0 em Autoestima/ Beleza/ corpo no dia 20.04.2018

É possível amar o corpo? Como blogueiras de moda não foi.

Assistam meu vídeo no canal da Dai, ele fala bastante da transformação do blog, da pressão que sentíamos sendo blogueiras de moda e de como foi o meu processo pessoal com as questões de corpo e alimentação. Quem gosta do #paposobreautoestima vai gostar de ver e se impressionar com coisas que nunca disse antes.

Obrigada por essa oportunidade Dai, amei!

Em tempo, quero contar uma coisa pra vocês: Quando alguém me conta que meu conteúdo fez diferença na sua vida eu fico emocionada. As vezes ouço coisas lindas de gente que viveu coisas incríveis inspiradas pelas minhas mudanças, tem gente que procurou a terapia, buscou estudar, mudou a forma de agir e enxergar o corpo e isso é emocionante.

Hoje vou dividir com vocês o vídeo que eu gravei com a jornalista Daiana Garbin, minha amiga, que fala de transtornos alimentares de uma forma hiper responsável. O que vocês não sabem é o seguinte: minha relação com o corpo estava encaminhada e meus episódios de compulsão semi controlados por conta da terapia, mas eu NAO SONHAVA que era possível viver o que eu tinha vivido e fazer as pazes com a alimentação. Até que num jantar, essa mulher maravilhosa me contou sua história e eu comecei a acreditar. Camilla Estima começou a cuidar de mim e hoje poucas coisas são inegociáveis, meu processo ainda vigente de comer em paz é um deles. Ela tocou minha vida, espero que toque a de centenas de milhares por todo Brasil.

daiana-garbin-2

Sigam a Daiana Garbin no insta!

Se inscrevam no canal dela, acompanhem o BLOG/ SITE do EU VEJO.

Eu faço parte do time que teve a vida transformada pelo exemplo que ela deu e recomendo o conteúdo, super responsável do canal, para TODO MUNDO que tem transtorno alimentar ou convive com alguém que tem, ou seja, somando ambos, quase todo mundo do mundo!

 

Gostou? Você pode gostar também desses!

Sem Comentários

Deixe uma resposta