5 em afiliado/ Autoestima/ Moda no dia 03.08.2017

Look da Cá: o body strappy revolucionário

Tenho certeza que esse é o tipo de look que quem olha rapidinho não em ideia da vitória que está implícita nele. É uma vitória discreta mas significativa, uma voz interna que diz “bicha, tu tá destruídora mesmo” no momento que você se olha no espelho. E você começa a receber elogios inesperados e por alguns segundos, dá vontade de deixar a modéstia de lado e dizer “não to maravilhosa, mesmo??? Eu também acheeeei”. Mas é claro que eu não falei nada disso. hahaah

O responsável por toda essa revolução em um look tão simples quanto esse? Um body.

Mais especificamente um body justo de malha canelada para ser usado sem sutiã porque tem um detalhe strappy nas costas.

Body Urban Outfitters | Kimono Zara | Óculos Ray Ban | Short Madewell | Bota Cavage

>>>>> nos afiliados <<<<<<

       Eu demorei mais ou menos um mês para decidir levar o bichinho para casa. A primeira vez que bati o olho pensei: “uau, nesse calor é tudo que eu queria”. Experimentei, AMEI, e quando pensei em levá-lo, o diabinho da insegurança que habita dentro de mim me desencorajou. Só que eu não parei de pensar no body. Fiquei semanas imaginando com o que eu poderia usá-lo, como ele poderia me ajudar a ser mais livre nos meus looks, enfim, eu tinha mil argumentos a favor e nenhum contra. Um mês depois, comprei.

Sábado fez um calor comedido, amanheceu frio e nublado, a previsão disse que só ia ficar mais quente lá pela metade do dia e eu pensei que era a situação perfeita para estrear meu body. Botei um kimono que estava encostado desde 2015 – e descobri que ele só estava encostado porque ele fica melhor com peças justas, coisa que eu não tinha até muito recentemente. A escolha por uma terceira peça foi pensada e friamente calculada. Não era só porque estava mais fresquinho mas também foi a forma que eu encontrei de me adaptar a uma peça que é tão revolucionária. E me olhei no espelho.

Lá estava eu, sem sutiã (o que para mim é uma vitória), com uma roupa justa no corpo e, mesmo um pouco escondida pelo kimono, me sentindo muito, muito bem.

Apesar de eu não ter comprado nenhuma roupa depois desse body, eu acho que eu posso afirmar que ele foi um divisor de águas, ou de compras.. A tal vitória que eu mencionei no início do texto foi tão sensível e reveladora que fiquei com vontade de comprar apenas as roupas que me tragam a mesma sensação. Aguardemos os próximos capítulos.

Gostou? Você pode gostar também desses!

5 Comentários

  • RESPONDER
    Milena
    03.08.2017 às 10:24

    Essa sensação é tão maravilhosa, né?! Quem diria que uma simples peça de roupa faria essa revolução na sua auto estima?! =D Ahhhhh, quero um armário só com roupas que me façam sentir essa segurança que você imprimiu no texto!

    • RESPONDER
      Carla Paredes
      03.08.2017 às 17:26

      eu também quero! :)

  • RESPONDER
    Pri
    07.08.2017 às 14:10

    Mas bicha, tu ficou arrasadora mesmo! Vestiu muito mas muito bem!

    Deve ficar lindo com uma calça preta flare e saltão! Maybe, com um blazer só pra dar aquele ar sexy comedida!

    Beijos

    • RESPONDER
      Carla Paredes
      08.08.2017 às 12:26

      Quem dera usar saltão aqui, desaprendi! haha

  • RESPONDER
    Cristiane
    09.08.2017 às 10:49

    Cá, vc ficou maravilhosa sem sutiã (diz aqui a pessoa que não consegue sair sem e ainda precisa se libertar)!

  • Deixe uma resposta