1 em Comportamento/ Deu o Que Falar no dia 01.10.2012

Deu o que falar

1 – Photoshopada pra mais

Geralmente quando falamos de Photoshop, a primeira coisa que vem à cabeça são pessoas sem rugas, traços de expressão, celulites e com medidas reduzidas.

Com Karlie Kloss foi diferente. Uma de suas fotos para a última edição da revista Numéro precisou receber um Photoshop nada básico para dar uma engordadinha na modelo. Provavelmente a revista quis evitar a polêmica que aconteceu com a Vogue há pouco tempo atrás mas, pelo visto, não teve jeito.

Se ela é anoréxica, saudável ou magra de ruim, não cabe a nós apontar. Só nos questionamos em relação ao apelido dado à Karlie. Estão chamando ela de The Body (título que era de Elle MacPherson), mas como ela pode ser considerada “o corpo” se o mesmo causa sempre tanta polêmica?

2 – Emmy de luxo

Lembram de um esmalte composto por partículas de diamantes que falamos em algum DQF passado? Kelly Osbourne foi escolhida pelo designer de joias (e responsável pela opulência em forma de esmalte) Azature para usá-lo no tapete vermelho do Emmy, que aconteceu há dias atrás. Se o nível já era alto, imaginem agora não é mesmo?

Segundo Kelly, ela ficou o dia inteiro com medo de tocar nas coisas e borrar o esmalte. Nós compreendemos, se já ficamos chateadas em borrar o esmalte logo depois de pagarmos a manicure, imaginem só borrar um esmalte que custa R$500.000? Tenso.

Pelo jeito, deu tudo certo e Azature se deu bem na escolha da celebridade, porque Kelly realmente deu o que falar. Inclusive, outro dia mesmo ela rebateu as críticas que fizeram por ela estar usando algo tão caro (e tão inútil, convenhamos): “Vejo que meu esmalte ofendeu alguns de vocês. Apesar de entender sua opinião, foi uma experiência única. Me desculpem. Por favor, me perdoem por não me arrepender de ter usado. Fez eu me sentir como uma rainha!”

Só queríamos saber qual a reação dela quando o esmalte começou a descascar. hehe

 

3 – Gracinha

Tem como a gente terminar sem falar do choque e da tristeza que a gente sentiu no sábado quando soubemos que Hebe Camargo tinha morrido?

Mesmo tendo seus 80 e poucos anos, mesmo lutando contra o cancer, mesmo sabendo que toda hora ela estava voltando pro hospital, ela sempre pareceu ser imortal, sabem? Ela foi uma pessoa com tanta vitalidade e vontade de viver que é quase impossível assimilar sua morte.

Alguém disse que ela tinha essa capacidade de fazer com que todo mundo achasse que ela era uma amiga próxima. E é verdade, mesmo com a diferença de idade, taí uma pessoa que pessoas de todas as faixas etárias se identificavam.

Por isso, fica aqui a nossa singela homenagem (ilustrada pelo Hipster da Depressão).

Gostou? Você pode gostar também desses!

1 Comentário

  • RESPONDER
    dani garlet
    02.10.2012 às 9:50

    Uauuuu, é verdade, sempre pensamos em emagrecer com os tratamentos de imagens né, to chocadinha com essa aí… :(

    Beijos, Beijos,
    Dani

  • Deixe uma resposta