito a peças trufadas)

shiso

Tipo de carne que vem de boi que recebe massagem, ouve música clássica entre outros luxos.

sobremesa-1

sobremesa de chocolate branco, chá verde e frutas vermelhas <3

Foi uma super experiência gastronômica, daquelas que só indo para experimentar e curtir. Acho que foi perfeito pra minha ocasião especial. Como eu amo sashimi e sushi, eu diria que ambos e os makimonos foram meus preferidos, mas a carne estava sensacional, o molho doce deu um toque único. Até o missoshiro estava muito especial, não achava que era possível, afinal é um prato quase sempre igual.

Fiquei com medo do menu ser pouca comida e foi o contrário, me impressionou que eu fiquei muito satisfeita, até mais do que gostaria. rs

Sem dúvida eu vou voltar lá, assim como fiz no Tano. Onde depois do post do dia dos namorados convenci a família inteira a ir lá no almoço de aniversário da minha mãe. <3 Os restaurantes do Grand Hyatt são de altíssimo padrão, são ótimas aquisições para o nosso Rio de Janeiro.

Adorei a experiência, foi sem dúvida alguma o melhor japonês que eu comi no Rio ultimamente, com uma pegada mais sofisticada e chique do menu a decoração. Os apaixonados por alta gastronomia precisam colocar o restaurante na lista.

Para reservar é só mandar email para riogh-restaurantes@hyatt.com ou ligar para (21) 3797-9523. 

Beijos

banner-snap

3 em #futiindica/ Brasil/ Gastronomia/ Viagem no dia 28.06.2016

Trip tips & futi indica: para acompanhar uma Belo Horizonte gastronômica

Eu fiz uma conta rápida e, se não estiver enganada, acredito que já fui pelo menos 4 vezes para Belo Horizonte. Quase todas as vezes fiquei uns bons dias e não consigo acreditar que até hoje não fiz UM post sobre essa cidade que eu tanto adoro. Já falei pra tanta gente que moraria facilmente na capital de Minas Gerais, já jurei amor eterno pelo Bairro do Lourdes, já fui a tantos restaurantes legais e nesse tempo todo não rolou um post? Isso está errado em todos os sentidos. #blogueirafail

Até hoje minhas melhores refeições foram nos seguintes restaurantes: Vecchio Sogno, D’Artagnan, Trindade, Alma Chef e Udon. Preciso conhecer alguns outros lugares e quem sabe compartilho por aqui os restaurantes mais lights que a Isabela me levou ao longo de todas as minhas visitas, tem várias opções legais por lá.

A verdade é que a comida mineira é a melhor e por isso a gastronomia acaba chamando tanta atenção quando o assunto é a tão agradável Belo Horizonte. Dessa vez eu fiquei por conta de trabalho, poucos foram meus momentos de tempo livre. No sábado fui na feira portuguesa que rola ao ar livre e comi na casa de amigos. Tive menos oportunidades de ir à restaurantes, mas pensei numa forma de me retratar aqui no futi. Diferente do meu padrão, mas acho que fica legal para quem quer dicas. 

Hoje vou misturar o trip tips no futi indica! :)

No jantar de sábado, o André do Cozinhe pra ela (blog do qual falei aqui), organizou um jantar de pratos típicos juninos. Dessa vez ele não cozinhou sozinho e planejou toda a programação com mais 3 veículos que escrevem sobre restaurantes. Para nossa alegria, todos eles são blogs, não ficam só no insta! #teamblog

Averiguei com uma amiga muito bem relacionada no meio e ela me contou que eles são a nata das resenhas gastronômicas de BH (beijo Ka). Assim sendo, achei que eu deveria dividir com vocês o trabalho dessa turma que eu já estou seguindo no instagram: BH dicas, Degustatividade, Eu já comi e o Cozinhe pra ela (que já foi post aqui, então não há muita novidade nesse).

insta-do-futi

Vamos ficar com água na boca junto comigo?

BH Dicas

O BH dicas é um blog, com instagram homônimo ( @bhdicas) que fala de tudo que acontece no universo de Belo Horizonte. A Virgínia é uma fofa, eu conheci ela no evento da Fiat em SP e desde então estou seguindo. Eu jamais vou esquecer que ela me deu para provar o pão de queijo da Pão de Queijaria – todo amante dessa iguaria deveria provar essa delícia.

Novidade que vai alegrar quem ama galinhada! Toda terceira terça-feira do mês a Borracharia Gastrobar oferece a noite da galinhada. De entradinha são 5 petiscos: mandiopan + polenta frita + queijo pachá + linguiça + mandioca frita e a delicia da Galinhada. Que pode ser a tradicional, com pequi, quiabo ou taioba – a vontade. Gente, não sei quem aí gosta de pequi, mas pra mim foi a melhoooor! Muito mara! Obrigada pelo convite @jaimeborrachariagastrobar bhdicas – tim tim por tim tim bhdicas.com – amanhã post no blog. Onde é: fica atrás do posto Ipiranga – av. afonso pena 4321 . Quando ir: terceira terça-feira do mês – de 19:30 as 22:30 hrs. Quanto custa: R$45,00 por pessoa – inclui petiscos e galinhada a vontade. Pra ligar: (031) 2127-4321. rolha free todo dia.

A photo posted by Belo Horizonte (@bhdicas) on

No blog dela tem um espaço pra gastronomia, lá ela divide dicas de restaurantes, bares, food trucks e muito mais.

Eu já comi

O Eu já comi é mais um dos veículos que mistura receita, dicas de cozinha e resenhas de restaurante. O Caleb Bezerra ganhou uma das edições do reality Jogo de Panelas do Mais Você (quem curte essas coisas pode ver aqui).

#fondue de carnes com 6 molhos especiais da casa – meu favorito foi o aioli! A photo posted by Calebe Bezerra (@eujacomi) on

No nosso jantar ele que comandou a sobremesa e descreveu no meu snap como foi fazer o arroz doce brulée. No blog ele tem um espaço chamado “comi fora” e por lá ficam as resenhas de restaurante.

Camarão @classeagourmet A photo posted by Calebe Bezerra (@eujacomi) on

O Eu Já Comi também está no instagram e quem gosta de receitas também vai curtir acompanhar: @eujacomi.

Degustatividade

O Degustatividade é focado em resenhas gastronômicas. Quem comanda o conteúdo é a super querida Léa Araújo.

 O instagram @degustatividade já é um pecado para a dieta de qualquer mortal. Eu definitivamente não poderia ter um trabalho desse, mas agradeço que alguém como a Léa tenha. Sério, quando pisco estou marcando a Isabela no instagram para mostrar o prato que quero comer na próxima visita à cidade.

Cozinhe pra ela

O André é um cozinheiro carismático, mas o blog vai além das receitas. Fala de gastronomia em BH, nos seus destinos de viagem e sempre acaba abordando também vinho e/ou cerveja.  Tudo que envolve o prazer de comer ou cozinhar tem espaço ali. Os roteiros de viagem e resenha de estabelecimento ficam na categoria “além da cozinha”, mas dá para ter um gostinho no instagram também, que é @cozinhepraela.

Essa galera fez meu jantar de sábado ser o mais divertido possível, os conteúdos de todos são muito bons e por isso quis compartilhar. Assim, quem está indo pra cidade pode ficar de olho no que quer provar, comer ou beber por lá.

Mais alguém aqui é entusiasta de BH? Toda vez que to andando por Lourdes eu digo e repito: poderia me mudar pra lá amanhã. Isabela me acostumou mal na casa dela.

Beijos

banner-snap