Você está navegando na categoria: "Jabá que nós amamos:"

17
mai
2016

Saúde, treinos, novas expectativas e o tênis Mizuno Synchro MX

Jabá que nós amamos:, Lifestyle, Saúde, treinos

Malhar, ir à academia, correr, fazer crossfit, pedalar ou nadar têm se tornado cada vez mais um hábito comum entre os brasileiros. Seja nas grandes cidades ou no interior, nos balneários ou na serra. Fazer exercícios é hoje a melhor profilaxia que existe. É a forma mais garantida, se feita de forma correta, de se manter com saúde, longe de doenças.

Por isso é normal ver as pessoas buscando um esporte que gostem, uma aula animada ou um grupo de treinos para pertencer. Uns amam, outros fazem por obrigação, eu diria que estou mais na segunda opção querendo muito pertencer à primeira.

Joana-CannabravaNos últimos meses eu parei tudo que fazia, até que fiquei 100% sedentária e meus exames ficaram péssimos. Resolvi dar um basta, recomeçar sem metas, sem projetos, sem platéia ou uma busca de um corpo perfeito (em relação ao que, né?). Sem criar expectativa em vocês, porque isso criava uma pressão ruim pra mim. Se eu malhar e ficar exatamente como estou, tudo bem. Só quero buscar ter saúde, disposição e ânimo. Não andei lidando bem com a demanda de ser uma “blogueira” magra, com barriga de gominhos e fazendo fotos de biquini como parece que parte do mundo quer ver. Meu foco é apenas um: me cuidar sendo eu mesma, aceitando meu corpo. Se tiver algum resultado visível, ótimo! Se não tiver, já estarei muito feliz se estiver saudável.

Para isso resolvi voltar a me mexer e decidi que vou testar várias coisas. Crossfit com a amiga, pedalar com o boy, luta com qualquer um que me convidar ou corrida sozinha. Declaro oficialmente aberta a fase de descobertas.

A photo posted by futilidades (@futilidades) on

Foto: Paulo Herédia na pedalada da Glamour Brasil com o Rio Design Leblon

Quando decidi tudo isso, chegou aqui em casa um tênis novo da Mizuno e eu acabei encarando como o sinal que faltava para eu começar a deixar o sedentarismo pra lá. Ok, ainda tenho que comprar umas roupas de ginástica, mas vou resolver isso aos poucos.

De cara provei o tênis, ele pareceu muito confortável. Usei pela primeira vez no mutirão de trabalho voluntário que fiz há um tempo e adorei. Depois já fiz esteira com inclinação, caminhei, dei pequenos trotes de corrida e pedalei (na rua e na academia). Entre um exercício e outro me peguei gostando muito do modelo e por isso resolvi escrever sobre esse jabá. Não fazia isso há um tempo, já que usei por anos o último tênis que resenhei aqui no blog.

O Synchro MX tem uma tecnologia inovadora para os corredores, sua proposta é combinar perfeitamente o amortecimento e a estabilidade. 

synchromx-mizuno

Ele é muito leve – segundo o release, 280 gramas! –  confortável e bonito. A cor que eu e a Carla estamos usando é linda. De fato me senti amortecida em todos os testes que fiz com o tênis, não entendo muito sobre a estabilidade, nunca parei para prestar atenção nisso, mas estou gostando muito da experiência. Sempre busquei usar tênis bom para proteger meu joelho e nunca achei que dava para economizar nisso. Brinco que a gente paga caro pra evitar cirurgias caras no futuro, o mesmo vale para bons profissionais de saúde que ajudam a corrigir nossa postura e afins.

“Indicado para corredores com pisada neutra, o Synchro MX foi idealizado após um intenso e longo estudo de mapeamento do pé, que nos permitiu posicionar com precisão materiais de diferentes densidades na entressola que garantem maciez e segurança para o corredor. Esse é o primeiro lançamento da ‘família Synchro’ da Mizuno, que se inicia a partir do MX (máximo Amortecimento) ”, afirma Rodrigo Barreiros, gerente de calçados da Mizuno.

Pouco entendo de densidade de materiais, mas eu estou adorando o tênis. A Ca, que malha muito mais sério do que eu e também ganhou um, disse que ela prefere não usar muito para correr porque sua pisada não é neutra, mas que ele é ótimo para todos os outros exercícios que ela faz na academia. Estamos aproveitando bem a novidade e ele está servindo bem para meus experimentos e para a malhação dela.

Quanto ao Mizuno, nós adoramos ver marcas comprando essa ideia de apresentar novidades como essas a meninas normais, gente como eu, como a Cá e como você.

Adorei o presente, to sempre mostrando o quanto estou usando no snap e se você está naquela fase de trocar de tênis, pode ser uma alternativa experimentar o Mizuno Synchro MX! Não só de musas fit são feitas as consumidoras de material de esportes não é mesmo?

Beijos

banner-snap

 

 

11
mai
2016

Uma bolsa e muitos looks!

Acessórios, Bolsas, Jabá que nós amamos:

Hoje vou falar do meu mais novo vício, minha tão rica e amada bolsa rosa. Resolvi estreá-la quando fui para São Paulo no dia 13 do mês passado e acho que desde então dá para contar nos dedos de uma mão as vezes que sai SEM ela. E não foi por falta de vontade, foi porque o modelo não combinava muito bem com a produção.

bolsa-rosa-cavage

Depois de uma semana de uso me lembrei do que eu já sabia: cor forte em uma bolsa é super neutro para o meu armário, que não é dos mais coloridos. A verdade é que desde a minha bolsa amarela eu perdi o medo de ter esse acessório em cores mais chamativas, finjo que elas são neutras e pronto. Tudo certo.

look-da-jo-2

camiseta FCUK |short Botswana | renda Intimissimi | bolsa e tênis de oncinha Cavage

Nesse caso havia um agravante: essa é minha segunda bolsa “rica” rosa. Quem acompanha aqui já deve ter visto em dezenas de looks com a minha 3.1 Phillip Lim – que teve até post dedicado exclusivamente para ela - que é um modelo mais geométrico e tem um tom de rosa mais alaranjado. Mesmo tendo cores aproximadas achei que ambas poderiam dar vida à propostas de looks diferentes e eu não estava errada.

Dito isso, vamos aos fatos. Por que eu gostei tanto dela? Ela combina com tudo. Assim que comecei a testá-la na prática vi que várias das minhas peças coloridas têm um tom de rosa e todas as minhas produções de branco/preto/cinza + jeans ficaram mais interessantes com ela.

Look-da-jo-3

Camiseta <3 Uniqlo | calça C&A | bolsa e sandália espadrilhe Cavage

look-da-jo-1

camiseta Poire | camisa J Crew | short MissMano | bolsa Cavage | Sandália Orcade

Mas por que eu estou usando tanto essa bolsa? Não é só pela cor, antes de mais nada é pelo modelo. Ela é mole, de um couro rico, com acabamentos perfeitos, divisórias boas e o melhor de tudo: parece pequena, mas cabe coisa para caramba. Amo esses modelos compactos e eficientes que servem para variadas ocasiões.

Acho que a bege é fofa, mas a rosa, a vermelha e a azul são do tipo que deixam qualquer look mais descolado. Para mim essas bolsas “menores” de cruzar fazem todo sentido em cores fortes, elas deixam qualquer camiseta e calça jeans mais legal.

Esse modelo tem um toque casual que eu adoro, ele não é do tipo que uma advogada usaria para ir trabalhar, mas sem dúvida usaria no fim de semana (sei disso porque ouvi isso de algumas amigas advogadas hehe). Eu, como sou das artes, uso pra tudo mesmo.

gauche

Pena que essa minha rosa acabou, eu recomendaria a cor de olhos fechados! Ainda tem a vermelha, azul e bege e acredito que se eu tivesse que escolher entre essas 3 cores, ficaria com a vermelha. Pra mim bolsa vermelha é igual a bolsa preta, todo mundo devia pensar em ter uma.

Como todo mundo sabe eu sou fã da Cavage, há muitos anos. Agora eu não sabia que essa história de fazer bolsa ia ser tão sucesso. Tudo é de uma qualidade maravilhosa e com um acabamento de primeira. Adorei experimentar mais esse modelo, tanto que mesmo com a minha bolsa esgotada no site resolvi fazer post.

Adoro falar de sapatos e bolsas assim, acho que vou voltar a fazer esses posts de acessórios. Vocês também usam bolsa de cor como se fossem neutras?

Beijos

banner-snap

 

Esse post não é um publieditorial, mas conforme sinalizamos nas categorias, foi presente da marca.
Sendo assim é uma publicação totalmente orgânica.
28
abr
2016

Batons de Maybelline: novas cores de color sensational creamy mattes

Beleza, Jabá que nós amamos:, Make-up

Há vários meses fomos convidadas para uma experiência na sede da L’Oréal. Rolou um super almoço, um bate papo muito legal sobre produtos e a apresentação de uma linha de batons que só chegaria no mercado meses depois.

Essa hora finalmente chegou e agora vamos poder falar das 6 cores novas de Color Sensational de Maybelline. Elas são da linha creamy mattes, que são batons foscos mas nada ressecados. Acho que quando pensamos em matte, duas coisas vêm a cabeça: batons líquidos que borram facilmente e batons super secos. Não é essa a proposta dessas cores, elas visam trazer conforto, praticidade de passar, durabilidade e tudo isso com um bom preço.

Das 6 cores eu consegui aproveitar 3. A outra metade não ficou tão bonita em mim, mas não nego que acho todos os tons interessantes e dentro do que se está usando. Passei esses meses usando várias vezes esses 3 batons secretos, uns mais, outros menos, mas sem dúvida comprovei a teoria que essa linha matte propõe conforto.

Vamos ver as todas as cores?

color-sensational

maybelline-2batom-maybelline-2

Cor 1: U-LA-LA matte 113
Cor 2: mate de inveja 408
Cor 3: de proposito 314

batons

maybelline-4

batom-maybelline

* meus preferidos *

Cor 4: não vivo sem 407
Cor 5: fique nude 211
Cor 6: faça acontecer 315

Nos lábios vou mostrar apenas aquelas que eu realmente uso e gosto muito, que são os tons da segunda foto.

407-fique-nude

Cor 4: não vivo sem 407

211-fique-nude

Cor 5: fique nude 211

315-

Cor 6: faça acontecer 315

Queria tanto contar sobre essas 3 cores que não saem mais da minha rotina, mas não podia. É um alívio finalmente poder mostrar pra vocês!

Maybelline sempre arrasa, não é a toa que ela é a marca do BOM, BONITO E BARATO que ninguém larga, né?

Beijos

banner-snap

Página 1 de 4212345...102030...Última »