0 em Autoconhecimento/ Autoestima/ Book do dia/ Destaque no dia 29.10.2018

Livros para ajudarem sua busca pelo autoconhecimento

Hoje em dia a oferta de material de autoajuda que pode incentivar todas nós a fortalecermos nossa autoestima é gigante. Tem séries, filmes, grupos de apoio, blogs e influenciadores específicos para esse nicho. E temos também livros. Muitos podem ser super relevantes na sua busca pelo autoconhecimento. E o bom deles é que podemos ir lendo no nosso tempo. Podemos voltar as páginas, iluminar trechos importantes, fazer anotações e ir assimilando as ideias aos poucos. É um processo de entrega gostoso, que pode nos ensinar muito.

Pensando nisso, pensei em deixar algumas recomendações pra vocês. São livros que eu curti, que me fizeram refletir, fizeram perceber coisas sobre mim e que são boas leituras. Se você curte o tema, vou compartilhar alguns desses livros que me impactaram recentemente:

Como curar suas feridas emocionais: Primeiros socorros para a rejeição, a culpa, a solidão, o fracasso e a baixa autoestima

“Assim como um joelho ralado ou uma dor muscular, o fracasso, a culpa, a rejeição, a solidão e a perda fazem parte do nosso dia a dia. Mas enquanto somos rápidos em fazer um curativo num corte, não tomamos providências semelhantes quando passamos por reveses emocionais.”como-curar-suas-feridas-emocionais

compre aqui 

Guy Winch é um terapeuta que decidiu criar um guia para conseguirmos reconhecer e entender como podemos encarar nossos problemas de frente. Ele nos dá opções para construirmos nosso auto-suporte, mas nos indica quando é a hora de sair do livro e procurar ajuda profissional. Uma coisa que acho sensacional no livro é que ele mostra que até as dores mais intensas, quando vistas de outra perspectiva, podem trazer ensinamentos fundamentais para a jornada rumo à felicidade. Vale a leitura.

Mais forte do que nunca: Caia. Levante-se. Tente outra vez.

“Errar faz parte da vida. Se você correr riscos e for corajoso, mais cedo ou mais tarde poderá se dar mal. Às vezes aquele projeto em que estava apostando todas as fichas vai pelo ralo ou um casamento de muitos anos chega ao fim, deixando dor e muito sofrimento pelo caminho. Não importa: todos precisam aprender a lidar com o fracasso.”

autoajuda-mais-forte-do-que-nunca

compre aqui

Você já ouviu falar em Bené Brown, ou pelo menos no seu livro mais famoso, “A Coragem de Ser Imperfeito”. Talvez você já tenha cruzado com o TED talk dela que fala sobre vulnerabilidade. Ela virou um expoente da autoajuda, e não é para menos. Se tanto no TED quanto no livro que citei ela fala sobre ser vulnerável e usar isso como uma força, esse segue pelo mesmo caminho. “Mais forte do que nunca” fala sobre fracasso. É uma super ajuda para pensar sobre qual perspectiva enxergamos o fracasso e como podemos sair dessa experiência melhores e realizadas. 

A coragem de não agradar: Como a filosofia pode ajudar você a se libertar da opinião dos outros, superar suas limitações e se tornar a pessoa que deseja

“Assim como nos diálogos de Platão, em que o conhecimento vai sendo construído através do debate, o filósofo oferece ao rapaz as ferramentas necessárias para que ele se torne capaz de se reinventar e de dizer não às limitações impostas por si mesmo e pelos outros.”

autoajuda-a-coragem-de-nao-agradar

compre aqui

Este livro, escrito por Ichiro Kishimi e Fumitake Koga, é um debate entre um jovem e um filósofo, e é o tipo de leitura que te dá muitos insights. Faz você pensar, refletir e te fortalece na construção dessa ideia de desistir da unanimidade, discutindo temas como autoestima, raiva, autoaceitação e complexo de inferioridade. E apesar de falar sobre psicologia e filosofia, a linguagem é super acessível para todas. A narrativa é ágil e super interessante, a conversa entre o jovem e o filósofo faz com que a gente se torne espectadoras que absorvem todo o conteúdo. É o best seller ideal.

Qual foi o livro de autoajuda que realmente te ajudou?

Gostou? Você pode gostar também desses!

Sem Comentários

Deixe uma resposta